catsaridafobia medo de barata

Medo de barata ou catsaridafobia: causas e terapias

Posted on Posted in Comportamento

Se você não tem medo de barata, provavelmente conhece uma pessoa que morra de medo do inseto. Existe até um nome para a fobia de barata, catsaridafobia, que faz o indivíduo ter problemas para enfrentar seu medo. Vamos entender melhor o porquê de algumas pessoas verem a barata como algo tão ameaçador para elas.

Por que sentimos medo de barata?

Uma pessoa com medo de barata teme, em grande parte, a ideia de sujeira e doença que o inseto transmite. O sistema de autopreservação do indivíduo enxerga o animal como um perigo muito maior do que realmente pode ser. Claro, a barata traz problemas, mas a nossa mente enxerga esse ser sendo muito mais assustador.

Como está ligada à sujeira, a barata causa nojo e repulsa instantâneos, fazendo a pessoa se afastar rapidamente dela. Assim, a repulsa por baratas serve como uma proteção que nos afasta de possíveis contaminações que ela pode trazer. Porém, o medo do inseto age de modo traiçoeiro, causando pânico sempre que um fóbico fica perto do inseto.

Quem poderia imaginar que um pequeno animal é responsável por causar tanto pânico, ansiedade e mal-estar generalizado. Assim que encontra o motivo da sua fobia o indivíduo ativa inconscientemente reações abruptas para se defender.

Causas

É normal para a maioria das pessoas sentir desconforto ou ficarem com medo diante de insetos. No que diz respeito as baratas, elas gostam de lugares quentes, escuros e com alimento disponível. Indivíduos com medo crônico de barata e especialistas afirmam como possíveis causas:

Contato direto com o animal durante a noite

Ao dormir, uma pessoa apaga as luzes e não anda pela casa, deixando o ambiente livre para bichos invasores. Muitos fóbicos revelam o medo de que os insetos caminhem sobre a pele deles, inclusive pela boca.

Mecanismo de defesa

Por meio de um mecanismo evolutivo que a humanidade adquiriu o medo de baratas e de outros insetos. De acordo com historiadores, nossos ancestrais se acostumaram a ficar alertas quando dormiam em campos abertos ou cavernas. A barata representa uma ameaça noturna que ativa as nossas defesas.

Traumas

Na internet nós sempre encontramos a frase “ninguém tem medo de barata até que ela comece a voar”. Dito de outra forma, um trauma forte pode ter desencadeado a fobia desses insetos. Por exemplo, uma barata voar para cima de alguém ou ter caminhado sobre a pele do indivíduo.

Projeção dos pais para os filhos

Uma criança pode desenvolver pavor por baratas por causa dos comentários negativos constantes que seus pais fazem. Desse modo, o jovem entende que o inseto é um sinal de ameaça e passa a tratá-lo assim logo cedo.

Castigos

Algumas pessoas que sofreram castigos, como ser trancadas em lugares escuros, podem desenvolver medo de barata. Ou que precisaram passar por lugares úmidos e pouco iluminados em algum momento da vida. Como você pode notar, esses são ambientes ideais para baratas viverem.

Sintomas

Pessoas com fobia de barata têm mais propensão a desenvolver TOC com limpeza. Já que a barata é um animal sujo, limpar a casa constantemente vai dar mais proteção contra elas. Além desse TOC, que também envolve uso contínuo de inseticidas e limpeza em excesso, quem tem medo de barata demonstra:

  • ansiedade;
  • ataque de pânico se ficar descontrolado;
  • taquicardia;
  • respiração ofegante diante do inseto;
  • crises de choro.

O mau exemplo

Como dito anteriormente, o medo de barata pode surgir graças ao espelhamento que fazemos dos nossos pais. A criança costuma imitar comportamentos, inclusive os receios e medos de um grupo. O cérebro dela acaba entendendo que deve agir de acordo com os demais, reproduzindo o medo deles.

Ainda que não seja proposital, a transmissão desse medo por parte dos pais gera instinto de defesa na criança. Por meio do exemplo, a criança copia atitudes de desconforto em relação ao inseto, sendo condicionada a repetir esse comportamento dos pais.

Mesmo que essa convivência influencie em nossas escolhas, jamais poderá determiná-las. Da mesma forma que aprendemos a temer algo, nós também podemos aprender a não sentir mais medo. É um processo longo, mas é possível uma pessoa superar os seus traumas.

Leia Também:  A Revolução dos Bichos: resumo do livro de George Orwell

A sensação de descontrole

Baratas se movimentam rapidamente, inclusive enquanto estão voando. Por isso que quem possui medo de barata sente uma profunda dificuldade de interagir com o animal. Apesar de pequena, não há como comparar a nossa velocidade com a dela para eliminarmos o inseto.

Por falar em tamanho, por chegar a ser pequeno, o inseto tem uma facilidade grande para se esconder. As pessoas com fobia reclamam, também, do medo de encontrar o animal em objetos e móveis. Existe, então, o fator surpresa, já que a barata pode transitar por qualquer lugar e surpreender o indivíduo com fobia.

Higiene da casa e da mente

Além de limpar a nossa casa como de costume, nós devemos fazer o mesmo com as nossas mentes. Ter medo de barata é algo compreensível e não queremos que qualquer pessoa pense o contrário. Contudo, os cuidados com a mente permitem um controle maior das reações quando um surto acontece.

    NÓS RETORNAMOS PARA VOCÊ



    Quero informações para me inscrever na Formação EAD em Psicanálise.

    Os comportamentos e reações que a fobia de barata causam podem ser melhorados ao passo que uma abordagem terapêutica avança. Sentir medo ainda é algo possível, mas mudar determinados comportamentos vai evitar um desgaste emocional maior. No tópico seguinte, você entenderá mais como esse processo acontece.

    Terapias

    Felizmente, quem sofre com o medo de barata pode superar a sua fobia do inseto. Mesmo que seja difícil inicialmente, a terapia de exposição vai ajudar o paciente a tolerar a presença de barata. O terapeuta mostrará fotos do animal ou aproximá-lo do paciente para ele tocá-lo e diminuir as reações de pânico.

    Além da terapia de exposição, a hipnoterapia revelará a origem desse medo para então mudar os pensamentos do paciente. De modo semelhante, a terapia cognitivo-comportamental ajudará a pessoa no tratamento a racionalizar o seu medo e mudar seus comportamentos. Assim, o paciente vai perdendo o medo do inseto, controlar os seus impulsos e manter a calma diante da barata.

    Considerações finais sobre o medo de barata

    Quem não sofre com o medo de barata, agora entende a razão das crises que uma pessoa com catsaridafobia enfrenta. Ainda que seja pequeno, o inseto é capaz de desencadear uma série de reações negativas em quem o teme. Por isso que o medo de alguém não deve  ser subestimado ou tratado como motivo de piada.

    Quanto ao tratamento, nós deixamos claro que cada pessoa reage de modo específico à terapia. Por isso que o paciente deve falar abertamente com o terapeuta a respeito do seu medo sem sentir vergonha. Assim, o profissional pode escolher quais métodos trarão mais resultados e permitir que o paciente supere seu medo.

    E você, já conhece o nosso curso online de Psicanálise? Sendo o mais completo do mercado, os alunos têm as ferramentas necessárias para trabalhar o potencial interno e desenvolver autoconhecimento deles. Para quem possui medo de barata ou outro bloqueio comportamental, a Psicanálise é uma aliada formidável na busca por transformação pessoal.

    32 thoughts on “Medo de barata ou catsaridafobia: causas e terapias

    1. Tenho fobia de barata e acho impressionante que quando tentamos buscar informacao a respeito, invariavelmente todos os sites tem um banner GIGANTE com a foto do bicho logo de entrada. Quer dizer, é impossível ler a respeito sem ter mal estar. Coisa mais contraditória que já vi. Nesse site achei que seria diferente, mas…

        1. E eu q tenho que acordar cedo e já são 3:41 da manhã, agora a pouco tava indo dormir e uma batata voo na MH direção e dps parece q caiu no chão, eu vi o vulto dela só e o barulho dela voando, nem sabia que era uma barata mas era suspeito só foi no instinto e eu sentindo a presença maligna da barata levantei correndo e acendi a luz (“cadê? Não é nada?eu tô ficando paranóica?”) Daí eu procurando ela e nada não tinha nada e do nada ela aparece no chão com as asas abrindo aquela coisa asquerosa chamei meu irmão pra matar ele nem aí, peguei uma chuteira e taquei nesse inseto fdp, ela foi tentar subir na parede e eu sai correndo do quarto, acendi a luz da sala, e MH mãe apareceu pra matar ela amém, tive a crise de choro, tô até nervosa até agora sem conseguir dormir, só o ódio e a sensação de descontrole, cada micro barulho eu penso que é outra barata, sinto meu cabelo e penso q é uma barata, sinto a coberta e penso que tem barata, inclusive já sacodi minha coberta duas vezes depois disso com medo de ter outra por aqui. Isso é horrível. poderia ser uma cobra, uma aranha bem grande mas uma barata não dá eu não consigo mais que ódio eu odeio novembro pqp. EU ODEIO BARATAS COM TODAs AS MINHAS FORÇAs

          1. Kkkkkk agora são 3 :26 da madruga ,tbm estava indo dormir quando ouvir um barulho achei estranho e aí começou eu levantei correndo pq tenho pavor ,olhei pra trás eu vi o monstro ,ela correu para o canto ,eu com taquicardia ,fui no armário peguei meu inseticida e taquei debaixo do móvel a distância ,ela começou a voar posou na parede do guarda roupa, taquei mais e mais , fiquei no sofá pensando o que vou fazer ,vou dormir sentada mesmo por aqui , aí tive coragem de olhar no quarto, eu morrendo de medo dela está atrás da porta pois foi o lugar que vi ela ,ela já estava do outro lado ,aí o sono tá demais ,tô vendo ela de perna para o ar ,mas vou conseguir dormir agora

            1. Cara eu acho que tem um horário delas saírem pq agr são 3:15 tô deitado todo tenso,agorinha eu tava dentro do banheiro e qnd eu olhei pro pé da porta tinha aquela coisa parada,eu nem pensei só bati a porta pra ela não entrar,e ainda subi em cima do vaso caso ela entrasse.eu não parava de olhar sem piscar pra porta,ficava o tempo todo passando a mãos pelo corpo sentindo que tinha uma barata nele,sério meu coração acelerou e eu tava tentando não chorar alto pq sinceramente eu não sabia oq fazer e eu precisava sair só que eu tava com muito medo,por impulso de última tentativa de sair depois de muito mas muito tempo,eu comecei a bater na porta gritando a minha mãe de madrugada,cara ela tá muito brava cmg,só sei q segui ela correndo pro quarto chorando.
              E agr tava pesquisando se esse medo era normal….enfim tirem aquela foto do incio por favor,aquilo só me deixou mais agoniado

          2. Meu deus, parece q fui eu q escrevi .. é horrivel de mais, eu sinto vontade de me matar cada vez q vejo esse bicho. É horrivel essa situaçao, sinto q perdi o controle

      1. Oi, Marcia. Você tem razão. Há alguns dias alteramos o post e trocamos as fotos. Não há fotos de baratas neste artigo.

    2. Caramba, que falta de responsabilidade um post desse com essa foto. Desculpe, não li nada, pq tem uma foto desse bicho. Se quiser realmente ajudar as pessoas, sugiro deletar essa imagem.

      1. Larissa, sua observação é muito importante. Vamos trocar as imagens, para que não se relacionem ao tema que traz o medo. Att., Equipe Psicanálise Clínica.

    3. São 03:23 estava quase dormindo quando acendi a luz do quarto pra matar um pernilongo e vi uma barata, ele correu. Ja acordei meus pais, pra ver se achavam ela, mas não, to passando mal, sem conseguir dormir pensando que ela pode subir em mim, to suando frio. Pq elas aparecem justo no quarto, nosso lugar de descanso, meu cabelo tá molhado de tanto suor, pelo jeito hoje eu nem durmo

    4. São 01:23, eu estava tentando dormir, quando eu vi um algo preto no chão, como tenho pavoor de baratas já liguei logo a lanterna do celular para ver e como eu já desconfiava era a monstra, dei um pulo da cama e chamei meu irmão, ele até tentou matar mas não conseguiu foi p debaixo da cama. Infelizmente somos incompreendidos por muitos, na minha casa chamam de “frescura”, mal sabem o desespero.

    5. Agora são 3:42 da manhã, eu estava deitada na minha cama com meu celular e comecei a ouvir um barulho bem do meu lado, ativei a lanterna do meu celular para ver o q era e adivinhem…uma desgracadinha do meu lado, logo quando eu a vi me enrolei debaixo do cobertor e comecei a pingar de suor, estava paralisada, nao conseguia me mexer, eu estava chorando muito e tendo ansias de vomito, foi assim que minha mae acordou e veio para o meu quarto junto à minha irmã, ambas procuraram a demonia e nao acharam nem resquícios da mesma. Conclusão: agora estou tentando dormir no quarto da minha irmã, pois a barata ainda está pedida por ai, hoje eu não durmo.

    6. As mulheres relatam fobia, ou medo de baratas, até aí tudo bem, pior para mim, que sou homem e sofro do mesmo medo, eu tive na infancia umas experiencias terríveis com muitas baratas andando em cima de mim, então já passados meio século, continuo com o problema, hoje uma barata entrou voando no meu quarto, eu saí apavorado e tenho que admitir, minha gatinha deu um pulo, pegou ela e começou a brincar, mas foi minha mulher quem matou, eu morro de vergonha.

      1. Sim, bem no quarto que é o lugar meu preferido… comprei iscas de barata da raid e funciona e também, quando aparece/aparecia uma eu tentava ignorar o medo e não sentir nada, e funciona, simplesmente só matava e tentava não pensar sobre o medo

    7. Ter medo de barata é algo tão ruim e intenso, principalmente quando ela aparece na hora do descanso, sentimos insegurança, sentimos desespero e pânico. E o que piora a situação é que a barata é um bicho extremamente rápido, principalmente a voadora. Se eu pudesse realizar qualquer desejo no mundo, eu desejaria a extinção das baratas.

    8. Primeira vez lidando de perto com uma barata voadora.. entrou no meu quarto, ficou um tempo, ouvi o barulho e achei que era uma mariposa pequena… bati inseticida nas direções que eu ouvia um barulho.. quando vi… meu quarto é minúsculo e tem muitos livros.. meu pai veio matar, demorou para achar mas quando ela apareceu de novo eu estava em cima da cama gritando, cheia de suor, engasgando prestes a chorar e tremendo muito.. minha mãe veio me segurar e meus batimentos cardiacos estavam muito rápidos. Já tinha tido situações de ver alguma barata, mas sempre longe, nunca voando e nunca no meu quarto. A sensação é horrível e tinha sido durante muitos anos o único canto da casa que uma não tinha entrado. Joguei no google porque achei minha reação muito exagerada e descobri esse termo “catsaridafobia”, mas que bola fora ter a imagem de uma dessas desgraças bem no começo do artigo

      1. Sua colocação é muito válida. Percebemos este problema depois que o artigo foi publicado. Já removemos a imagem de barata que havia no texto. Obrigado.

    9. Agora são exatamente 01:11 da madrugada e não consigo dormir porque uma bendita barata foi pro meu quarto e literalmente deu de querer sumir bem no meu quarto, meu irmão nem ligou e tão pouco minha mãe eu to até agr com a luz do banheiro ligada e esperando pra ver se ela aparece, minha mãe tentou procurar e nada e ja foi dormir eu to querendo chorar porque nem coragem pra procurar ela eu tenho, sério odeio barata com todas as minhas forças tenho pavor e passei a ter essa fobia dps que uma barata chegou a voar na minha direção e andar em mim foi a noite mais horrível quando isso aconteceu aff

    10. Essa fobia é terrível, nessa época de verão não tenho paz, é muito ruim ter essa sensação. Meu marido não entende, acha que é facil ir lá e matar. Acabou de aparecer uma na minha área, tranquei a casa toda. Só nós sabemos como é terrível essa sensação de impotência…queria dormir e acordar sem medo, seria um grande sonho realizado…

    11. Já tive muitas experiências negativas com esse inseto – monstro!
      A 1a que me lembro ainda na infância com uns 7-8 anos ela passando no meu cobertor e quando abri o olho estava bem em cima de mim. Claro que os gritos acordaram todos na casa.
      Uma vez adolescente teve uma feira de ciências na escola que tiveram o desprazer de levar vários tipos de baratas , descobri que tem uma do mar que deve ter uns 15 cm sem brincadeira, passei 1 semana sem dormir direito pq tive pesadelos com a barata.
      Uma vez caiu uma na minha mão, fora o susto, senti aquela coisa nojenta na minha pele eu gritei uns 20 minutos fora chorar e chorar. Tive que tomar um calmante nesse dia.
      Mesmo hoje com 36 anos ainda tenho medo .Aqui tem aquelas francesas que são menores. Já consigo enfrentar dentro de um possível limite, coloco toda minha raiva para matá-las! Se for aquela maior de esgoto eu quase vomito de tanto nojo!
      Não sei com vocês mas elas correm na minha direção, inclusive já provei para meu esposo e filho esse fato! Se estou na rua, corro mesmo, não estou nem aí pra quem esteja vendo pq eu sei o que eu sinto e passo dentro de mim.
      E fora que tem gente que cisma de vender na rua em época de hallowen .. ???? Eu nem consigo andar às vezes, fico gritando , é um horror!
      Primeira página que estou vendo que não tem foto da barata . AMÈM!

    12. Caramba, a pior é a voadora. Essa daí me deixa em pânico, aquela q não voa eu fico em alerta, a voadora eu saio correndo e gritando. Do nada eu começo a me bater e a me coçar de forma involuntária, achando q ela tá em mim. Que nojo

    13. Bom dia!!
      Quero muito fazer a terapia de exposição para enfrentar o medo de barata, mas não sei onde fazer. Tem algum lugar aqui no Rio de Janeiro que possa indicar? Só com a barata na minha frente e um profissional que possa orientar, é que vencerei esse medo. Mas não sei como buscar. A maior parte que vejo trata da terapia comportamental ou hipnose. Quero um tratamento “hard”…rs. Coloque a barata na minha frente e vamos lá.
      Desde já agradeço! Pagaria até 10 sessões, mesmo que uma só resolvesse:) Quero é resolver!!

    14. São 3:30 da manhã, parece q é o horário delas. Sempre tive medo de barata, mas está cada dia pior. Eu tava dormindo e senti algo estranho no meu corpo, dentro do meu pijama, começei a suar, imaginei um besouro, tirei e joguei fora, liguei a lanterna do Cel e pasmem era uma barata AAA. Aiiii que nojooooio. Fiquei trêmula, taquicardia, com nojo de mim, da minha pele, corri p o banheiro tirei a roupa e tomei banho, se pudesse teria me jogado água sanitária. Tirei os panos da cama, edredom, capa de travesseiro. Não consigo mais dormir, tô nervosa e chorando, ninguém bom me ajudar, não consigo nem deitar, tô sentada, chorando e agora com dor de cabeça de tanto medo e nojo. Pior que esse medo já passei p minha filha de 6 anos.

    15. Eu acho que a barata sente o cheiro de quem tem medo . Eu tenho pavor de barata . E onde tem barata ela vem voando ou correndo para o meu lado !

    16. Estou com sério problema trauma e fobia de barata, desencadeou por conta de um dia quando minha me largou dentro d um banheiro dentro de um dia galpões dela, eu tinha uns 12 anos e baratas começaram a subir em mim e fiquei sem reação chorando n banheiro escuro, hoje estou com 40 anos ainda carrego o trauma de forma pior, eu imagino batata voando andando perto d mim quando vou durmi, e isto está me deixando sem sono, já teve caso d viajar para um sítio e ter q durmi dentro d carro por conta de uma barata n quarto, n consigo me controlar vendo uma saio até d perto ao invés d mata la

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.