quais meus pontos fortes

Descubra seus pontos fortes com 10 perguntas

Posted on Posted in Comportamento, Psicanálise

Todos nós queremos saber quais são as coisas que em que somos de fato bons. Contudo, esse processo nem sempre é tão fácil. Então, descubra seus pontos fortes com apenas 10 perguntas. Confira o nosso post!

Quais meus pontos fortes?

Embora todas as pessoas queiram saber como descobrir pontos fortes, não é uma tarefa que todos dão a devida atenção. Afinal, há várias maneiras de descobrir isso e cada um pode ter uma alternativa.

No nosso post, selecionamos 10 perguntas para te ajudar neste processo. O ideal é que você reflita sobre cada questão, mas não se preocupe em explorar exaustivamente cada pergunta. Aliás, faça dos seus sentimentos uma bússola.

Descubra seus pontos fortes: reflita sobre essas 10 perguntas abaixo

Antes de mais nada, lembre-se que não é necessariamente um teste pontos fortes, já que cada pessoa estará vivendo um contexto bem diferente um do outro. Então, lembre-se que é importante avaliar ponto forte para entender melhor as suas personalidades.

Por isso, pegue uma folha de papel e anote as suas respostas das perguntas seguintes:

Primeira pergunta

A primeira pergunta da nossa lista é necessário que você lembre-se de alguns momentos, em especial daqueles que você foi bem-sucedido. Então, a questão é: quais eram as principais habilidades ou qualidade que você necessitou ter para desenvolver essa experiência?

Segunda pergunta

Para ter continuidade, vamos pensar sobre os seus hobbies. Por isso, a segunda pergunta é: sobre o que você gosta de fazer ou de praticar por lazer? Pode ser que os seus pontos fortes possam estar presentes nessa resposta.

Terceira pergunta

Já essa questão está mais relacionada ao seu campo profissional. Você já parou para refletir sobre qual parte do seu trabalho você mais gosta? Afinal, algo que faz todos os dias pode ser a resposta para o que você está procurando. Então, reflita sobre isso com mais atenção.

Quarta pergunta

Já ouviu aquela pergunta bem complexa: “a criança que você era teria orgulho da pessoa que você é hoje?”. Então, ela tem relação com essa quarta questão. Isso porque a reflexão são:

  • quais eram os seus interesses na infância?;
  • o que mais gostava de fazer quando era criança?

Às vezes tentamos encontrar as respostas no futuro, mas pode ser que esteja no nosso passado. Por isso, reflita sobre essa questão, temos certeza que ela pode ser uma grande aliada.

Quinta pergunta

Quais tipos de tarefas você tem mais facilidade em aprender? Essa é uma grande questão, pois aquilo que temos mais agilidade para executar pode ser um grande ponto forte. Afinal, pode ser um grande dom que cada um de nós temos.

Sexta pergunta

Você já parou para pensar em qual atividade você faz sem perceber o tempo passar? Aliás, tem alguma tarefa que você tem expectativa para poder fazer novamente? Afinal, isso pode ser um grande sinal que o seu ponto forte está se destacando! Então, qual é a sua resposta? Pense com bastante carinho.

Leia Também:  Diversos comportamentos: como identificá-los?

Sétima pergunta

A nossa sétima pergunta é sobre os desafios e as pressões que você se saiu bem. Por exemplo, quando aconteceu algum tipo imprevisto ou problema, como você reagiu nessas situações?

Além disso, qual foi seu instinto nesses momentos? Pode ser que o que você está procurando esteja nessas respostas.

Oitava pergunta

Você já parou para refletir sobre quais são os temas que você pode falar por horas com alguém que tenha o mesmo interesse? Então, essa questão pode ser fundamental para que você descubra seus pontos fortes. Pode ser que aquilo que você tem mais facilidade para dialogar seja o que você esteja procurando.

    NÓS RETORNAMOS PARA VOCÊ



    Quero informações para me inscrever na Formação EAD em Psicanálise.

    Nona pergunta

    Para quais atividades as pessoas costumam pedir a sua ajuda, ou que você costuma oferecer a sua ajuda? Essa é uma pergunta que faz parte da nossa lista. Afinal, se as pessoas te procuram por um auxílio, é sinal que de fato você é muito bom e as pessoas percebem isso. Então, valorize bastante a sua resposta.

    Décima pergunta

    Para terminarmos a nossa lista, trouxemos essa seguinte questão: o que você faz tão bem que as outras pessoas dizem que você deveria trabalhar com isso? Outra pergunta que tem um pouco de relação com as opiniões alheias. Contudo, é necessário refletir muito e levar em consideração também os seus pontos de vista.

    Outras dicas para descobrir os seus pontos fortes

    Para finalizarmos o nosso post, trouxemos algumas dicas para você poder descobrir os seus pontos fortes. Então, veja nos próximos tópicos para entender mais sobre as nossas orientações.

    Busque ajuda

    Pedir ajuda das pessoas mais próximas e das quais tenha mais confiança pode ser uma grande aliada para que você descubra seus pontos fortes. Então, peça para as pessoas de diferentes áreas da sua vida para você ter uma visão mais ampla sobre o assunto. Por exemplo, um amigo, um familiar e um colega de trabalho

    Aliás, ouça com bastante atenção e, se necessário, anote o que for mais relevante para você. As respostas de seus amigos sobre qual atividade você tem mais habilidade ou mais qualidade podem te nortear nesse processo.

    Realize teste comportamentais

    Os testes de habilidades ou comportamentais são ótimas ferramentas para descobrir ou refletir sobre seus pontos fortes. E o que não falta desses testes na internet. Por exemplo, o teste gratuito Via Survey, ele apresenta as suas principais forças de caráter e pode ser feito em até 15 minutos.

    Contudo, é muito importante lembrar que a sua individualidade é bastante complexa. Por isso, o resultado de um teste online deve servir apenas como referência para que você tome as decisões.

    Arrisque e experimente

    A reflexão é fundamental, contudo a prática pode validar se você de fato se destaca em uma determinada tarefa. Além disso, ao realizar esses experimentos, você pode achar outros talentos que, às vezes, você nem saiba!

    Então, planeje algumas situações para você experimentar. Por exemplo, se você gosta de música, faça cursos sobre canto ou sobre alguns instrumentos que tenha interesse. Por isso, não deixe de lado essas experiências, pois elas serão grandes aliadas neste processo.

    Leia Também:  Paralisia do Sono: o que é, como tratar?

    Considerações finais: descubra seus pontos fortes

    Por fim, temos um convite especial para você desenvolver os seus conhecimentos. Conheça o nosso curso completo de Formação em Psicanálise Clínica. Com as nossas 100% online, você terá acesso a uma base teórica e entender como se autorizar Psicanalista para realizar atendimento clínico

    O nosso curso dura 18 meses de curso que envolve: teoria, supervisão, análise e monografia. Então, não perca essa oportunidade de saber mais sobre essa rica área e compreender melhor as relações humanas e os fenômenos comportamentais.

    Por fim, para que você descubra seus pontos fortes, temos a certeza que o nosso curso pode te ajudar nessa jornada. Então, inscreva-se já e comece ainda hoje!

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *