O que é Anedonia? Definição da palavra

Posted on Posted in Comportamento, Psicanálise

Imagine que gradativamente a vida perca as cores que possui, bem como os seus atrativos. O prazer, algo buscado por todos nós, começa a ser sufocado e sumir, deixando nossos dias mais nebulados. A partir disso, veja o significado de anedonia e como esta afeta nossa vida.

O que é anedonia?

Anedonia é o fenômeno onde se observa a perda de qualquer satisfação em realizar atividades que geram prazer. O indivíduo, em decorrência de um problema maior, se abstém de usufruir de eventos aos quais o deixariam feliz. Dessa forma, passa a evitar sair com os amigos, passear, ir ao cinema ou qualquer coisa que daria prazer a ele.

Podemos observar esse tipo de comportamento em quem passa por estágios mais depressivos e reclusos. Além disso, foram constatadas que doenças psiquiátricas desencadeadas por substâncias tóxicas podem contribuir para isso. Quem se vale de entorpecentes, eventualmente, pode experimentar a falta de prazer em sua vida.

Cabe ressaltar que existem diversos tipos de anedonia. Com isso, as pessoas podem apresentar o mesmo problema, mas senti-lo de forma diferenciada. Nisso pode vir a anedonia social, falta de interesse no contato social ou física. Esta última impossibilita o prazer no toque, dificultando o simples ato de comer ou ter um toque mais íntimo.

O que causa esse fenômeno?

Até o momento, não existe a certeza científica do que estaria envolvido no aparecimento da anedonia. Contudo, a depressão figura de forma proeminente na maioria dos casos. O estado emocional do paciente se encontra tão declinado que este acaba perdendo a receptividade a alguns estímulos. Porém, nem todos os depressivos possuem o problema.

Outro possível catalisador ao problema é a anorexia nervosa. Com o desdobramento da doença, a pessoa acaba perdendo o contato com a comida. O prazer que esta provoca não é sentido pelo anoréxico.

Por fim, eventos traumáticos do passado ou muito estressantes podem interferir nessa sensibilidade natural. Os abusos físicos e mentais, doenças que mudaram a qualidade de vida e negligência também costumam dar início ao problema. O impacto que as mesmas causaram continuam reverberando na vida do paciente.

Sintomas

A anedonia carrega sinais proeminentes de sua permanência na vida do indivíduo. Pode parecer pessimismo, mas se alguém estava em uma situação ruim, acaba entrando em um plano pior. Nada mostra relevância e por trás da apatia, há um sofrimento existencial constante. Os sinais mais evidentes se concentram em:

Sentimentos negativos a respeito de si

Cultivar a felicidade recebe apoio da ideia de prazer que esta carrega. Como está impossibilitado de senti-lo, o indivíduo entra em uma maré de autodepreciação. Com isso, acaba pensando de forma pessimista em relação a si, esquecendo tudo de bom que possui. Um pensamento negativo acaba sendo fomentado pelos que chegam logo após o problema.

Demonstrar afeto

Como não consegue se comunicar adequadamente, suas reações acabam aquém do esperado. Por tamanha impedimento que sente, essa pessoa não consegue se ligar emocionalmente com outro ente. Mesmo que presencie uma situação de ternura extrema, ele não se sensibiliza ao ponto de retribuir aquilo.

Adaptação social

Eventualmente, o mesmo necessitará manter contato com outras pessoas para poder se prover. Contudo, se mostrará incapaz de se adequar com as mudanças sociais. Já que não sente prazer no que estas podem trazer, se sentirá inadequado e pouco encaixado. Ademais, um sentimento de falsidade emotiva pode surgir caso force alguma reação.

Consequências

Assim como qualquer outro empecilho, a anedonia pode acarretar prejuízos caso permaneça ativa no indivíduo. Gradativamente, ela corrompe pilares fundamentais para que o indivíduo viva adequadamente. Dessa forma, afeta diretamente:

Relacionamentos

Um dos maiores gatilhos dos relacionamentos é o prazer mútuo que o casal sente por ter o outro. A relação é fomentada constantemente pelas interações que estes promovem. Entretanto, a falta de prazer impossibilita que isso permaneça por muito tempo. Aos poucos, a relação se desgasta, se o casal não se unir e trabalhar o problema.

Dificuldade em se comunicar

A conversa também se assemelha a um muro quando se cogita abrir o tema com alguém. Mesmo que uma pessoa próxima se interesse em ajudar, quem possui anedonia se comunica com dificuldade. Este não encontra caminhos adequados para expor o que sente, bem como as razões do problema. Alguns temem não serem levados a sério.

Falta de libido

Com a falta de contato e dificuldade em se comunicar, o próprio sexo acaba afetado por conta da falta de libido. Elementos básicos como o toque, a fala e o estímulo em suas variadas nuances não surtem efeito nessa pessoa. Não é que ela não queira se relacionar, nada disso. Contudo, o seu corpo reage de forma limitada a esses estímulos.

Leia Também:  Conceito de Erro segundo a Psicanálise

Tratamento

A anedonia, felizmente, tem cura, porém a mesma é difícil de ser administrada. Em primeira instância, é procurado o tratamento da doença que desencadeou a apatia ao prazer. Aqui se pode trabalhar a depressão ou qualquer doença de cunho psiquiátrico.

Uma das primeiras ferramentas a serem usadas é a psicoterapia acompanhada de um terapeuta. O mesmo se encarregará de avaliar o estado do paciente e construir a ponte até um psiquiatra. Através desse, o paciente se beneficiará corretamente de remédios que tratam o principal problema. Consequentemente, trabalhará outras diretrizes.

Cabe ressaltar que o acompanhamento terapêutico e psiquiátrico devem ser feitos de maneira constante. Isso se faz vital para garantir o bem-estar do paciente e visualizar os efeitos colaterais desejados. Dessa forma, ajustando as doses de acordo com a necessidade, garantirá resultados satisfatórios.

Considerações finais sobre a anedonia

Ainda que pareça absurdo, é perfeitamente possível o ser humano perder a resposta adequada para estímulos positivos da vida. A anedonia funciona como um inibidor a qualquer coisa que provoque ânimo nesse individuo. Por causa dela, o mesmo deixa de experimentar sensações extremamente benéficas que regulariam sua própria saúde.



Reiterando: as pessoas não escolhem estar nessa posição, isto é, ela é uma grave consequência de um problema maior. Dessa forma, se faz bem-vinda a compreensão e a disposição para retirar o paciente desse afogamento emocional de si. O mesmo tem o direito de lutar pela própria vida e sentir os prazeres que esta pode devolver.

Caso lembre de alguém descrito acima, por que não o ajuda a superar esse problema ao cursar nosso curso online de Psicanálise? O curso proporciona a visão adequada para entender o motivo desse afastamento em relação aos motores da vida. Não só ele, mas você também passa a se compreender e a construir ferramentas para mudar sua vida. Isso mostra que aprender psicanálise impacta você interna e externamente.

O curso é realizado via internet, possibilitando o acesso de qualquer pessoa às aulas. Mesmo que distante de uma sala de aula, você é acompanhado constantemente por um professor qualificado e bastante flexível. Ele se moldará às suas necessidades quanto aos horários, a fim de otimizar os seus estudos. Assim, este pode explorar seu potencial.

Com um certificado impresso nas mãos quando concluir, pode começar a aplicar tudo o que recebeu em nossas aulas. Sendo assim, entre em contato com a gente e garanta dominar uma ferramenta de mudança coletiva. Dessa forma, poderá pessoas com anedonia ou outros transtornos por meio do autoconhecimento. Faça nosso curso de Psicanálise!

Foi útil para você? Curta, Comente e Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

19 + 17 =