Medicina Ayurveda: o que é, princípios e aplicações

Posted on Posted in Conceitos e Significados, Transtornos e Doenças

Você já ouviu falar sobre a Ayurveda? Esse sistema de saúde de ganhado muita popularidade ultimamente! Cada vez mais pessoas querem saber como ele funciona. portanto, preparamos um artigo especial com informações precisas sobre o que é a medicina Ayurveda, quais são seus princípios e como aplicá-la no dia a dia se quiser!

O que é Medicina Ayurveda?

Para começarmos essa discussão, é importante saber o que “Ayurveda” significa, já que obviamente não se trata de uma palavra da língua portuguesa. A origem da palavra vem do sânscrito, uma das línguas oficiais da Índia, e significa “ciência da vida”. De acordo com a Veja Saúde, trata-se do mais antigo sistema de saúde de que se tem notícia. Contudo, é estranho que sua popularização aconteça só agora.

Na realidade, a procura pela medicina Ayurveda pode ser compreendida como um verdadeiro fenômeno da época da quarentena por causa da pandemia de Covid-19. Como as pessoas estão mais em casa, a procura por maneiras de cuidar melhor de si em isolamento aumentou bastante. Ademais, aumentou também a procura por maneiras de prevenir a contração da doença, fortalecendo a imunidade.

Assim, nesse contexto, a Ayurveda despontou como um sistema de saúde super completo e que ajuda muito no autoconhecimento.

A definição

Em linhas gerais, a medicina Ayurveda é um sistema integral, isto é, holístico, que entende o ser humano por completo. Por essa razão, esse sistema compreende práticas de prevenção e tratamento que fazem bem de maneira integrada. Essas práticas envolvem cuidados com a alimentação, o estilo de vida, a qualidade do seu sono e muito mais. Falaremos sobre elas mais adiante!

Quando falamos em uma abordagem holística, vale lembrar que isso vale para o modo de analisar sintomas e prescrever tratamentos em caso de doença. Por exemplo, uma dor específica que a pessoa sente pode ser por que ela está triste, com a energia baixa. Consequentemente, a melhora de uma doença pode ser conquistada por meio de hábitos recomendados pelo sistema de saúde.

Trata-se de uma via de mão dupla: quanto mais você cuida do seu corpo, mais saudável ele fica. Portanto, essa medicina foca não no tratamento com remédios, mas no equilíbrio entre mente, corpo e alma.

Famosos que popularizaram a Ayurveda pelo Brasil e no mundo

Além de as pessoas terem pesquisado mais sobre a medicina Ayurvédica, pessoas famosas também são responsáveis pela popularização do sistema. Confira quem são algumas delas abaixo!

Gwyneth Paltrow

A atriz Gwyneth Paltrow, muito conhecida pelas participações nos filmes da Marvel e no premiado Shakespeare Apaixonado, divulga em suas redes muitas dicas e recomendações de produtos voltados para o bem-estar.

No que diz respeito a estilo de vida e bem-estar, Paltrow aproveita muitos conhecimentos da Ayurveda. Um exemplo disso é o detox para eliminar toxinas de seu organismo, que tem orientação ayurvédica. Ademais, ela é uma grande fã da fitoterapia, prática que descreveremos mais adiante.

Juliana Goes

Você lembra da ex-BBB Juliana Goes? Ela ficou bastante conhecida por sair desmaiada de uma das provas de resistência do reality show. Hoje em dia, Juliana trabalha como influencer e também fundou empresas com foco na disseminação de práticas de saúde e bem-estar, a Zen Wellness e o Zen App.

Leia Também:  Percepção da Psicanálise: perspectivas de Freud, Stefan Zweig e Jesus

Muitas dessas práticas nasceram na sabedoria Ayurvédica e algumas das aplicações que você conhecerá abaixo estão presentes na rotina de Juliana.

Maitê Proença

Maitê Proença é, sem dúvidas, uma das maiores atrizes da televisão brasileira. Ela afirmou à Revista Quem que usa a medicina Ayurveda para se tratar de doenças. Segundo a própria atriz, quando está se tratando, percebe a eficiência da medicina indiana em sua mente, corpo e espírito.

Ademais, Proença afirma que percebe que as práticas integradas também ajudam “revertendo mesmo o processo do envelhecimento”.

Mariana Goldfarb

Por fim, a última personalidade que tem experimentado os efeitos positivos da Ayurveda é a modelo e apresentadora Mariana Goldfarb. Ela estuda a medicina indiana e também é adepta de uma das práticas incentivadas por ela, a cromoterapia.

    NÓS RETORNAMOS PARA VOCÊ



    Quero informações para me inscrever na Formação EAD em Psicanálise.

    Como no caso da influencer Juliana Goes, Mariana também compartilha com seus seguidores nas redes sociais alguns dos rituais incentivados pela Ayurveda.

    Princípios da Ayurveda

    1 – Dieta com base nos doshas

    Os doshas são tipos de temperamentos nos quais as pessoas se encaixam. Na Ayurveda, eles são muito úteis para elaborar dietas com base em alimentos que fortalecerão cada tipo. Ademais, conhecer os doshas das pessoas pode ajudar no tratamento de problemas como distúrbios de sono.

    Doshas:  quais suas principais diferenças?

    • Kapha – pessoas Kapha tendem a ter uma estrutura física mais larga e robusta. Ademais, possuem mais tendência a ganhar peso, costumam procurar mais estabilidade e são mais preguiçosas também. Os elementos naturais que se ligam a esse dosha são a terra e a água. No que diz respeito à alimentação, pessoas Kapha devem buscar adicionar à dieta alimentos mais adocicados, com bastante fibra.
    • Pitta – pessoas Pitta tendem a ter uma estrutura física mediana. Ademais, possuem um metabolismo mais acelerado e costumam sentir bastante sede. Os elementos naturais que se ligam a esse dosha são o fogo e a água. Assim sendo, em sua dieta pessoas Pitta devem investir em frutas e folhas verdes, evitando muitos condimentos e pimenta.
    • Vata – pessoas Vata tendem a ter uma estrutura física mais com pouca musculatura. Assim, são indivíduos mais magros e longilíneos. Por esse motivo, pessoas com esse dosha costumam ser ágeis e leves. Os elementos naturais que se ligam a esse dosha são o ar e o éter. Em sua dieta, devem incluir mais alimentos pesados, como sopas e cremes. Ademais, preparações amargas e com pimentas caem muito bem aqui.

    2 – Alimentação que respeita a sazonalidade dos alimentos

    Um outro princípio da Ayurveda é o respeito pela sazonalidade dos alimentos. Talvez você não saiba, mas boa parte dos vegetais e frutas que você come tem seu processo de crescimento acelerado por produtos fertilizantes. Para quem segue a medicina indiana, é importante reconhecer como funciona o processo natural de desenvolvimento do que vai para o seu prato.

    Na vida prática, é bem fácil saber o que está na estação certa ou não. Geralmente você encontra frutas e verduras sazonais com mais abundância na feira ou no mercado. Ademais, como a demanda é alta, o preço desses alimentos cai. Portanto, é até mais sustentável e barato respeitar a sazonalidade dos alimentos que vão para o seu prato!

    3 – Práticas terapêuticas holíticas, com foco na natureza

    A medicina Ayurveda também conta com a integração de práticas terapêuticas holísticas no dia a dia da pessoa que quer tratar ou prevenir doenças. Descrevemos algumas delas abaixo:

    Fitoterapia

    Trata-se do estudo das plantas para elaborar tratamentos terapêuticos. Ou seja, em vez de buscar a cura para problemas físicos em remédios, a Ayurveda procura trazer uma abordagem mais natural para o problema, sempre com foco na natureza e no que pode fazer bem para o corpo.

    Aromaterapia

    Por mais alternativo que pareça, há indícios de que tratamentos com óleos essenciais extraídos de plantas pode ajudar a melhorar o seu bem-estar. Esses óleos despertam diferentes partes do nosso cérebro:

    • reduzindo o estresse,
    • falta de concentração,
    • irritabilidade,
    • cansaço físico ou mental,
    • diminuição da libido,
    • entre outros.
    Leia Também:  Síndrome da Fadiga Crônica

    Algumas das plantas com as quais é possível fazer os óleos essenciais são:

    • limão,
    • jasmim,
    • eucalipto,
    • camomila,
    • sândalo,
    • canela,
    • lavanda
    • bergamota/tangerina,
    • ylang-ylang.

    Meditação

    A meditação é uma prática terapêutica sobre a qual já falamos aqui no Psicanálise Clínica. Ela faz parte do conjunto de práticas integradas da Ayurveda porque promove o equilíbrio mental. Ademais, colabora com a prevenção de vários problemas físicos e psíquicos.

    Por fim, também ajuda no tratamento de uma imensidão de problemas. Tudo sem a intervenção química de medicamentos, mas no investimento de um contato maior consigo mesmo e com a natureza.

    Cromoterapia

    Por fim, a última das terapias que abordaremos neste artigo é aquela que usa a luz de diferentes cores para tratar doenças.

    Os tratamentos costumam ocorrer da seguinte maneira: em uma sala fechada, as pessoas são expostas a uma luz de diferentes cores. Essa exposição pode ser feita com a luz aplicada diretamente na pele ou não. Uma outra maneira de fazer a cromoterapia é sentado ou deitado, tendo contato com a luz de maneira não tão próxima.

    Quais as principais diferenças entre a medicina convencional e a Ayurveda?

    1 – Tratamentos integrados

    Primeiramente, uma diferença bastante marcante entre a medicina convencional e a ayurvédica é o fato de que a segunda estimula diferentes práticas de estilo de vida de uma forma integrada. Os tratamentos que uma pessoa recebe quando vai ao médico são mais pontuais.

    Em geral, você recebe uma receita para comprar medicamentos ou um médico administra o remédio na hora. Ou seja, há uma diferença entre terapia local e terapia integrativa.

    2 – Base de tratamento

    Para além do alcance do tratamento feito com a medicina ayurvédica, é importante ressaltar a importância do foco na natureza na base dessa terapia.

    Enquanto a composição da maioria esmagadora dos medicamentos é química, cheia de contraindicações e efeitos colaterais, os tratamentos com base em elementos da natureza trazem menos perigos para o corpo. Ademais, os tratamentos costumam ser muito efetivos.

    3 – Estilo de vida

    Comentamos que a medicina indiana foca bastante em tratamentos holísticos e integrativos. Portanto, consequentemente, quem se torna adepto da Ayurveda acaba mudando de estilo de vida. Assim, pessoas que fazem essa escolha passam a se alimentar melhor, meditar mais e praticar yoga. É como se fosse um efeito cascata: uma pequena alteração no jeito de pensar o tratamento e prevenção de doenças muda a vida por completo.

    Conheça 8 aplicações da Medicina Ayurvédica!

    1 – Meditação

    Como já comentamos, a meditação é uma prática bastante importante para quem adota a Ayurveda como estilo de vida. Meditar nos lembra da importância de estar presente no aqui e agora. Assim, por sua vez, isso evita vários problemas como estresse, ansiedade e falta de concentração.

    Ademais, a meditação diária nos conecta com nosso interior constantemente, nos tornando cada vez mais atentos a como o nosso corpo funciona. Esse olhar intencional para dentro faz toda a diferença na identificação de doenças. É algo que colabora muito na hora de tratar problemas de saúde também.

    2 – Nutrição

    Outro ponto da vida do praticante de Ayurveda que se torna intencional é a alimentação. Quem quer um estilo de vida mais integrado, focado na natureza, se alimenta com alimentos naturais. Como falamos anteriormente, a estruturação da dieta considera as necessidades que cada dosha precisa na hora da alimentação.

    3 – Escovação do corpo

    Uma prática bastante comum de quem pratica a medicina indiana é a escovação do corpo a seco. Ela elimina as toxinas e células mortas, ajuda a fazer um detox no corpo e deixa a pele bem macia. Para isso, o comum é usar escovas com cerdas naturais. As pessoas escovam o corpo e o rosto com escovas diferentes!

    Leia Também:  Estoque de tempo humano: uma reflexão da Psicanálise

    Nesse contexto, vale lembrar que é necessário tomar cuidado com as áreas sensíveis do corpo, como os seios e os mamilos. Uma outra dica interessante: logo depois de fazer a escovação, tome um banho quente para relaxar.

    4 – Raspagem da língua

    Você já deve ter percebido que um princípio importante da medicina Ayurvédica é a eliminação de toxinas. Ou seja, o detox. De acordo com esse sistema medicinal, o nosso corpo expele toxinas todos os dias naturalmente. Algumas maneiras de ele fazer isso são por meio das necessidades fisiológicas e do suor.

    Contudo, durante a noite, o corpo também expele toxinas sozinho e uma maneira de fazer isso é por meio daquela gosminha branca que aparece na nossa língua pela manhã. Assim sendo, os ayurvédicos têm o hábito de raspar a língua todos os dias, com um raspador de metal.

    Além de fazer a desintoxicação do corpo, essa prática ajuda a melhor a saúde bucal e ter bom hálito. Dessa forma, raspar a língua não ajuda só internamente, mas externamente também!

    5 – Massagem

    Uma outra aplicação da Ayurveda é a massagem. Contudo, não se trata de uma massagem convencional, que pode ser feita por qualquer profissional. Estamos falando de uma modalidade de massagem específica, que é a massagem Ayurvédica.

    Nessa modalidade, o massagista pode usar óleos ou ervas durante o procedimento. Dessa maneira, ele consegue estimular o corpo a chegar em um estado de relaxamento profundo. Ademais, estimula também o equilíbrio, o fortalecimento e a nutrição dos tecidos da pele. 

    6 – Yoga

    Como a meditação, a Yoga não é uma prática exclusiva da medicina indiana. Contudo, ela colabora muito com a prevenção e com o tratamento de doenças. Assim sendo, a yoga se encaixa no modelo integrativo que a Ayurveda prega.

    7 – Desintoxicação

    Como já dissemos, o detox é uma aplicação muito importante para os ayurvédicos. Por esse motivo, eles investem em detox na alimentação, na pele, na língua e de várias outras maneiras. O importante é incluir na rotina práticas que limpem o corpo de toxinas!

    Dessa forma, você observará o equilíbrio se tornar uma constante cada vez maior na sua vida. Não se sentirá tão cansado, desanimado e verá a disposição fazer parte do seu dia desde o começo!

    8 – Acompanhamento dos padrões solares

    Por fim, uma prática constante dos ayurvédicos é, dentro do possível, fazer o dia funcionar de acordo com os padrões solares. Essa é uma decisão que parte da premissa de que cada dia nos traz energia para desfrutar de um ciclo. Ademais, a luz do dia nos deixa mais despertos, bem dispostos em ativos. Contudo, quando a luz natural do dia vai dando espaço à noite, nossa energia vai caindo também.

    Portanto, é importante saber aproveitar nossos níveis de energia no momento em que eles estão altos. Ademais, é importante saber desacelerar quando o dia vai indicando o final de mais um ciclo.

    Não é todo mundo que consegue viver acompanhando os padrões solares. Assim, faça o que for possível, sem deixar os benefícios da Ayurveda serem substituídos pelo perfeccionismo!

    Considerações finais

    Neste artigo, você aprendeu sobre os princípios e as aplicações por trás da medicina ayurvédica. Esperamos que essas explicações funcionem como um panorama completo. Assim, se quiser começar a praticar já tem uma ideia de algumas práticas para incluir ou remover do dia a dia.

    Por fim, caso queira ter contato com um panorama ainda maior sobre o comportamento humano, para além da Ayurveda, temos uma oferta para você. Nosso curso de Psicanálise Clínica EAD só fornece uma abordagem bastante completa sobre a psicanálise. Ademais, permite que os alunos comecem a clinicar. Ou seja, aprendendo mais sobre o ser humano, você ganha uma nova profissão ou adiciona o que aprender àquilo que você já faz. Venha aprender conosco!

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *