anorexia sintomas tratamentos psicanálise

Anorexia: o que é e como tratar com a Psicanálise?

Posted on Posted in Comportamento, Psicanálise

A anorexia é um distúrbio alimentar caracterizado pela visão distorcida que a pessoa tem de si própria. Em outras palavras, ainda que a pessoa seja magra, ou tenha um peso normal, ela se sente gorda e se enxerga acima do peso.

Outro ponto clássico deste distúrbio, é a perda excessiva de peso, levando rapidamente a um caso de desnutrição.

Se trata de um distúrbio muito severo, em que a taxa de mortalidade varia entre 5% e 20% das pessoas acometidas dessa doença.

A pessoa que sofre deste transtorno tem total aversão à comida. Assim, evita se alimentar a qualquer custo, e quando ingere alimentos, geralmente vomita para compensar o fato de ter comido.

Dessa forma, em geral a anorexia está muito associada à bulimia também.

Sintomas da anorexia

  • Sentir medo anormal de ganhar peso;
  • Recusar-se a manter o peso ideal para sua altura(geralmente pessoas anoréxicas pesam pelo menos 15% a menos do normal);
  • Ter a imagem do próprio corpo distorcida;
  • Parar de menstruar por três ou mais períodos;
  • Diminuição das mamas.

Para agravar ainda mais o quadro, quem sofre de anorexia também pode desenvolver a bulimia. Como já mencionamos, nos momentos em que a pessoa se alimenta, ainda que em pouca quantidade, ela vai querer vomitar ou praticar exercícios físicos. Assim, ela pensa que vai compensar as calorias do alimentos ingeridos.

O que causa a anorexia?

A maioria das pessoas acometidas dessa doença são mulheres, o índice chega a ser de 90% dos casos, e as razões já são conhecidas. Há um excesso de preocupação com a aparência física e com críticas sobre o peso, vindas de amigos ou familiares.

O problema é que diante de um quadro de anorexia, a pessoa tem uma visão de si mesma que está distorcida. Ainda que alguém diga que ela está magra demais, se enxergará gorda mesmo assim.

Por quê esse tipo de distúrbio tem aumentado?

Quanto mais acesso à informação essa pessoa tiver, e quanto maior for a carga negativa sobre sua aparência, maiores são as chances de desenvolver o problema.

Basta acessar uma página repleta de corpos magros, uma dieta mágica para perda de peso, que a pessoa já pode desenvolver uma obsessão em emagrecer.

Na internet existem diversos grupos em que as pessoas compartilham formas de emagrecer ainda mais, e que tratam distúrbios alimentares como um estilo de vida, e não como uma doença.  Nesse contexto, incentivam ainda mais essas práticas, que podem ser fatais.

Por quê as pessoas desenvolvem anorexia?

Alguns estudos afirmam que existem genes que predispõem a pessoa a desenvolver a doença.

Em outro contexto, as pessoas que trabalham diretamente com a imagem estão mais propensas a desenvolverem um quadro de anorexia. Trata-se de atores, atrizes, modelos, apresentadores e cantores.

O fato de alguns ícones sofrerem desta doença, pode reforçar ainda mais que se trata de algo normal. Assim, pessoas anônimas que apresentam quadros similares se identificam e acabam influenciadas.

Como a psicanálise pode ajudar no tratamento?

Se tratando de sintomas perigosos, que podem levar ao falecimento do paciente, o correto é que você vá até um hospital, na emergência, explique seus sintomas, pois em casos de desnutrição, será necessário até mesmo uma internação.

A psicanálise pode entrar com um papel complementar, pois a eliminação dos sintomas mais severos deve ser acompanhado em um hospital. O tratamento emergencial é indispensável,  bem como o acompanhamento com nutricionistas.

Com relação à Psicanálise, é feito um levantamento para identificar as causas que levam a pessoa ter o comportamento nocivo. A metodologia envolve apenas diálogos, mas lembre-se que é necessário tratar os sintomas físicos da doença simultaneamente. Trata-se de um caso de vida ou morte.

A anorexia tem cura?

Uma vez apresentados sintomas da anorexia, será sempre necessária atenção, pois podem voltar novamente. Por essa razão, fica evidente a importância da psicanálise, que objetiva identificar suas causas.

Em uma ampla maioria dos casos, as motivações estão associadas a uma cobrança excessiva quanto à aparência. No entanto, pode estar ligada a outros fatores, como descreveu Freud, até mesmo alguma neurose no âmbito sexual.

Como posso identificar alguém próximo a mim que tem esse problema?

Pessoas com anorexia vão evitar comer perto dos outros, porque geralmente jogam a comida fora.

Por exemplo, pegam a comida e vão comer no quarto.

Se elas não podem comer desacompanhadas, comem em público, mas vão deixar no prato a maior parte da comida. Em seguida, vão ao banheiro. Possivelmente para provocar o vômito.

Leia Também:  Manipulação: 7 lições da Psicanálise

Quais atitudes de uma pessoa com anorexia ao ser questionada

As vítimas do distúrbio em geral afirmam que as pessoas estão exagerando. Diz estar bem, e afirma se alimentar de modo saudável.

Para uma pessoa que enfrenta esse tipo de problema, as pessoas estão a sufocando e tentando impedir seu objetivo de perder ainda mais peso.

Você se identificou com estes sintomas?

Não ache que isso é algo normal, pois sentir repulsa em uma necessidade básica como se alimentar não é algo normal. Procure ajuda médica, depois parta para a terapia com psicanálise a fim de tratar deste problema, para se autoconhecer, e por fim, passar a combater esses pensamentos negativos com relação à sua imagem.

Outros sintomas

Para perder peso, geralmente pessoas que sofrem deste mal, passam fazer o uso de medicamentos como laxantes e inibidores de apetite.

A consequência disso é a perda mais acelerada de peso, o que acelera ainda mais o processo de desnutrição e a pessoa passa a perder massa muscular, e desenvolve problemas ósseos.

Se trata de algo extremamente sério, portanto não negligencie nenhum dos sintomas, pois não se trata de um estilo de vida.

Completa falta de consciência sobre o corpo

É importante que a pessoa não se negligencie, pois além de não realizar o que há de mais básico para a sobrevivência, uma pessoa com anorexia, pode praticar exercícios físicos de forma exagerada. Dessa maneira,  provoca ainda mais perda de calorias, e muitas vezes, ainda que com o corpo debilitado, não se importam com o corpo machucado.

Em qual faixa etária há maior incidência?

A anorexia costuma ocorrer com maior incidência durante a adolescência, por conta da pressão durante esta fase em que o corpo está sofrendo mudanças.

Nesta fase, a mente está também se formando, surgindo algumas questões de identidade, definindo o que é o belo. Logo, sofrer algum tipo de crítica nesta fase faz com que a pessoa desenvolva um sério conflito inferno. Sem dúvidas, a situação pode desencadear no desenvolvimento da anorexia, dentre outros problemas de ordem psiquiátrica.

Críticas quanto à doença

É comum que as pessoas não tenham conhecimento sobre o problema e digam que isso simplesmente não existe, que basta você comer, daí a importância de você procurar ajuda profissional e nunca se aprofundar ainda mais neste tipo de comportamento. Esse tipo de postura é extremamente nociva para quem sofre com a doença.

Nesse contexto, a crítica e o desprezo podem ser empecilhos para o tratamento da pessoa.

Conclusão

Diante de tudo o que comentamos, dispa-se dos preconceitos a respeito das pessoas que sofrem com a anorexia. Caso alguém próximo pareça estar doente, fique atento aos sinais a fim de identificar se ela tem a doença. Se você estiver sofrendo com isso, procure ajuda médica. Nutricionistas, médicos e psicanalistas te ajudarão a se tratar de maneira saudável e viver feliz.

Gostou do nosso artigo? Publique no seu perfil e ajude alguém que esteja passando por esse problema.

Curta também a nossa página no Facebook.
Não esqueça de deixar seu comentário abaixo! Nos conte o que achou do artigo!

Também não deixe de conferir o nosso curso de Psicanálise EAD. Com ele, você conhecerá muito mais sobre a área e terá condições de ajudar pessoas com problemas de maneira mais efetiva.

Foi útil para você? Curta, Comente e Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *