psicologia do trabalho

Psicologia do Trabalho: características e atribuições

Posted on Posted in Profissões e Psicanálise

A forma de se expressar em qualquer ambiente influencia diretamente no fluxo dele e na saúde das pessoas. Especialmente no trabalho, essas trocas geram movimentos direcionados a um plano coletivo e também individual, o que inclui a saúde. Hoje falaremos a respeito da Psicologia do trabalho, algumas de suas atribuições e características.

O que é a Psicologia do trabalho?

A Psicologia do trabalho se trata de uma vertente da Psicologia comum, mas direcionada ao estudo comportamental no trabalho. Assim, ela se empenha em mapear e analisar os movimentos existentes nas empresas em relação às trocas dos funcionários.

Para isso, vai dispor de objetivos e metodologias pessoais para validar suas ações e interferências. Essa é parte da iniciativa de avaliação da conduta humana dentro do trabalho, a partir de uma perspectiva individual, coletiva e social. Dessa forma, a melhora na qualidade de vida laboral dos colaboradores se mostra mais acessível.

A base primal das organizações é a construção de grupos que ao mesmo tempo em que interagem são independentes. Com isso, esses locais se comunicam constantemente com o contexto e vão se adaptar as necessidades dele. Ao fim, vemos que essa Psicologia laboral vai zelar pelo bom funcionamento do ambiente enquanto cuida do rendimento e efetividade.

Meta

O propósito da Psicologia do trabalho é promover e trabalhar a qualidade de vida dentro das empresas e organizações. Isso acontece quando o profissional considera a personalidade dos colaboradores, bem como os seus talentos individuais e os estudos para atingir potenciais. Desse modo, se torna possível alcançar a satisfação do indivíduo, o que resulta em aspectos positivos para o ambiente laboral.

Já que o trabalho pode ser exaustivo, os profissionais buscam naturalmente meios para lidar com esse empecilho. Essa busca natural por soluções é necessária para que o bem-estar geral se instale e evite prejuízos universais. Afinal, se o profissional não está satisfeito, seu rendimento cai e pode afetar tanto ele como os demais envolvidos.

Além disso, um trabalhador insatisfeito corre o risco de deixar o trabalho ou se ausentar dele. Como resultado, podem surgir diversos atestados, licenças ou até mesmo ausências não planejadas. Assim, a Psicologia laboral contribui diretamente para a saúde desse público e do ambiente organizacional, gerando harmonia e suporte.

Atribuições

Nas linhas acima, mencionamos de forma generalizada o que a Psicologia do trabalho pode fazer por todos na empresa. Porém, quando refinamos as atribuições de um psicólogo do trabalho, podemos encontrar:

Preparação

Um psicólogo do trabalho contribui na preparação dos trabalhadores que foram contratados recentemente. Dessa forma, ele vai orientar psicologicamente a equipe para atuar como se espera no ambiente de trabalho. O ambiente possui desafios e necessidades, mas esse apoio a ajudará a lidar com isso.

Plano de carreira

Graças a essa proposta, se mostra possível a construção de um plano de carreira dos trabalhadores. Assim, os colaboradores podem projetar o futuro da própria carreira de forma eficaz e direcionada. Gradativamente, eles podem encontrar oportunidades no mundo por estarem se preparando para tal.

Observação

Um psicólogo do trabalho também vai observar os relacionamentos dentro do ambiente laboral. Ele não estará apenas preocupado com a relação entre as pessoas, mas também a dos indivíduos com os seus instrumentos de trabalho. Dessa forma, ele vai direcionar os profissionais, intervindo sempre que for necessário.

A Psicologia como amparo

Dentro de uma empresa existe uma pressão contínua durante as 8 horas de trabalho, o que contribui para o surgimento de uma carga psicológica. A atuação da Psicologia do trabalho visa trabalhar essas situações em prol da saúde do colaborador. Nesse sentido, o profissional da Psicologia se esforça também para entender e administrar esses movimentos e contribuir para a qualidade e a produtividade local.

Leia Também:  Jean Piaget: o que é escola, aprendizado e infância

Entenda que o trabalho dele não é apenas ganhar dinheiro, uma vez que ele acaba por modelar e fazer parte da personalidade de todos. Por exemplo, quando pensamos em alguém, também consideramos a vida que essa pessoa tem e na forma como o seu emprego a define. No momento em que esse indivíduo se sente bem com isso, ele faz o mesmo consigo. Por essa razão, o psicólogo contribui para essa essa conquista.

Quanto aos profissionais, o mercado de trabalho costuma ser bastante amplo em relação à sua colocação nele. Nesse sentido, um trabalhador pode ser contratado por empresas de segmentos variados, embora exerça funções parecidas, incluindo pesquisas acadêmicas.

Benefícios da Psicologia no trabalho

O auxílio da Psicologia do trabalho no RH da empresa costuma trazer resultados grandiosos para o lugar. Ele vai muito além dos ganhos financeiros, chegando na saúde e no bem-estar dos trabalhadores. Consequentemente, ele também afeta o rendimento da empresa. Dentre os ganhos com sua inclusão, destacamos:

NÓS RETORNAMOS PARA VOCÊ



Quero informações para me inscrever na Formação EAD em Psicanálise.

Diminuição de ausências e rotatividade

Com esse apoio, o índice de faltas acaba diminuindo bastante, impedindo que a equipe mude constantemente por ausência e demissão. Já que os trabalhadores estão mais motivados e com desejo de participação, eles acabam faltando menos ou se ausentando com menor frequência. Também é necessário pensar nos benefícios relacionados aos custos financeiros e emocionais.

Trabalho em equipe

Graças à motivação alcançada, o trabalho em equipe melhora junto com a relação interpessoal. Isso acontece através de uma comunicação mais fluida e da produtividade, que traz melhores resultados.

Liderança

Da mesma forma que os colaboradores, a liderança da empresa também se refina e melhora, alcançando uma eficácia maior. Consequentemente, o apoio do psicólogo afeta com positividade a gestão a partir de processos implementados e uso de recursos humanos e materiais.

Feedbacks

Já que a comunicação está melhor, ela colabora na construção de feedbacks, gerando relações mais claras e efetivas. Como todos os profissionais passam a ter metas em comum, os conflitos se dissolvem e todo o esforço da equipe colabora para o crescimento da empresa. Isso porque existe um campo construtivo em que as falhas e empecilhos podem ser trabalhados.

Crescimento de perspectivas

Por meio desse incremento, o colaborador vai entender as metas da empresa e entender como ele pode contribuir com isso. Além de ajudar no crescimento da instituição, o trabalhador passa a ter seu valor reconhecido e sua autoestima profissional se eleva.

E para se tornar um psicólogo do trabalho?

Se um indivíduo se interessar pela Psicologia do trabalho, o bacharelado em Psicologia é a primeira etapa na sua carreira. Com duração de 5 anos, ele possui uma extensa grade curricular com disciplinas práticas, teóricas, além do uso do laboratório. Além de trabalhar com a área da saúde, ele atua também em Ciências Exatas e Humanas.

Mercado e remuneração

Caso queira ingressar na carreira da Psicologia do trabalho, saiba que a média salarial para esse psicólogo é de R$2.175,00. Porém, esclarecemos que esse valor pode mudar de acordo com a experiência do indivíduo, a região que ele trabalhará e o porte da empresa.

Um levantamento feito pelo SINE indica que, inicialmente, o psicólogo do trabalho recebe R$1.800,00 dentro de uma empresa menor. Caso a empresa seja de grande porte, o valor sobe para R$3.000,00. À medida que a experiência aumenta, um psicólogo com mais de 8 anos de mercado chega a ganhar 7.000,00 no cargo sênior.

Leia Também:  Como ser bem sucedido na vida e no trabalho?

Considerações finais sobre a Psicologia do trabalho

A aplicação adequada da Psicologia do trabalho pode contribuir para o crescimento exponencial de uma organização. Não apenas a empresa, mas os seus funcionários também amadurecem, encontrando seu potencial e a sua capacidade de transformação.

Como se trata de um trabalho em conjunto, é preciso haver uma ponte que ligue os dois lados dessa operação. Já que tudo o que acontece com um reflete no outro, por que não investir no crescimento mútuo para ganho geral?

Isso também pode acontecer se você garantir sua vaga em nosso curso online de Psicanálise. Lapidando o seu autoconhecimento, você será capaz de encontrar o seu poder de mudança e a sua capacidade de realização no mundo. Quando se combina a Psicanálise com o trabalho, você deixa as portas abertas para a reformulação, algo que a Psicologia do trabalho termina por fazer constantemente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

nove + dez =