atribulação

Atribulações: significado da palavra e em psicologia

Posted on Posted in Comportamento

As atribulações são os acontecimentos da vida que nos trazem dores e angústias, nada mais são que as adversidades que passamos. Quando estamos em meio a atribulações da vida, nossas emoções oscilam e, algumas vezes, não sabemos trazer o equilíbrio necessário para solução desses dissabores.

Nesse sentido, entender as atribulações como obstáculos da vida, apenas como pedras no caminho, pode parece algum sútil. Mas, acredite, poderá mudar o seu mindset e fazer com que você viva de maneira mais leve, sem aquela vida da “pessoa atribulada”.

Além disso, importante compreender que as atribulações, as dores, dissabores da acontecem, muitas vezes, por nossa segurança para sinalizar algo em nossas vidas que precisa de atenção.

Significado de atribulações

Atribulações, plural de atribulação, significa adversidades, apertos, infelicidades, mágoas, aflições. Ou seja, engloba circunstâncias desagradáveis da vida, como aflição, amargura e infelicidade.

O que são atribulações?

Desse modo, as atribulações são as adversidades, tribulação, aperto, perigos, ou seja, situações negativas que envolvem nossa vida e precisamos que tenhamos atitudes para enfrentá-las e alterá-las.

Como saber lidar com uma vida atribulada?

Agora está cada vez mais fácil se comunicar com as pessoas, mas a comunicação se torna, cada dia, mais superficial, sendo a grande justificativa para isso ter uma vida atribulada.

E esta vida atribulada, como se pode imaginar, não reflete positivamente em nossas vidas, pois acabamos vivendo em meio a problemas, os quais nós mesmo procuramos e não conseguimos lidar.

Isso é mais comum do que se imagina, as pessoas tendem a acumular tantos compromissos profissionais, que quando percebem estão vivendo para trabalhar, ao invés de trabalhar para viver. Você pode pensar nessa fase como um clichê, mas é reflita bem sobre o seu real significado e como, ao longo do tempo, essas atribulações podem afetar sua saúde mental.

Exemplos de atribulações

Como, por exemplo, em um trabalho corporativo, acabamos por nos responsabilidade para resolução de inúmeras atribulações. Ao passo que chegamos ao ponto de que, unicamente em razão das nossas escolhas, acabamos transformando essas atribulações profissionais em atribulações mentais.

Uma vida atribulada acontece se aceitamos assim ser. Então, cabe somente a você entender, de fato, quais são as suas prioridades, para dar o real valor de viver de forma plena.

Pensando nisso, abaixo trouxemos dicas de como lidar com as atribulações do trabalho e saber gerenciar melhor seu tempo e ter qualidade de vida. Segue uma lista que parece simples, mas que fará toda diferença para diminuir as atribulações e sua rotina:

  • trabalhos mais urgentes em primeiro lugar;
  • priorize seu tempo, estipulando prazo para cada tarefa;
  • se conheça e saiba quais são suas horas produtivas;
  • você não é multitarefas, uma coisa de cada vez;
  • saiba dizer não, pois assim não se sobrecarregará de trabalho;
  • saiba quais são as consequência se não entregar o trabalho naquele dia;
  • procrastinação não é sempre ruim, às vezes é necessária;
  • mudar de emprego pode ser o melhor a se fazer.

Atribulações mentais | Saúde mental e a importância do autocuidado

Diante das atribulações é comum pessoas que, embora saibam a importância do autocuidado, sobretudo da saúde mental, acabam por a deixando de lado. Em um processo de autossabotagem, adiando sempre seus planos, como em um círculo vicioso, vê a vida passar e nem sequer descobrem o real significado de felicidade.

Antes de tudo, vamos falar sobre autocuidado e saúde mental. Todos nós temos que lutar, trabalhar, afinal, essa é a sociedade, é como o mundo se desenvolveu desde os primórdios. Agora, como está lidando com tudo isso?

Afazeres profissionais, domésticos, família, crie financeira, relacionamentos amizades, são situações que acabam, por vezes, nos levando ao esgotamento psicológico. Consequentemente, se não se prioriza o autocuidado, sobretudo mental, chega-se aos transtornos mentais. Como, por exemplo:

  • transtorno de ansiedade;
  • síndrome de Burnout ou Síndrome do Esgotamento Profissional;
  • transtorno obsessivo-compulsivo;
  • ataques de pânico.

Sendo assim, para que as atribulações mentais não finquem raízes, entenda o que é a cultura do autocuidado:

Cultura do autocuidado | Vida atribulada para psicologia

Autocuidado é o conjunto de práticas, hábitos saudáveis que uma pessoa insere em sua vida cotidiana, com foco na sua saúde mental e seu bem-estar. Em consequência, a pessoa consegue administrar diversos aspectos de sua vida, como:

  • finanças pessoais;
  • relacionamentos amorosos;
  • carreira profissional;
  • controle mental;
  • sabedoria;
  • resiliência.
Leia Também:  Conhece-te a ti mesmo: significado do provérbio

Nesse sentido, o termo cultura do autoconhecido se refere, simplificadamente, a incluir em sua rotina, hábitos saudáveis, visando a importância do cuidado pessoal. Sendo que isso não somente deve ser aplicado somente quando se chega ao esgotamento psicológico, mas principalmente antes, para não se chegar a esse ponto.

    NÓS RETORNAMOS PARA VOCÊ



    Quero informações para me inscrever na Formação EAD em Psicanálise.

    Além disso, vale enfatizar a importância de você tirar um tempo para você. Ainda que esteja em meio a atribulações, as quais você imagina que não existe tempo, pare tudo. Você deve tirar um tempo para se divertir com sua família e seus amigos, ou até mesmo sozinho. Você precisa disso para que viva plenamente.

    Não tenha uma vida somente de atribulações

    Atribulações inquietam seu coração, fazendo com que você enxergue a vida com desesperança, passamos se acomodar, como se uma vida de atribulação fosse mais importante que a sua própria felicidade.

    Em razão disso, deixamos de lado oportunidades de experimentar vivências incríveis que o prazer da vida pode nos proporcionar. Portanto, o que podemos lhe deixar de dica, é: aprecie as menores coisas da vida, somente assim poderá experimentar as maiores e mais esplêndidas. As possibilidades são infinitas, e só dependem de você.

    Sobremaneira, importantíssimo que exerça o autoconhecimento, descubra as visões sobre si mesmo, descubra a sua melhor versão, as suas capacidades. Sendo assim, lhe convidamos a conhecer nosso curso de formação em psicanálise.

    Ainda mais, não deixe de curtir e compartilhar este artigo em suas redes sociais. Assim, nos incentivará a continuar produzindo sempre conteúdos de qualidade para nossos leitores.

    Por fim, você passou ou está passando por uma vida atribulada, deixei seu comentário abaixo, também, conte para a gente o que você acha, conte o que você vivenciou, o que mais você quer saber sobre o assunto? Tire todas suas dúvidas e lembre que conta sua experiência estará incentivando e ajudando outras pessoas.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.