psicanalise-para-engenheiros

3 Benefícios da Psicanálise para Engenheiros

Posted on Posted in Comportamento, Curso de Psicanálise

O curso de Engenharia é um dos mais populares não só no Brasil, mas no mundo todo. Neste artigo, iremos relatar três benefícios da psicanálise para engenheiros. A popularidade da Engenharia se dá pelo vasto leque de possibilidades que a profissão oferece e também pela alta remuneração. Porém, os profissionais da área enfrentam dificuldades durante todo o processo da profissão.

O que é a Psicanálise?

A psicanálise é uma ramificação clínica que tem como objetivo o entendimento da mente humana através da análise e da compreensão do subconsciente. Foi criada pelo médico Sigmund Freud em 1890 a partir do tratamento de pacientes diagnosticados como neuróticos e/ou histéricos.

Quem pode estudar Psicanálise?

A psicanálise pode contribuir para uma melhora em diversos aspectos da vida daqueles que se dedicam a estuda-la. Entretanto, um erro comum é acreditar que apenas psicólogos estão aptos para se dedicar a esse estudo.

Portanto, ao contrário do que pode parecer em primeiro momento, para estudar psicanálise não se precisa ter um diploma de medicina ou psicologia. Ou seja, a formação em psicanálise acontece através de cursos livres. E, sendo assim, está disponível para profissionais das mais diversas áreas.

O perfil do profissional de engenharia

Não apenas para conseguir um diploma de engenharia, como também para trabalhar na área, que é uma das mais concorridas no mercado, são necessários muitos anos de estudos e muita força de vontade. Porém, além dos anos de dedicação e estudos, existem características que são esperadas dos profissionais dessa área, algumas delas são:

  • Saber trabalhar em equipe
  • Saber gerenciar projetos
  • Saber gerenciar conflitos
  • Sede por conhecimento
  • Proatividade

Entretanto, apesar de serem necessárias. Desenvolver tais características pode ser um trabalho desafiador para alguns dos muitos profissionais das diversas ramificações da engenharia.

Formação de Engenheiros

A trajetória dentro da Engenharia é árdua desde o início. Visto que, o índice de reprovações nas matérias do curso é alto dada a complexidade das disciplinas e a sobrecarga de conteúdo. Isso, porém, é de conhecimento popular.

Nesse cenário, o encaixe da psicanálise na área da Engenharia tem dois principais pontos de importância, englobando o âmbito mental e o âmbito curricular.

1. O Âmbito Mental da Psicanálise para Engenheiros

Quando um aluno decide cursar Engenharia ele está, de modo superficial, ciente da dificuldade natural que o curso carrega. Isso, porém, não é o suficiente para ampará-lo emocionalmente pelos anos de faculdade e, depois, na prática da atuação profissional.

Sendo assim, mesmo a noção do fracasso estando presente na mente dos estudantes, isso não torna a experiência mais simples ou suportável e é aí que a psicanálise entra em ação.

Nesse ambiente o autoconhecimento é essencial, principalmente na visão psicológica.Então, é fundamental que os alunos aprendam a lidar com o fracasso e com as emoções que ele desencadeia.

A Psicanálise facilita esse autoconhecimento, abrindo portas para que os estudantes lidem melhor com os obstáculos e não deixem que esses se resultem em ainda mais obstáculos.

2. O Âmbito Curricular da Psicanálise para Engenheiros

O século XXI está sendo marcado pelas grandes e rápidas mudanças e transformações. Porém, o desafio dentro da Engenharia, atualmente, não é criar novas teorias, metodologias e técnicas, mas utilizar as já existentes como instrumento de trabalho.

Dessa maneira, o principal desafio no âmbito acadêmico deixa de ser o ensino e passa a ser a aprendizagem. A dificuldade, nesse cenário, é que o ensino e a aprendizagem são entrelaçados.

Nessas circunstâncias, a Psicanálise atua como instrumento de estudo. Sigmund Freud, psicanalista que foi pioneiro nos estudos da psicologia, defende a ideia de que a aprendizagem é um ato inconsciente.

A partir dessa ideia, Freud cria o modelo psíquico, que tem como hipótese básica que o funcionamento e o desenvolvimento da mente humana são parte de um processo inconsciente. Dessa maneira, o psicanalista enxerga a consciência como algo excepcional, e não comum, no funcionamento mental.

Ao aceitar essa teoria freudiana, é colocado em questionamento o conceito de que a aprendizagem é algo controlado pelo professor. Sendo assim, as técnicas, metodologias e teorias de aprendizagem devem ser revistas e re-conceituadas para que caibam nessa hipótese.

A Psicanálise, assim, ajuda não só no estudo dessa possibilidade, como em enxergar que o interesse, disposição e desejo, da parte do estudante e da parte do professor, são o alicerce de uma boa aprendizagem.

A carreira de um Engenheiro

Depois de vencer os desafios e obstáculos implementados pela faculdade, o engenheiro se prepara para enfrentar as dificuldades da profissão quando exercida. Portanto, ao atuar como engenheiro são duas as principais dificuldades encontradas: uma, novamente, no âmbito mental e emocional, e a segunda no âmbito social.

1. Âmbito Social da Atuação do Engenheiro

A profissão da Engenharia vem acompanhada de uma grandíssima responsabilidade social. Isso porque, qualquer obra ou projeto possui um impacto social, seja de maneira direta ou indireta.

O desmatamento, por exemplo, é um grande obstáculo dentro da profissão, já que acompanha pressões externas, como da imprensa e de movimentos que são contra o ato.

Além disso, há a necessidade constante de quebra de paradigmas e inovação. Essa, além de causar pressão interna, vem acompanhada da possibilidade de fracasso e julgamentos, já que o campo da Engenharia, no Brasil, é bastante crítico.

2. Âmbito mental e emocional da Atuação do Engenheiro

O outro principal desafio para engenheiros atuantes é a falta de estabilidade profissional. É normal, dentro da profissão, que engenheiros sejam contratados para projetos isolados e não em um emprego estável e garantido.

Isso pode causar desequilíbrio emocional e baixa autoestima, com possíveis dificuldades de retomar o serviço depois da conclusão de outro.

A Psicanálise nesse cenário da Engenharia

Diante a essa situação, a psicanálise age dentro do seu principal objetivo: no auxílio emocional de indivíduos. Ao lidar com tanta pressão, interna e externa, é normal que o indivíduo se desestabilize e encontre dificuldades para prosseguir a carreira e atender todos os requisitos necessários para manter o ritmo e qualidade.

Por esse motivo, o auxílio proporcionado pela psicanálise é extremamente importante, pois contribui para estabilidade emocional dos engenheiros, que é fundamental para uma boa jornada de trabalho.

Por mais que pareçam incompatíveis, a Engenharia e a Psicanálise podem se interligar de maneira bastante profunda. Sendo assim, ampliando os horizontes e a capacidade dos engenheiros, sejam eles ainda estudantes ou já atuantes.

Benefícios da Psicanálise para Engenheiros

Contudo, podemos dizer que o estudo da psicanálise é, atualmente, essencial na área da Engenharia. Podendo trazer para os profissionais, grandes benefícios, como:

  • Forma de autoconhecimento e para compreender as outras pessoas;
  • Melhora na convivência do profissional consigo mesmo e com os outros (sua equipe, seus clientes);
  • Maior aperfeiçoamento nos métodos de estudo e aprendizagem e na saúde mental dos estudantes e atuantes;

Desse modo, permitindo que estes pratiquem a profissão de maneira mais completa e com maior excelência.

Curso de Psicanálise Clinica

Como visto, a psicanálise para engenheiros, e também para as demais áreas de atuação, pode trazer benefícios no âmbito pessoal e profissional. Se você for um profissional da engenharia, ou de outra área, e desejar estudar psicanálise, temos um convite para você.

Nosso Curso de Psicanálise Clinica é 100% online e completo. Com ele você poderá desfrutar do conhecimento e dos bônus que a psicanálise trará para sua profissão. Além de possuir a possibilidade, se desejar, de mudar de profissão e atuar como psicanalista.

Foi útil para você? Curta, Comente e Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *