Ansiosa demais: eu me sinto assim, o que fazer?

Posted on Posted in Comportamento, Psicanálise

Já não é mais novidade falarmos que estamos ansiosos. Difícil é achar quem não esteja. Ainda assim, não podemos dizer que é normal estarmos agitados e angustiados o tempo todo. Por essa razão, é importante que, se você é uma pessoa muito ansiosa e deseja voltar a ter paz na sua vida, você deve buscar uma saída para esse problema! Felizmente, estamos aqui para te mostrar como!

O que é a ansiedade?

Ainda que essa palavra esteja frequentemente em nossas bocas, é possível que muitas pessoas ainda não saibam exatamente o que ela significa. É comum que as pessoas digam que a ansiedade é ruim.

Isso não é necessariamente a verdade. A ansiedade e o medo são reações normais dos nossos corpos a situações de perigo. Nesses momentos críticos, sofremos alterações físicas que nos ajudam a enfrentar esses problemas ou a fugir deles.

No entanto, a ansiedade pode se tornar maléfica se você for uma pessoa ansiosa demais. Isso acontece quando ela começa a atrapalhar a sua vida, te impedindo de realizar atividades do cotidiano e de se relacionar com outras pessoas. Se isso está acontecendo com você, é importante investigar se você não está sofrendo de transtorno de ansiedade generalizada. Vamos falar um pouco mais sobre ela?

O que é o Transtorno de Ansiedade Generalizada?

Esse distúrbio é caracterizado principalmente pela preocupação excessiva e fora de controle. Se você se sente apreensivo com muita frequência, esse é um bom sinal para você prestar atenção ao seu corpo. Provavelmente ele está te dando outros sinais. Para te ajudar a saber se você tem esse transtorno, iremos te fazer algumas perguntas.

É importante, antes disso, deixar claro que esse “teste” não é um diagnóstico. Por isso, sempre dê primazia à opinião de um profissional.

  • Você é facilmente irritável?
  • Você sente fadiga?
  • Você tem perturbações no sono?
  • Você tem dificuldades para se concentrar em uma tarefa?

Se você respondeu afirmativamente a, pelo menos, três dessas perguntas, cuidado! A ansiedade pode ter se tornado um problema para você. Como já dissemos, a ansiedade em si não é ruim. O excesso dela que é problemático. Assim sendo, é importante controlar os níveis de estresse e a preocupação. Iremos te dar algumas dicas para você fazer isso.

Dicas para você controlar a ansiedade

Quanto às nossas orientações, elas se aplicam a qualquer pessoa que se sinta ansiosa demais! Por essa razão, não importa se você tem um diagnóstico. Pegue o papel e a caneta e comece a anotar cada uma de nossas indicações. Só não esqueça de segui-las. Já avisamos que o processo não será fácil, mas vale ter persistência para alcançar os seus objetivos.

Busque a ajuda de um profissional

Não existe dica mais importante que essa. Muitas pessoas acreditam que as psicoterapias são indicadas para as pessoas loucas ou fracas, mas isso não é verdade! Todas as pessoas deveriam cuidar de sua saúde mental; dentre elas, as pessoas muito ansiosas.

Isso porque os psicoterapeutas podem ajudá-las a entender qual é a razão de sua ansiedade e também poderão indicar o melhor tratamento. Em boa parte dos casos, no entanto, também será necessário contar com a ajuda de outros profissionais da saúde porque, dependendo do caso, eles poderão indicar medicamentos antidepressivos e ansiolíticos.

Cuide da sua respiração

Existem estudos que afirmam que o controle da respiração pode ter um efeito similar ao dos remédios antidepressivos. Não é interessante saber que o nosso corpo pode nos dar o que precisamos para termos qualidade de vida? Por essa razão, nós precisamos conhecê-lo melhor! Em vez de gastar muito dinheiro com remédios, busque primeiramente fazer uso do elemento que temos em abundância e de graça: o ar!

Respirar de forma lenta e constante ajuda o nosso cérebro a entender que não estamos em situação de perigo. Dessa forma, o corpo se acalma e, assim, os sintomas da ansiedade diminuem. Como você pode ver, tudo se trata de falar a linguagem do seu corpo!

Faça exercícios físicos

Sim! Se exercitar ajuda muito a controlar a ansiedade. Isso porque, quando você pratica atividades físicas, você aumenta a sua produção de serotonina. Nada melhor do que contar com o hormônio do prazer nos momentos em que você se sente angustiado. Também temos que lembrar que, quando você se exercita, você gasta energia e, assim, também fica menos estressado.

Leia Também:  O que é Lapso para a psicanálise?

Considerações finais: pessoa ansiosa demais

Esperamos que essas três dicas tenham te ajudado a saber o que fazer se você se sente uma pessoa ansiosa demais. É importante controlar o estresse e o seu nível de preocupação para que você tenha qualidade de vida. Por isso, recomendamos que você busque o auxílio dos profissionais da área da saúde e também cuide do seu corpo, respirando adequadamente e praticando exercícios físicos.

Curso de Psicanálise Clínica

Também temos uma dica para dar aos indivíduos que desejam ajudar outras pessoas a cuidarem da sua saúde mental. Se esse é o seu caso, te convidamos a fazer o nosso curso de Psicanálise Clínica. Nós temos o conteúdo adequado para te preparar a atender as demandas do mercado!

Nós precisamos mencionar que as aulas são 100% online, o que significa que você não precisará separar um horário fixo do seu dia para se dedicar aos estudos. Além disso, você pode acessar o nosso conteúdo em qualquer lugar que tenha internet! Saber que você não precisa se deslocar para uma instituição de ensino para obter o seu certificado é bem animador, não é mesmo?

Além disso, é importante afirmar também que não é necessário que você tenha formação em psicologia ou medicina para fazer o nosso curso! Não precisa se preocupar com isso. Nós garantimos que em 18 meses você já poderá clinicar ou trabalhar em empresas. Gostou de saber desses benefícios? Não deixe então de se matricular conosco! Invista na sua vida profissional e nos seus estudos hoje mesmo!

Se você gostou de saber o que fazer para se tornar uma pessoa menos ansiosa, compartilhe este artigo com outras pessoas. É importante que elas saibam que não precisam viver angustiadas e preocupadas o tempo inteiro. Também fique atento aos outros artigos deste blog! Há muito conteúdo relacionado à área de psicanálise esperando por você!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 + dezoito =