o que é trauma

O que é trauma: conceito em psicologia

Posted on Posted in Comportamento, Conceitos e Significados, Psicanálise

Você realmente sabe o que é trauma? Essa palavra é bastante usada. Porém, nem todo mundo sabe o que ela significa. Portanto, neste texto, explicamos tudo!

O que é trauma?

Um trauma é uma emoção em resposta a um momento marcante. Quando uma pessoa sofre um trauma, ela reage.

Essa resposta pode ser rápida. Porém, ela pode continuar na mente por mais tempo.

Poucas pessoas vivem sem traumas. Assim, o diferente é como cada lembrança fica guardada na mente.

É difícil esquecer do dia em que a mãe morre. Porém, já é mais fácil esquecer uma queda na rua. Portanto, a maneira como os momentos nos marcam é diferente.

Tipos de trauma

Agudo

É um sofrimento intenso depois de um único evento. Porém, sua reação é de curta duração. Assim sendo, ela não acontece várias vezes.

Os exemplos incluem o sentimento depois de um acidente de carro. Outros exemplos são uma agressão física ou sexual. Ademais, podemos falar na morte repentina de alguém querido.

Crônico

Pode surgir de momentos que se repetem ou se prolongam. Assim sendo, esse tipo de trauma pode se desenvolver para lidar com:

  • perseguição,
  • negligência,
  • abusos,
  • e violência.

Complexo

Surge com momentos traumáticos que aconteceram muitas vezes. Assim, a repetição faz com que fugir seja impossível. Portanto, a sensação de prisão é característica.

Como nos outros tipos de trauma, este pode trazer muita insegurança. Assim sendo, alguns sintomas são a hipervigilância. Ademais, a pessoa fica preocupada constantemente.

Indireto

Surgem da exposição ao sofrimento de outras pessoas. Assim, a pessoa traumatizada é afetada por presenciar abuso e violência. No entanto, ela mesma não sofreu esse abuso.

Nesse contexto, as pessoas podem estar expostas constantemente a emergências. Esse é o caso de médicos, socorristas e agentes da lei.

Com o tempo, esses indivíduos correm o risco de sofrer de fadiga por compaixão. Assim, devem evitar investir suas emoções no sofrimento do outro.

Efeitos do trauma

Uma pessoa que passou por trauma pode sentir:

  • negação;
  • raiva;
  • medo;
  • tristeza;
  • vergonha;
  • confusão.

Adicionalmente, outros efeitos podem ser:

    NÓS RETORNAMOS PARA VOCÊ



    Quero informações para me inscrever na Formação EAD em Psicanálise.

    • ansiedade;
    • depressão;
    • dormência;
    • culpa;
    • desespero
    • irritação;
    • dificuldade de concentração.

    Ademais, pessoas traumatizadas podem sofrer com explosões emocionais. Portanto, elas apresentam mais dificuldade para lidar com os sentimentos. Assim, sentem a necessidade de se afastar mesmo de pessoas queridas para elas.

    Flashbacks também ocorrem com frequência. Portanto, a pessoa revive muitas vezes o evento traumático. As lembranças também podem aparecer em pesadelos.

    Respostas físicas

    Junto com uma reação emocional, o trauma pode causar sintomas físicos como:

    • dores de cabeça;
    • fadiga;
    • coração acelerado;
    • suor;
    • nervoso.

    A pessoa também pode ficar em um constante estado de alerta. Isso é preocupante porque pode deixar a pessoa sem sono. Assim sendo, essa privação afetará outras áreas da vida.

    Assim, é possível desenvolver também outros problemas de saúde mental. A depressão e ansiedade são bons exemplos disso.

    Nessa situação, o abuso de substâncias químicas pode representar uma fuga. Contudo, o vício acaba trazendo problemas, não soluções.

    Leia Também:  Frida Khalo: vida, ideias e principais obras

    Trauma de infância

    A literatura diz que crianças são muito vulneráveis a traumas já que seus cérebros ainda estão em desenvolvimento.

    Por esse motivo, elas experimentam mais estresse quando passam por eventos traumatizantes.

    Consequências do trauma infantil

    As consequências do trauma infantil podem interromper o desenvolvimento do cérebro. Assim sendo, um trauma pode afetar bastante o desenvolvimento emocional  de uma criança.

    Portanto, a a saúde mental, a saúde física e o comportamento da criança ficam fragilizados.

    Ademais, a sensação de medo e desamparo pode persistir na idade adulta. Assim, a pessoa fica sujeita a outros traumas no futuro.

    Tratamento

    Existem diversos tratamentos que podem ajudar pessoas com traumas. Porém, escolha os  mais adequados para lidar com os seus sintomas. O objetivo é melhorar a sua qualidade de vida!

    Terapia

    Um ferimento no corpo precisa de um tratamento específico, não é? Um ferimento na alma também precisa.

    Assim sendo, o ideal é que o seu trauma seja tratado com um especialista.

    No entanto, existem diferentes traumas. Consequentemente, diferentes especialidades resolvem necessidades variadas. Assim, encontre um terapeuta que se especializou no seu problema. Dessa forma, a terapia vai funcionar.

    Um médico especialista em joelhos pode tratar quem machucou a coluna. Contudo, quem você procurará para cuidar da sua coluna? Um ortopedista, não é?

    Terapia cognitiva comportamental

    Essa terapia ajuda as pessoas a mudarem o modo como pensam. Dessa forma, o pensamento afeta comportamentos e emoções.

    Dessensibilização e reprocessamento do movimento ocular

    As pessoas revivem rapidamente experiências traumáticas. Enquanto isso, o terapeuta trabalha nos movimentos dos olhos.

    Nesse contexto, o objetivo é ajudar as pessoas a processarem memórias traumáticas.

    Terapias somáticas

    Alguns terapeutas usam essas técnicas para ajudar a mente e o corpo a processarem o trauma. Assim sendo, confira algumas delas abaixo!

    Experienciação somática

    O terapeuta ajuda a pessoa a reviver memórias traumáticas. No entanto, faz isso com segurança.

    Psicoterapia sensório-motora

    Essa terapia é combinada com técnicas baseadas no corpo. O objetivo dela é transformar memórias traumáticas em força.

    Estimulação de pontos de acupuntura

    O terapeuta faz pressão em pontos específicos do corpo. Dessa forma, a pessoa consegue relaxar.

    Terapias de toque

    O Reiki, o toque de cura e a terapia de toque terapêutico são as principais modalidades desse tratamento.

    Remédios

    Um remédio não pode curar traumas.

    Contudo, um tratamento com remédios ajuda.

    O objetivo é tratar sintomas como ansiedade, depressão e problemas do sono.

    Porém, antes de tomar qualquer coisa, converse com o médico que está cuidando de você! Portanto, não tome um remédio sozinho.

    Cuidados pessoais

    Cuidar de si ajuda muito com os sintomas. Assim sendo, é importante investir em:

    Exercícios físicos

    Viver um trauma pode trazer muitos problemas para o corpo.

    Porém, fazer exercícios pode ajudar bastante com isso. Ademais, a prática de exercício aeróbico ajuda muito na saúde do corpo de modo geral.

    Assim, complemente sua terapia se exercitando por pelo menos 30 minutos. Faça isso todos os dias.

    Um estilo de vida equilibrado

    O trauma traz muita dificuldade para relaxar e dormir.

    No entanto, é importante dormir bem.

    Ademais, todo mundo precisa relaxar e comer direito. Esses hábitos ajudam a manter a mente saudável.

    Dessa forma, foque em adquirir bons hábitos. Também deixe não consuma álcool ou drogas.

    Conclusão

    Pessoas sofrendo com traumas devem procurar ajuda! Assim, não deixe eles prejudicarem a sua rotina. Cuide dos seus relacionamentos.

    Por fim, você gosta de estudar a mente humana? Quer aprender psicanálise? Então faça o nosso curso de psicanálise clínica totalmente EAD. Dessa forma, você aprenderá o que é trauma! Ademais, poderá clinicar e trabalhar como psicanalista!Assim, não perca essa oportunidade única de aprender e ajudar outras pessoas!

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *