Resoluções de ano novo

Resoluções de ano novo: como fazer e cumprir?

Posted on Posted in Comportamento, Psicanálise

É provável que a maioria das pessoas renove as esperanças sobre as realizações que almejam conquistar logo que o ano termina. Aliás, é importante fazer resoluções de Ano Novo, pois assim enxergamos nossos planos e podemos determinar como realizaremos cada um. A seguir, nós explicaremos melhor o porquê de fazer objetivos no Réveillon e deremos seis dicas de como cumpri-los.

Ano Novo, metas novas

As pessoas fazem resoluções de Ano Novo com o intuito de melhorarem as suas vidas no próximo ano. No fim de ano é muito comum que as pessoas repensem nas suas conquistas e atitudes dos últimos meses. Dessa forma, elas traçam novas metas para começarem o ano mais motivadas.

Contudo, é nessa hora que muitos de nós percebem que as metas não mudaram tanto. Enquanto algumas pessoas nem começaram a agir, outras pararam na metade dos seus projetos. Como resultado, quem não cumpriu as próprias metas sente que está preso no mesmo lugar e não sabe como sair dele.

Se você quer fazer promessas de ano novo, nunca se expresse da boca para fora. É preciso que você aja com clareza em relação aos seus objetivos, palavras e atitudes. Caso você não saiba como fazer os seus planos, preste atenção nas dicas a seguir.

Dica 1: Defina as suas metas

Quando você pensa nas resoluções de Ano Novo deve lembrar que o cérebro é um órgão que precisa de comandos. Ou seja, você precisa ser bastante claro em relação ao que deseja conseguir e conquistar. Por exemplo, se você quer dinheiro: quanto você quer, para quando você quer e o que fará para consegui-lo?

Assim que você passa a desejar algo é preciso criar um plano para conseguir esse prêmio. Em seguida, você deve agir de acordo com as metas de Ano Novo que você planejou. Caso você sinta que vai desistir ou sente dúvidas, pense que as suas atitudes têm um propósito definido.

Dica 2: Defina o tempo de execução

Após definir as suas resoluções de Ano Novo você deve pensar no tempo para realizá-las. Tudo porque, dependendo do seu desejo, uma realização pode demorar mais tempo ou menos tempo que outra. Por exemplo, você pode fazer uma viagem no próximo ano, mas terá mais dificuldade para comprar uma casa nesse mesmo período.

Em outras palavras, você deve planejar as suas ações e calcular em quanto tempo elas se tornarão realidade. Talvez você tenha vários objetivos para realizar em breve. Segundo educadores financeiros, você deve dar prioridade ao que é importante e que você pode fazer acontecer primeiro.

Leia Também:  Meditação Diária: meditar em qualquer momento e lugar

Jamais pense que você não pode realizar conquistas grandes, nada disso. Essa dica serve para você selecionar algo importante que você sabe que consegue concluir dentro de um prazo definido. Ademais, o plano já preestabelecido te manterá mais motivado.

Dica 3: Reorganize a sua lista quando necessário

É provável que você não realize todas as metas que estipulou para o ano novo, como queria. Talvez o tempo que você calculou ou os recursos que possui não sejam suficientes para concluir a sua meta. Uma alternativa para você resolver esse problema é criar três listas com critérios diferentes:

Lista de curto prazo

Esses são os objetivos que você consegue realizar em 1 ano ou até menos.

Por exemplo: Juntar R$4.800,00 em 1 ano para viajar no próximo verão.

Lista de médio prazo

Essa lista serve para você colocar os objetivos que levarão de 1 a 5 anos para serem feitos.

Por exemplo: Poupar dinheiro para investir na sua educação universitária.

Lista de longo prazo

Por fim, nessa lista estarão as suas metas que levarão mais tempo para serem concluídas.

    NÓS RETORNAMOS PARA VOCÊ



    Quero informações para me inscrever na Formação EAD em Psicanálise.

    Por exemplo: Crescer na profissão para ser promovido a um alto cargo na empresa ou se aposentar com uma ótima renda.

    Dica 4: Divida o seu grande objetivo em metas pequenas

    Muitas pessoas desistem de saber como cumprir as promessas de ano novo. O erro mais comum que você pode cometer é tentar seguir o plano sem dividi-lo em etapas. Do contrário, você pode entender que as resoluções de Ano Novo que planejou parecem metas impossíveis de serem feitas.

    Entretanto, se você desenvolver etapas e concluí-las em sequência terá a sensação de que o plano está dando certo. Por exemplo, a viagem que nós citamos acima: você precisará de R$4.800,00 para viajar de forma tranquila. Já que o ano possui 12 meses, você pode juntar R$400,00 por mês, totalizando R$4.800,00 em 1 ano.

    Se você dividir o seu projeto em metas menores terá uma noção maior das conquistas e do seu progresso.

    Dica 5: Mude os objetivos quando necessário

    Talvez você se sinta decepcionado por não conseguir concluir as resoluções de ano novo da forma que queria. Imprevistos acontecem e você deve entender que, por mais planejado que esteja, não estará no controle de tudo. Sendo assim, você deve mudar alguns objetivos quando necessário para não desistir do plano.

    No caso da viagem, por exemplo, se você não conseguir guardar R$400,00 por mês, escolha um destino mais barato. Você, com certeza, não queria que essa mudança acontecesse, mas merece um descanso e recompensa pelo esforço que fez. Assim, você deve considerar essa mudança e o tempo necessário para realizá-la.

    As mudanças mais prováveis que você fará será em relação aos recursos e tempo para realizar a sua promessa. O importante é você não desistir.

    Dica 6: Saiba se recompensar quando concluir uma meta

    Sejam quais forem as suas metas de ano novo, você levará algum tempo para realizá-las. Todavia, você sempre deve comemorar as suas vitórias por causa do esforço e energia que você investiu para alcançá-las. Um erro bastante comum entre as pessoas é não saber dar valor ao que acabaram de conquistar.

    Leia Também:  3 Psicanalistas brasileiros que você precisa conhecer

    Por isso, ao concluir um objetivo, você sempre pode e deve escolher uma recompensa para si mesmo. Não precisa ser algo que se pague com dinheiro, mas escolha algo que te faça feliz, por exemplo:

    Um passeio ao ar livre em um lugar que você gosta e que seja agradável,

    Uma refeição diferente e mais especial para si,

    Um dia inteiro para descansar e cuidar de você mesmo em casa ou salão.

    Considerações finais sobre resoluções de Ano Novo

    As suas resoluções de ano novo, por maiores que sejam, não são impossíveis de realizar. O que você precisa mesmo é de um plano eficaz e técnica para cumprir as promessas de ano novo. Sempre que você planejar a sua lista de resoluções de Ano Novo foque no que é importante para você.

    Ademais, é importante você lembrar que precisará abrir mão de algumas coisas na sua rotina. Mesmo que pareça difícil, você sempre deve lembrar que as suas ações seguem um propósito e que logo será recompensado. Siga as dicas que nós temos e nunca abra mão dos seus sonhos.

    Talvez você não saiba que o nosso curso online de Psicanálise ajudou dezenas de pessoas a concluírem as suas resoluções de Ano Novo. Por meio do nosso curso, você desenvolverá as habilidades que precisa para melhorar o seu autoconhecimento e explorar o seu potencial. Garanta já a sua inscrição em nosso curso online de Psicanálise e descubra como transformar a sua vida.

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *