Redes sociais na Internet: Benefícios e Malefícios na Vida do Ser Humano

Posted on Posted in Comportamento

Diversas fontes de pesquisa sugerem que o uso exagerado das redes sociais e da internet está diretamente relacionado ao aumento de casos de ansiedade e de depressão.

Apesar da importância deste novo modo de relação entre as pessoas, podemos dizer que este é um caminho sem volta. Isso ocorre porque, embora aproxime quem está distante, existem diversos malefícios relacionados ao mau uso dessa tecnologia.

As redes sociais dão a sensação de pertencimento às pessoas

As redes sociais geram o sentimento de comunidade e de pertencimento. A internet traz informações que, de fato, contribuem nas mais variadas frentes, de forma muito rápida. No entanto, os malefícios e as consequências oriundas de sua má utilização são evidentes.

O tempo de uso das redes sociais é um dos principais vilões dos que sofrem as consequências negativas deste recurso. A falta de moderação acarreta em redução de atividade física, alimentação inadequada e perda de horas de sono.

Além disso, pode haver queda de atenção e de rendimento escolar e queda de produção no trabalho. Porém, esses são apenas alguns dos pontos impactados pelo uso inadequado da rede social.

O uso abusivo das redes sociais causa impactos negativos no psicológico

E quando consideramos os impactos de fundo psicológico e emocional? O universo “perfeito” recortado para ser exposto, visto, aceito e seguido traz um viés sombrio e nada promissor para os que vivem em constante comparação.

Bem como aqueles em criação de um mundo irreal, belo, sem dor e sem defeitos, em que todos se amam e vivem felizes. Muitos têm utilizado as redes sociais como forma de fugir de sua realidade, sem encarar de fato as suas fraquezas e dores.

Desse modo, eles mergulham neste mundo paralelo. Lá, tudo é mais colorido e os likes fazem a vez da validação que não encontram em si mesmos.

As redes sociais causam uma falsa impressão de felicidade

O ponto é que expor “sua melhor versão” na rede social não faz a pessoa mais feliz. A facilidade de acesso à “ vida perfeita” exposta pelo outro gera comparação. Desse modo, o nível de ansiedade e frustração se tornam relevantes e continuados nos navegadores imoderados.

Sendo assim, “quanto mais vejo, mais desejo expor também, para receber mais validação (likes) e, de novo, comparar e achar que não é suficiente, e expor mais, para receber mais validação, e de novo comparar” levando a um péssimo círculo vicioso.

Segundo um estudo publicado no periódico Social and Clinical Psycology, as redes sociais nos dão a impressão de estarmos conectados a diversas pessoas. No entanto, quando voltamos a nossa realidade, percebemos que não estamos, de fato, cercados de tanta gente. Essa sensação potencializa a depressão e a solidão.

O imediatismo que a tecnologia gera pode satisfazer momentaneamente o desejo de pertencimento

Um outro ponto a ser considerado é a acessibilidade que temos para a satisfação imediata de nossos desejos, anseios e gratificações. Pouco espaço existe entre o desejo, o clique e a satisfação deste desejo.

Esse é um dos grandes fatores de risco para falarmos do uso abusivo e da dependência da rede social. Esperar, maturar e lidar com a expectativa muitas vezes não é necessário no mundo virtual.

As pessoas tímidas se sentem mais confortáveis ao utilizar as redes sociais

Há também grande importância e valor das redes sociais para as pessoas tímidas. Essas pessoas mais inibidas encontram, nessa esfera, uma forma segura de se expor e de se relacionar. Desse modo, elas experimentam a sensação de que têm mais espaço para errar e recomeçar.

Também a rede social permite a exposição de idéias, de críticas, de contrapontos e até mesmo de ofensas sem a necessidade de arcar com as consequências diretas da reação do outro, do olho no olho que a conversa e vivência presencial impõem.

Você já passou por isso?

Você já passou por essa situação? Então comente aqui embaixo qual é o impacto das redes sociais em sua vida e como você lida com o excesso de tecnologia nos dias atuais.

Além disso, você pode aproveitar para compartilhar esse texto com pessoas que têm dificuldades em lidar com a tecnologia.

O curso de Psicanálise Clínica proporciona a você, aluno, diversas visões sobre si mesmo as quais seria praticamente impossível obter sozinho. Além disso, com essa formação, você pode melhorar os relacionamentos interpessoais e entender melhor como funciona a sua mente.

Desse modo, conseguirá desenvolver um melhor relacionamento com os membros da sua família e do seu trabalho. O curso é uma ferramenta que ajuda o estudante a entender os pensamentos, sentimentos, emoções, dores, desejos e motivações de outras pessoas.

Se você gostaria de melhorar os seus relacionamentos e ampliar os seus conhecimentos, então conheça o nosso curso.


NÓS RETORNAMOS PARA VOCÊ


Este artigo presente foi escrito pela autora Renata Rodrigues Vendrametto, aluna do nosso Curso de Psicanálise Clínica.

Foi útil para você? Curta, Comente e Compartilhe!
  •  
  •  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 − 1 =