Psicologia Transpessoal

O que é Psicologia Transpessoal?

Posted on Posted in Profissões e Psicanálise, Psicanálise

Infelizmente, nem todos nós temos a liberdade de navegar em nossa própria essência e descobrir nosso verdadeiro eu. Contudo, os caminhos para isso podem ser iluminados e você pode alcançar a consciência que tanto deseja. Apresentaremos a você o que é a Psicologia Transpessoal e como ela pode mudar a sua trajetória.

O que é Psicologia Transpessoal?

A Psicologia Transpessoal se trata de uma terapia concentrada em trabalhar os aspectos espirituais do ser humano. Antes de mais nada ela é realizada de maneira humanista e se vale de variados métodos para ganhar espaço e aprofundamento na questão espiritual do paciente. Ainda que tenha essa premissa, a mesma se baseia em teorias psicológicas para trabalhar.

Abraham Maslow deu início a construção desse processo em meados da década de 70. Não apenas ele, mas outros colaboradores renomados ajudaram a formular esse processo. São exemplos:

  • Viktor Frankl;
  • Antony Sutich;
  • Stanislav Grof;
  • James Fadiman;
  • entre muitos outros.

O objetivo principal deste trabalho vem destacado em seu nome, é uma entrada “transpessoal”. Desta forma, o significado abraça tudo aquilo que vai além do pessoal, da camada externa do indivíduo. Porém, generalizando, essa terapia trabalha o descobrimento da essência humana e como o indivíduo pode crescer além dos limites do ego.

Psicologia Transpessoal e a Religião

Apesar do seu foco nos aspectos espirituais, a psicologia transpessoal não está necessariamente ligada a nenhuma religião. Para essa terapia, o espiritual não tem relação com espíritos ou o Espiritismo, e sim com a espiritualidade e nossa relação com o Todo.

A psicologia transpessoal vai além do individual e possibilita a conexão com algo maior, podendo ser considerada até mesmo uma abordagem holística. Sendo assim, através desse olhar mais abrangente é possível encontrar mais equilíbrio e paz interior.

Portanto, a prática das terapias transpessoais não se restringem aos membros de nenhuma religião. Aliás, é possível continuar suas tradições religiosas em conjunto com a psicologia transpessoal porque essa prática está interessada em observar você em todos os âmbitos. Logo, independente de qual for sua religião, se ela faz parte do seu eu autêntico ela não será um empecilho para práticas transpessoais.

Como a Psicologia Transpessoal funciona?

Não existe uma única diretriz quanto ao uso da psicologia transpessoal de abordagem integrativa. Por isso, os terapeutas se baseiam em diversas técnicas com o intuito de fixar o processo para uso pós-terapia. A proposta é que as técnicas utilizadas correspondam adequadamente às necessidades dos pacientes e se mostrem eficazes e positivas.

Nisso, o trabalho se concentrará no cultivo de maneiras intuitivas de adquirir e propagar conhecimento. A seleção se dá por tudo aquilo que pode complementar a figura psicológica de uma pessoa. Dessa forma, a terapia vai impulsionar o indivíduo a conquistar seu desenvolvimento, liberdade e realização.

Assim, o terapeuta pode se valer da escrita terapêutica para que a pessoa alcance consciência corporal. Indo além, também pode usar:

  • musicoterapia;
  • exercícios para a respiração;
  • visualização guiada;
  • meditação;
  • cura de sua criança interior.

O Poder do Transe

No trabalho com a psicologia transpessoal, o transe assume um papel relevante com bastante frequência. Isso porque ele acaba facilitando a construção conectiva com conteúdos inconscientes do paciente. Em linguagem mais simples, ele torna mais fácil expor as dificuldades que estão ativas na vida presente do indivíduo.

Isso pode ser feito, por exemplo, através da espontaneidade na sessão. Nesse caminho, o terapeuta se valerá do diálogo ou do método de associação livre de ideias no paciente. O próprio indivíduo dará ao terapeuta os tijolos que precisa para este caminhar sobre o seu inconsciente de maneira segura.

Além disso, a abordagem pode vir na forma de indução, sendo feita principalmente pelas mãos do terapeuta. Com isso, ele pode se valer das técnicas de relaxamento, imaginação ativa ou regressão para obter as respostas que necessita.

Técnicas de Psicologia Transpessoal

Como mencionado nas linhas acima, a psicologia transpessoal pode se valer de algumas técnicas para que seja adequadamente conduzida. São elas:

Relaxamento

A proposta aqui é fazer com que o participante relaxe e permita a navegação em sua estrutura interna. Por exemplo, isso pode ser alcançado por práticas meditativas que o façam entrar em contato consigo na terapia. Logo, a ioga e o controle da respiração também ajudam no alcance do relaxamento.

    NÓS RETORNAMOS PARA VOCÊ



    Quero informações para me inscrever na Formação EAD em Psicanálise.

    Imaginação ativa

    A imaginação ativa se concentra em encontrar mentalmente um cenário que cause conforto no paciente. Para isso ele será condicionado a pensar em cenários que tragam tranquilidade e relaxamento para ele. Em conjunto podem ser usados momentos que o paciente se lembra e que foram importantes e felizes em sua vida.

    Regressão

    A regressão consiste em assistir as experiências, sejam reais ou mesmo simbólicas, que desencadearam os seus sintomas. Consequentemente esse tipo de intervenção acaba ajudando na conquista de uma compreensão a respeito de sua formulação existencial. Dessa maneira, ela reconstrói seu estado mental, emocional, corporal e existencial.

    Por fim, pessoas com quadros de confusão e psicose estáveis podem se valer da técnica de relaxamento. Já as grávidas, além do relaxamento, podem usar a imaginação ativa.

    Benefícios

    O trabalho realizado com a psicologia transpessoal visa a repaginação da estrutura interna dos pacientes. Portanto, quando eles demonstram empenho em alcançar com boa vontade seu bem-estar, encontram também:

    Compreensão do “Eu”

    A princípio, uma das maiores peças trabalhadas aqui é o autoconhecimento, de modo que o visitante compreenda a si mesmo com facilidade. Nesse caminho, ele pode compreender mais rapidamente do que é capaz e trabalhar de forma otimista para alcançar seus objetivos na vida.

    Aceitação

    Além disso, ele pode fazer a aceitação de sua real natureza, respeitando-a, mas sendo autônomo quanto a isso. Muitas pessoas acreditam que devem tomar determinado caminho porque assim obedecem a algum padrão interno. Ao contrário delas, você poderá se mostrar apto a conquistar coisas novas e que agreguem benefícios em sua vida.

    Ampliação de sua observação

    A partir de agora fica possível enxergar novas realidades, algumas das quais você sempre batalhou para realizar. O processo de revitalização transpessoal acaba por tornar possível, por meio de sua participação, a sensibilidade para oportunidades. Dessa forma, o paciente fica mais atento a tudo aquilo que pode ser útil em sua vida.

    Os Efeitos da Terapia no Cotidiano

    Desde a sua implementação, a psicologia transpessoal funciona quase que de imediato, sendo vista na relação terapeuta/paciente. Entre esses dois surge um laço de confidencialidade, onde um confia no outro para trazer à tona o que guarda em si. Dessa forma, surge uma empatia, já que é necessário um esforço de ambos para entender a natureza do indivíduo.

    Em seguida, o paciente começa a se reconstruir, aplicando isso também aos seus relacionamentos e o mundo à sua volta. Ele trabalha de forma pluralizada, usando um ponto de vista cognitivo, emocional e existencial. Gradativamente, os seus sintomas vão melhorando enquanto ele desenvolve outras peças importantes às suas necessidades.

    Logo, no seu cotidiano, surgirão os efeitos práticos alcançados no estado de transe atingido durante a terapia. Assim, ele se mostrará mais:

    • focado;
    • consciente;
    • resistente ao estresse;
    • relaxado;
    • e com o bem-estar em dia.

    Psicologia Transpessoal – Curso

    O curso de psicologia transpessoal trabalha de maneira sequenciada a sua formação na área. Portanto você aprenderá as origens, relacionamentos entre terapias e como transcender limitações aparentes. Não somente como indivíduo, mas também como profissional, reformulando a sua maneira de lidar com outras pessoas.

    O melhor é que, em geral, os cursos possuem uma abordagem dinâmica com o aluno, sendo presenciais ou online. A interação com práticas bem utilizadas ajudam na captação de conhecimentos que vão te ajudar a criar novas competências. Após a sua aprovação você receberá um certificado contando sua formação e as diretrizes acadêmicas.

    Considerações Finais sobre Psicologia Transpessoal

    Leia Também:  Livro 1808: resumo de Laurentino Gomes

    Em resumo, o propósito da Psicologia transpessoal é fazer com que os participantes possam atingir seguramente seus componentes internos. Muitos de nós passam a vida enfrentando barreiras porque não temos acesso a uma verdade existencial. A fim de quebrar isso, a terapia propõe iluminar o que te atrapalha e te faz seguir pleno adiante.

    Portanto, para quem busca ressignificar a própria vida, é uma intervenção valorosa a ser utilizada. A partir de agora, a consciência sobre si mesmo será a sua maior aliada no crescimento.

    Não apenas a Psicologia Transpessoal pode te ajudar a crescer, mas a Psicanálise também foi construída com esse intuito. Com a ajuda do nosso curso 100% virtual de Psicanálise, você entrará em contato com suas potencialidades e superará tudo aquilo que impede o seu avanço. Temos uma das melhores ferramentas para que consiga crescer pessoal e profissionalmente!

     

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *