acompanhar o filho na escola, acompanhar o aprendizado do filho

Acompanhar meu filho na escola: 13 dicas para os pais

Posted on Posted in Psicanálise e Cultura

Acompanhar meu filho na escola não é uma tarefa simples. Os papéis dos professores e pais na educação dos filhos são complementares e essenciais para uma formação completa. Seja ela acadêmica quanto cultural, emocional, social e em valores. Então, quer saber mais sobre esse assunto? Continue lendo o nosso post para ter mais informações e dicas. Confira!

Desenvolvimento do meu filho

O papel dos pais no acompanhamento escolar de seus filhos deve ser igual ao dos auditores. Eles controlam que o trabalho seja feito e que as regras de apresentação sejam respeitadas. E, além disso que não tenha erros por descuido.

No entanto, não entram direto no conteúdo das tarefas porque limita o desenvolvimento da autonomia dos jovens. Em especial, se não tiver instrumentos pedagógicos necessários para os orientar de forma correta.

O monitoramento não deve ser restrito ao primário

É normal que os pais se envolvam mais nas atividades educacionais dos filhos quando são pequenos. Mas é muito importante não negligenciar o acompanhamento nos anos passados.

A este respeito, a importância da participação da família aumenta à medida que avançam as etapas educacionais. Porém, nas séries mais avançadas o envolvimento dos pais é menor porque eles acham que seus filhos deveriam ganhar independência.

Os pais que apoiam seus filhos ao longo da vida escolar para fazer seu trabalho permite que os jovens alcançassem bons resultados em matemática e leitura. Ajudando-os em manter as matérias em dia e parabenizando-os por suas realizações.

Vamos evitar o “monitoramento monotemático”

A reclamação nem sempre é objetiva. Mas em um número crescente de casos reflete o que acontece em algumas famílias, para as quais dedicar à educação a maior parte das conversas do dia-a-dia com os filhos é o melhor que podem lhes fazer.

Na verdade, o ideal para o correto desenvolvimento emocional de nossos filhos é fazer um acompanhamento acadêmico de forma equilibrada. Levando também em consideração muitos outros aspectos essenciais para o seu crescimento como ser humano.

Por exemplo, esportes, lazer e atividades culturais. Além disso, também responsabilidades familiares, relacionamentos românticos, entre outros assuntos de interesse do jovem.

Não vamos confundir “monitoramento” com “espionagem”

A tentação de rastrear os deveres de casa e as datas dos exames por meio do contato com outros pais nas redes sociais é muito grande. Mas na verdade tem um efeito contraproducente sobre os jovens.

Negligencia o desenvolvimento de seu senso de responsabilidade e promove neles uma crescente desconfiança em você. Se percebermos que o dever de casa não está sendo realizado de maneira ordenada, devemos conversar com o tutor para tratar do problema.

13 dicas para os pais acompanhar rendimento escolar dos filhos

As recomendações a seguir o ajudarão a ter um relacionamento mais fluido e lucrativo com os professores de seus filhos. Além disso, te ajudará a acompanhar o rendimento escolar.

Leia Também:  Água morna com limão: funciona mesmo?

Aprecie o professor

Aprecie o professor e seu trabalho. Confie em seus critérios e ouça e respeite suas decisões, pois o professor é quem melhor conhece as chaves do processo ensino-aprendizagem.

Comunicação

Mantenha uma comunicação frequente. Vá sempre que o professor convocar uma reunião e, se possível, duas vezes por curso. É melhor não esperar que surjam problemas para lidar com eles. Se você mantiver a comunicação, poderá enfrentá-los juntos com antecedência.

Diálogo

Recorrer a sua ajuda para problemas ou conflitos educacionais. Se surgirem dificuldades com algum assunto, problemas de comportamento ou confusões, ou se você tiver alguma dúvida, solicite uma reunião com o professor. Para poder discutir o assunto, antes de tomar uma decisão baseada apenas na versão do seu filho.

    NÓS RETORNAMOS PARA VOCÊ



    Quero informações para me inscrever na Formação EAD em Psicanálise.

    Respeito

    Não questione a autoridade do professor. Seu filho deve saber que, no ambiente escolar, sua referência é o professor e deve sempre tratá-lo com consideração e aceitar suas instruções. Para isso, os primeiros que devem respeitar o professor são os pais, em especial na frente dos filhos.

    Acompanhamento

    Converse com seus filhos sobre a escola. Preste atenção à atitude da criança ou adolescente em relação à escola, estudo, diferentes matérias, etc.  É importante que você saiba como ele está progredindo e se ele tem algum problema específico, seja acadêmico ou comportamental. Você pode usar estas perguntas para descobrir como seu filho se saiu na escola.

    Reforce a aprendizagem

    Reforce a aprendizagem. O trabalho em casa deve complementar o trabalho feito na escola, não só em termos de estudo e dever de casa. Mas também na formação de valores, no interesse pela cultura e na arte, ou na promoção da leitura. Para isso, mantenha um ambiente educacional em casa que estimule a curiosidade e a criatividade.

    Se envolva

    Por fim, participe das atividades escolares. Procure participar sempre que for necessária a colaboração dos pais em celebrações ou eventos especiais que decorram no ambiente escolar. Além disso, ao se envolver com a vida escolar, você apoiará mais o seu filho.

    O nosso post tem bastante informação e dicas a respeito de como acompanhar os filhos na escola. Então, por isso, continue lendo para saber mais!

    Relação entre pais e escola

    A contribuição dos professores é importante para uma melhor comunicação com a família do aluno. Para fazer isso, aplique as seguintes dicas:

    Ouça os pais

    São eles que melhor conhecem a criança, suas dificuldades e suas reações ao voltar da escola. Aconselhe-os com tato, mas sempre ouça primeiro. Considere-os seus aliados e faça-os ver que são uma parte essencial da educação da criança.

    Mostre interesse

    Pergunte aos pais sobre mudanças de comportamento, problemas em casa que podem causar um declínio no desempenho escolar ou atitudes que podem ser diferentes na família e no ambiente escolar. Pois, quanto mais informações você tiver sobre a criança, melhor poderá atender às suas necessidades.

    Reuniões e comunicações

    Não se limite a relatar o progresso geral na sala de aula. Por isso, seja específico e se prepare antes de uma reunião ou envio de uma nota informativa. Isso para dar aos pais o máximo de informações possível sobre seus filhos, suas dificuldades e qualidades pessoais.

    Dê todas as explicações necessárias

    Quando tiver uma reunião com os pais, fale com simplicidade e não tenha medo de se estender dando orientações, comentando sobre o comportamento do filho em sala de aula. Além disso, diga no que ele pode melhorar.

    Leia Também:  Casa de Três Andares: Uma analogia sobre a dinâmica da existência humana

    Por fim, cuide de todas as suas dúvidas e procure fazer a conversa a mais didática possível. Para que os pais saibam como agir para solucionar os problemas que seu filho possa enfrentar.

    Converse com os pais também para reforçar comportamentos

    Por fim, não limite as comunicações com a família a situações problemáticas ou negativas. Recomenda-se que você também destaque os aspectos positivos ou as melhorias que a criança experimentou.

    Gostou do nosso post? Então, comente abaixo o que você achou! Além disso, continue lendo, para saber de um convite muito especial para você.

    Considerações finais sobre acompanhar meu filho na escola

    Em síntese, acompanhar meu filho na escola é algo normal. Pois, é feita segundo os nossos próprios critérios de pais e tem muita importância.

    Além disso, acompanhar o rendimento escolar dos filhos é essencial para que os jovens atinjam o máximo desempenho acadêmico. Claro, que precisa estar de acordo com suas habilidades particulares.

    Por fim, se você gostou do artigo que produzimos para você sobre “acompanhar meu filho na escola” convidamos você a conhecer o nosso curso de psicanálise clínica. Com o curso, nós vamos ajuda-lo a enfrentar os desafios que lhe são apresentados no dia a dia. Então não perca essa chance para se tornar um profissional desta área tão vasta e encantadora!

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *