Incomodar alguém: como desconfiar e evitar essa atitude

Posted on Posted in Comportamento, Psicanálise

Para nós preservarmos qualquer relacionamento, necessitamos respeitar o espaço do outro. Não importa quem seja essa pessoa. Pode ser o seu colega de trabalho, o seu amigo ou o seu cônjuge. É importante reconhecer quando você está sendo inoportuno e está começando a incomodar alguém.

Reconhecendo o ato de incomodar

Para certos indivíduos, não é muito fácil fazer isso. Eles acreditam que é dever das outras pessoas não levarem as suas brincadeiras a sério e perdoarem qualquer inconveniente da sua parte. No entanto, é importante afirmar aqui que certas atitudes podem ser ofensivas e é importante discernir aquilo que não é aceitável para o outro a fim de que você não se torne um estorvo.

O primeiro passo para isso é ter empatia. Isso porque não devemos fazer para o outro aquilo que nós não queremos que façam conosco.

Se não gostamos de ser insultados pelas nossas características, certamente, as outras pessoas também não gostarão. Se nós achamos importante preservar a nossa privacidade, provavelmente muita gente também pensará da mesma forma.

Além disso, também é fundamental termos em vista que nem todas as pessoas pensam como a gente. Sabendo disso, nós não ficaremos aborrecidos quando uma pessoa não apreciar uma atitude que, no nosso ponto de vista, é aceitável. Muito pelo contrário. Nós estaremos dispostos a pedir desculpas pelo nosso comportamento e a não agirmos da mesma forma no futuro.

Percebe-se, portanto, que é importante aprendermos a identificar os momentos em que estamos ultrapassando os limites da boa convivência com uma pessoa. Podemos afirmar que isso não é muito difícil.

As pessoas geralmente dão muitos sinais quando elas estão se sentindo incomodadas. Cabe a você percebê-los e mudar o seu comportamento.

Sinais de que uma pessoa está incomodada

Expressões faciais

É muito fácil perceber quando você está sendo inconveniente. Se uma pessoa franziu a sobrancelha enquanto você falava ou então contraiu a mandíbula, provavelmente ela está se sentindo desconfortável. É bem provável que essa seja a hora de você repensar as suas afirmações. Assim sendo, quem sabe pedir desculpas pelo que você disse não é uma boa ideia?

Respostas curtas ou monossilábicas

Esse também é um sinal claro de que uma pessoa não quer mais conversar com você. Por outro lado, pode ser um indício de que ela chateada com algum comportamento seu. Se você percebeu que o seu colega deixou de contribuir para o andamento da conversa ou então só responde de forma rápida às suas perguntas, pode ser que você tenha pisado na bola.

Mudança de assunto

Quando uma pessoa muda de assunto de forma brusca enquanto vocês estão conversando sobre algo ou então pede para que vocês falem de outra coisa, isso significa que ela não quer abordar aquela questão com você. Pode ser porque vocês não tenham intimidade para isso ou porque esse é um assunto que a incomoda. Cabe a você respeitar o espaço dessa pessoa e conversar sobre outras coisas.

Pedido para que você pare o que está fazendo

Esse é o sinal mais claro de que uma pessoa está incomodada. Não precisamos falar muito sobre o que você deve fazer quando recebe esse pedido. Simplesmente não insista e peça desculpas. Essa é a melhor forma de manter a boa convivência com aquela pessoa. Tenha sempre em mente que, diferentemente do que muitos pensam, a maioria desses pedidos não são brincadeiras. Para não errar a dose, simplesmente pare.

Como evitar uma situação constrangedora

Para você não incomodar alguém, é necessário um pouco de sensibilidade da sua parte. Se você não conhece direito a pessoa com quem você está falando, simplesmente evite brincadeiras mais ousadas e comportamentos mais íntimos. Se você se sente inseguro com relação a forma como você deve agir, preste atenção ao modo como essa pessoa se comporta com você e aja de forma correspondente.

Também é importante deixar claro que é importante prestar atenção aos sinais. Se a pessoa se mostrou descontente quando você apareceu na casa dela ou disse que está muito cansada para sair mais uma vez nessa semana, é melhor deixar que ela se aproxime da próxima vez. Esses são indícios que você pode estar sendo um incômodo.

Para ser mais certeiro, também é possível perguntar para essa pessoa se o que você está fazendo a constrange ou a chateia. Dificilmente você receberá uma resposta que não seja sincera. Uma vez que você recebeu a sua resposta, não deixe de considerá-la da próxima vez que você for falar alguma coisa ou tomar alguma atitude.


Leia Também:  Anamnese: o que é, como fazer?

Curso de Formação em Psicanálise Clínica EAD


Considerações finais: incomodar

Esperamos te mostrar com esse artigo como você pode saber se você está sendo incômodo para outras pessoas. Além disso, também apontamos algumas dicas de como você pode evitar momentos de desconforto. Como você pôde ver, não há muitos segredos. É necessário ser atento para nao incomodar. As pessoas sempre dão sinais quando elas estão se sentindo constrangidas ou irritadas.

Assim sendo, se uma pessoa fez alguma expressão que mostrou o seu desagrado com alguma “brincadeira”, é melhor parar e mudar de comportamento. Dizemos o mesmo se você percebeu que ela se afastou ou que mudou de assunto. Quando você respeita esses sinais, dificilmente você irá ter problemas ao se relacionar com seus colegas e amigos.

Curso de Psicanálise Clínica

Agora temos outra questão para falarmos com você. Se você deseja conhecer mais sobre a mente e o comportamento das pessoas, nós te recomendamos o nosso curso de Psicanálise Clínica online. Podemos garantir que o nosso conteúdo irá ser muito esclarecedor.

A partir do momento que você receber o nosso certificado, você também estará autorizado a clinicar e a trabalhar em empresas. O melhor de tudo é que as nossas aulas são online e podem ser acessadas a qualquer horário. Assim sendo, se você for uma pessoa ocupada, ainda será possível alcançar a sua formação.

Também é importante afirmar que não é necessário que você tenha formação em psicologia ou em medicina para realizar o nosso curso. Por essa razão, não deixe de se matricular! Invista em sua vida profissional hoje mesmo! Temos certeza que você não irá se arrepender!



Agora que você já tem ideia de como não incomodar alguém, não deixe de compartilhar este texto com outras pessoas! É importante compartilharmos essas dicas para que cada vez mais gente consiga se relacionar com facilidade.Também não deixe de ler os outros artigos deste blog! Certamente eles irão te informar sobre muitas questões interessantes relacionadas à área da psicanálise.

Foi útil para você? Curta, Comente e Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

19 − cinco =