Psicologia das cores: 7 cores e seus significados

Posted on Posted in Comportamento, Psicanálise

Esse artigo foi feito pensando em você que se interessa pela psicologia das cores. Aqui vamos definir o que aborda esse estudo, quais as características do mesmo e para que serve. Além disso, vamos falar das características de algumas cores.

O que é psicologia das cores

Para começar, vamos falar sobre o que é psicologia das cores.

Ela é um estudo aprofundado sobre como o cérebro humano identifica as cores existentes. Além disso, procura saber como o cérebro transforma em sensações ou emoções dessas cores. Esse é um estudo psicológico que trabalha junto com os conhecimentos da Teoria das Cores.

Essa influência estudada pode ser percebida sobretudo na área do Marketing e na Publicidade. Nessas áreas, cada detalhe é pensado para que cause impacto no consumidor. Consequentemente, discute-se como determinada forma pode estimular o cliente a adquirir o produto ou serviço vendido.

De maneira geral, a simbologia das cores é fundamental para a composição do layout de um produto. Quando bem aplicadas, tornam-se um atrativo no que diz respeito à aquisição e eficácia do material.

Características da Psicologia das Cores

Segundo esse estudo cada cor gera uma sensação diferente nas pessoas. Consequentemente, é fundamental saber utilizá-las, como já dissemos. Há características que ajudam a fazer esse uso:

  • Temperatura: cores também podem transmitir a sensação de ambiente mais quente ou mais frio. As chamadas “cores frias”, por exemplo, levam este nome por passarem esse tipo de “frieza”.
  • Emoção: As cores afetam diretamente o despertar das emoções nas pessoas. Elas influenciam psicologicamente no estado de espírito, motivação e humor, por exemplo.
  • Simbolismo: a transmissão da ideia e significado que cada cor transmite varia de pessoa para pessoa. Afinal, isso está ligado às experiências de vida de cada um. Além disso, é possível que uma cor desperte vários sentimentos e emoções diferentes em uma mesma pessoa. Isso porque em diferentes momentos de sua vida podemos perceber as coisas de maneiras diferentes.
  • Dimensão: a cor pode afetar a percepção da dimensão do ambiente. Dependendo da cor, a pessoa pode ter a impressão de que está em um espaço maior ou menor. Porém, ambos têm na verdade o mesmo tamanho.
  • Peso: as cores podem influenciar na sensação de peso que determinado objeto aparenta ter. De acordo com a cor, algo pode parecer mais leve ou mais pesado.
  • Iluminação: de acordo com a cor, há diferentes variações na absorção de luz. Dessa forma, um ambiente ou o objeto aparente ser mais escuro ou iluminado dependendo da cor dele.
  • Recordação: A visualização das cores pode estar associada a momentos específicos da vida de alguém. Isso se assemelha ao que acontece com os cheiros. Consequentemente, uma determinada cor pode fazer com que a pessoa lembre de uma situação do seu passado.

Para que serve a Psicologia das Cores

A cor tem o poder de estimular o nosso cérebro de muitas maneiras diferentes. Pois a cor é muito mais do que um fenômeno ótico. Todas as cores têm um significado próprio, todas criam um determinado impacto no nosso cérebro como já dissemos.

Por isso, o Marketing, as artes (pintura e cinema) e terapias utilizam essas influências para conseguir o que querem. Consequentemente, a psicologia das cores é cada vez mais importante. Se você quer alcançar algo que envolva influência através de imagens, então saiba escolher as cores.

Leia Também:  Como ser um Psicanalista de Sucesso?

Significados das Cores na Psicologia

E agora, tendo em vista a importância da psicologia das cores, vamos falar sobre algumas das cores.

Já começamos falando que a Psicologia das Cores reconhece oito emoções primárias nos seres humanos: raiva, medo, tristeza, nojo, surpresa, curiosidade, aceitação e alegria. Cada uma delas é representada por uma cor. Assim sendo, elas desempenham um papel influenciador no comportamento das pessoas.

Considerando isso, segundo esse estudo, as cores quentes tendem a transmitir a sensação de energia e entusiasmo. Por outro lado, as cores frias estão relacionadas com a racionalidade, a calmaria e o profissionalismo.

Além dessas características gerais, vamos listar 7 cores para você:

O preto

Existem 50 tons de preto. Essa cor está associada com a elegância, mistério, o secreto e o poder. Essa cor gera emoções fortes e é uma cor autoritária. Consequentemente, no mundo da moda é considerada elegante e sofisticada.

Ela também simboliza o fim de algo, a morte, a perda. Ademais, antigamente representava os sacerdotes e atualmente os conservadores.

Já na física, o preto é a cor que tem a capacidade de absorver 100% da luz incidente. Portanto, ela não reflete qualquer espectro. Ao longo da história a cor preta era vista como algo associado com o perigo ou a maldade.

NÓS RETORNAMOS PARA VOCÊ



Quero informações para me inscrever na Formação EAD em Psicanálise.

O branco

Há 67 tons de branco. Essa cor simboliza inocência e pureza. Além disso, representa o início, a vontade de começar algo novo. Essa cor traz amplitude e honestidade para um ambiente, assim como uma sensação de paz, cura e tranquilidade.

Ela também está associado com a perfeição e uma gola branca na roupa simboliza status.

O azul

Existem 111 tons de azul. É a cor da harmonia, da fidelidade e da simpatia. Além de ser a cor mais fria, ela está ligada ao conceito de espiritualidade e fantasia. Essa cor azul é mais usada nas empresas por ser produtiva e não invasiva. E é uma cor que sugere uma sensação de segurança e confiança em uma marca.

Segundo estudos, o azul reduz o apetite e não deve deveriam ser utilizado em uma promoção de alimentos.

Ela é uma cor primária e, para os pintores, a tonalidade mais valorizada de azul era o “azul ultramar”. Era o mais caro, mas dava aos quadros uma vivacidade excepcional.

O violeta

Há 41 tons de violeta. Essa cor simboliza o poder, mas também é ambígua. Além disso, proporciona calma e está associada ao feminino, magia e espiritualidade. No marketing é usado frequentemente em produtos de beleza e antienvelhecimento. Muitas marcas o utilizam para representar a criatividade, a imaginação e a sabedoria.

Porém, deve ser usado com cuidado, pois se for muito usado gera ambivalência: não recomenda-se pintar salas, quartos ou lojas com esta cor.

O vermelho

O vermelho é uma das cores mais utilizadas no marketing. Essa cor se destaca do restante das cores, tem mais poder de convencimento e é usada para atrair a atenção. Ela aumenta o ritmo cardíaco e cria uma necessidade de urgência, imediatismo ou perigo.

Por essa razão, é usada para estimular o apetite e favorecer as compras por impulso. Ela também representa o amor, porém, também o ódio.

Ela é a cor dos reis, da alegria e do perigo e representa o sangue e a vida. Por ser uma cor dinâmica e sedutora, ela é capaz de despertar o nosso lado mais agressivo.

O amarelo

No marketing o amarelo representa otimismo e juventude. Essa cor traz clareza e pode ser usado para chamar a atenção para certos produtos nas vitrines.

Leia Também:  Breve, brevíssima história da Psicanálise

Porém, não se pode abusar desta cor nas lojas. Afinal, ela cansa rapidamente a vista. Por esse motivo, ela é mais usada nas prateleiras laterais do que nas prateleiras centrais dos comércios.

Alguns estudos também mostram que tons intensos de amarelo provocam choro nos bebês. Para os especialistas em psicologia das cores, o amarelo é uma cor contraditória. Afinal, ela representa o bem e o mal, o otimismo e o ciúme, a compreensão e a traição.

Por fim, ela ilumina e estimula a criatividade, além de ser uma cor masculina. E na China essa cor representava as instituições imperiais.

O verde

Por fim, vamos falar do verde. Existem mais de 100 tons de verde. Essa é a cor do crescimento, da renovação e do renascimento. E ela está associada com a saúde, com a natureza, frescor e paz.

Essa cor promove a resolução de problemas, traz liberdade, cura e paz. Por outro lado, o verde opaco representa o dinheiro, a economia e a burguesia. Já os tons intermediários são os mais estimuladores do humor.

O verde também representa o amor incipiente. Além disso, é uma cor que ajuda relaxar e é muito útil para pessoas que estão passando por uma depressão.

Conclusão

Esperamos que nosso artigo tenha a te ajudado a conhecer mais sobre a psicologia das cores. Além disso, esperamos que nossa lista de cores de ajude na hora de fazer os seus projetos. Para saber mais sobre o assunto, se matricule em nosso curso de Psicanálise Clínica online. Muitas pessoas não têm ideia do quanto as cores podem interferir em sua imagem pessoal ou em sua marca enquanto empreeendedores. Confira!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 + 15 =