Introspectivo: 3 sinais da personalidade introspectiva

Posted on Posted in Comportamento, Psicanálise

Nossa personalidade é um dos objetos mais ricos existentes na natureza, dando demonstrações quase infinitas de variações. Entretanto, talvez por conta disso, alguns traços acabam sendo confundidos e bastante simplificados. Veja o significado de introspectivo e como fazer uma avaliação dessa personalidade.

O que é um indivíduo introspectivo?

O introspectivo é o indivíduo que examina constantemente o seu próprio íntimo. Nesse processo, ele acaba entrando em contato com os seus sentimentos, emoções e reações de forma mais aprofundada. Basicamente, este tem passe livre e contínuo para adentrar em si e navegar na densidão de sua natureza emocional.

Em suma, são pessoas que possuem uma persona comunicativa mais retraída em relação aos demais. Não que odeiem o mundo externo e qualquer interação social com os demais, nada disso. Contudo, a pouca intimidade com os estímulos externos se mostra o centro de sua perspectiva. Através do pouco externo, se descobrem por dentro.

Cabe ressaltar que a introspecção não se trata de tristeza ou qualquer outro sentimento negativo. É apenas um traço de personalidade mais contido e menos expansivo em relação aos demais. Um introspectivo possui plenas capacidades de trabalhar as suas emoções em relação a si mesmo e principalmente no que diz respeito aos demais.

Introspectivo X tímido

Um erro muito comum das pessoas é fomentar a confusão em relação ao introspectivo e ao tímido. A timidez, ao contrário da introspecção, é um sinal claro de dificuldade em se relacionar com alguém. Com isso, o tímido mostra uma insegurança constante, inibição e incapacidade de agir. Um introspectivo sabe habilmente como pensar sobre si e ter força.

A introspecção proporciona a bagagem necessária para que alguém busque as soluções adequadas a um problema. Por conta disso, pode alcançar a evolução através do silêncio e de uma autoanálise aprofundada. Graças a isso, podemos ficar tranquilos em relação à postura dessa pessoa. É alguém em quem podemos nos espelhar.

Ao contrário de quem tem a introspecção, o tímido necessita de ajuda psicológica pois é passível de enfrentar problemas. Infelizmente, a timidez toma um espaço tão grande na vida de alguns que dificulta quanto movimento progressivo deste. O tímido não reage tão bem ao conceito de ação, embora também consiga refletir muito sobre.

“O lado ruim”

Antes de continuarmos, queremos deixar claro que não há nada de errado em usar a introspecção. Ao analisarmos todo o seu contexto, constatamos que a mesma se mostra benéfica, como no ambiente de trabalho. Contudo, o real problema se encontra na incompreensão dos demais. A sua falta de profundidade em relação ao assunto costuma ser bem invasiva.

A maioria das pessoas resume esse traço de personalidade a um estado de tristeza permanente no indivíduo. Outros ainda conseguem ir além, usando seu diploma de vida para diagnosticar uma depressão inexistente. Ademais, alguns chegam ao ponto de apontar sérios problemas que impedem que alguém os divida com quem se ama.

Para quebrar com isso, tenha em mente que o introspectivo carrega uma das habilidades comportamentais mais preciosas. Tal sinal é bastante convidativo em qualquer ponto da vida, bem como em qualquer idade. Dessa forma, consegue planejar melhor a sua vida e os seus projetos.

Benefícios

Finalmente chegamos aos benefícios em ser introspectivo. Felizmente, é possível construir uma lista extensa do que os indivíduos com esse traço podem usufruir. Ainda que a lista abaixo seja mais concisa, ela contém os benefícios mais evidentes e expansivos desse grupo. Vamos a eles:

Leia Também:  Depressão em Crianças: Um Olhar Psicanalítico

Capacidade intuitiva de análise

Como ficam bastante tempo em silêncio e em solidão, um indivíduo com introspecção observa tudo ao redor. Com isso, acaba lapidando uma habilidade natural de fazer análise. Ele consegue enxergar pontos conectivos para encontrar soluções em problemas ou empecilhos. Isso também possibilita um estudo sobre a personalidade dos demais.

Pensamentos profundos

As respostas dessas pessoas costumam ser muito profundas e inteligentes quando consultadas. Em geral, eles carregam comentários muito agregadores que podem redirecionar a conversa em questão. Como dito linhas acima, são pessoas às quais se deve observar a fim de aprender a agregar algo em nossas vidas.

Construção eficaz de metas

Como têm um poder de fazer estudos, os mesmos podem avaliar a situação atual que se encontram. Por conta disso, conseguem traçar metas concretas a fim de realizar algum projeto. Costumam ter bastante sucesso nisso, visto que ponderam bem as escolhas que fazem hoje. O futuro e apenas um ponto a ser preenchido, pois já está traçado.

Como descobrir os introspectivos? Conheça 3 sinais!

O introspectivo dá sinais claros de sua reclusão voluntária do mundo. Chega a ser irônico alguém mais retraído socialmente conseguir chamar a atenção dos demais pelo seu comportamento. Se está em dúvida se você ou alguém se encaixa nessa posição, preste atenção aos 3 sinais a seguir:


NÓS RETORNAMOS PARA VOCÊ




Quero informações para me inscrever na Formação EAD em Psicanálise.


1. O silêncio é prazeroso

Os introspectivos gostam bastante do silêncio pois é o momento específico de terem paz e tranquilidade. Isso permite que os mesmos entrem em contato com seus pensamentos e apreciem as curvas de sua psique. Com isso, sempre que podem, procuram se ausentar da multidão e se encontrar.

2. Evitam entrar em novos contatos

O famoso Networking é algo fora de cogitação a quem prefere os próprios pensamentos. Dessa forma, se autopromover e fazer novos contatos voluntariamente ficam fora de cogitação em primeiro plano. Caso forcem isso, naturalmente se sentirão falsos, já que não há um desejo natural em socializar.

3. Interações seletivas

Analisando continuadamente o comportamento dos demais, os introspectivos selecionam com quem querem se relacionar. A exemplo, basta olhar seu comportamento ao telefone. Caso não se sintam à vontade para conversar com alguém, simplesmente desligarão e conversarão quando suas mentes estiverem preparadas.

Considerações finais sobre o indivíduo introspectivo

O introspectivo vai muito além do estereótipo de alguém antissocial e isolado. É alguém que busca trabalhar continuadamente a sua natureza reflexiva a fim de evoluir existencialmente. Portanto, se mostra alguém mais complexo e profundo do que realmente aparenta.

Aos introspectivos, saibam que possuem uma qualidade bastante especial ao seu presente e futuro. Por meio dessa análise constante, podem estudar qualquer aspecto social que encarem. A quem não se encaixa aqui, cabe o respeito a quem procura navegar em si. É preciso entender que nem todos se encontram ao se expandir aos demais.

Para lapidar essa capacidade de autoavaliação, por que não ingressa em nosso curso online de Psicanálise? O curso dispõe de diretrizes sólidas para ajudar aqueles que buscam uma melhor projeção de sua introspecção. Com isso, suas habilidades mais pessoais podem ser usadas na captação de ótimos resultados na sua vida.

Já que o curso é online, não há a mínima preocupação em fazer deslocamentos físicos. Isso permite mais comodismo na hora de estudar, já que constrói sua própria rotina de aprendizado. Além disso, os nossos professores se adequam a isso, montando um planejamento adequado para explorar o seu potencial completo.

Leia Também:  Vicio em Internet: definição e 3 dicas para superar

Assim que terminar, terá em mãos um certificado que mostra o quanto você investiu em si pessoal e profissionalmente. Se for alguém introspectivo, absorverá o conteúdo de uma maneira única e poderá ajudar muita gente com a sua maneira singular de trabalhar. Faça nosso curso de Psicanálise e descubra suas potencialidades de uma maneira diferente!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 × 5 =