Expressão Corporal

Expressão Corporal: como o corpo se comunica?

Posted on Posted in Comportamento, Conceitos e Significados, Psicanálise, Psicanálise e Cultura

A expressão corporal comunica tanto quanto a comunicação verbal. A análise dos gestos, posturas e tons de voz chamam tanto a atenção que profissionais especialistas nesse tipo de material estão ganhando espaço. 

Um exemplo disso é o Canal Metaforando, de autoria de Vitor Santos, perito técnico em expressões faciais pelo PEG-USA. Em seus vídeos, Vitor analisa cenas verídicas do jornalismo e da TV brasileira com o objetivo de apontar as mensagens que as expressões corporais comunicam.

Se você tem interesse em conhecer um pouco mais sobre essa “arte”, confira as informações que trazemos ao longo deste conteúdo!

O que é expressão corporal?

A expressão corporal é a manifestação de sentimentos, pensamentos e conhecimentos por meio do corpo. Ao contrário do que muita gente pensa, não é necessário avisar que estamos nervosos, cansados, com raiva ou apaixonados, pois o nosso corpo passa a mensagem principalmente quando você não tem ciência sobre os tipos de comunicação corporal.

Falamos sobre eles logo abaixo!

Quais os tipos de comunicação corporal?

Cinésica

A comunicação corporal cinésica é a que envolve os movimentos, gestos e expressões corporais.

Tacêsica

Por outro lado, a comunicação corporal tacêsica envolve o tato e tudo o que podemos comunicar a partir dele. Um exemplo clássico é o do aperto de mão, que pode comunicar diferentes mensagens a depender da firmeza de ambas as partes.

Proxêmica

Na comunicação corporal proxêmica o foco está na maneira de se apropriar de um determinado espaço físico. Por exemplo, temos o movimento que um indivíduo faz enquanto dá uma palestra. 

Diferentes mensagens são transmitidas se essa pessoa escolhe ficar o tempo todo em um mesmo lugar, sem se movimentar, ou se apropriar de todo o espaço que ela tem. 

Paralinguística 

Por sua vez, a comunicação corporal paralinguística diz respeito aos aspectos não verbais da linguagem verbal, como mudanças de tom de voz.

Perceba que quando a voz aumenta bruscamente, é possível notar o nervosismo ou o estresse. Por outro lado, uma voz baixa demais sugere a timidez ou medo.

Física 

O último tipo de comunicação corporal leva em conta a forma do corpo de uma pessoa e a sua aparência.

Podemos associá-la a questões de estilo pessoal e imagem pessoal, dado que a nossa imagem também comunica e as pessoas já depositam sobre nós expectativas e previsões sobre quem somos a partir do que elas conseguem ver externamente.

9 formas de expressão corporal e seus significados: será que você já conhecia a quinta e a sétima?

Agora que você já sabe quais são as diferentes maneiras de expressão corporal, discutiremos mais a fundo 9 das principais. Dessa forma, você entenderá como aquilo que não dizemos também passa uma mensagem. Confira!

1 – Coçar o nariz 

A expressão corporal de coçar o nariz sugere que a pessoa está em dúvida ou contando uma mentira .

Uma curiosidade sobre esse gesto é que trata-se de um movimento involuntário que o indivíduo performa com o objetivo esconder a própria boca na hora de falar.

Assim sendo, a leitura que fazemos é de que há partes do conteúdo da mensagem não são verdadeiras.

    NÓS RETORNAMOS PARA VOCÊ



    Quero informações para me inscrever na Formação EAD em Psicanálise.

    2 – Olhar para baixo 

    O ato de olhar para baixo pode ter dois significados distintos, isto é, pode ter uma leitura tanto positiva quanto negativa. 

    No que diz respeito à leitura negativa, se você olha demais para baixo sugere desânimo, tristeza, medo e vergonha. 

    Contudo, há um ponto positivo que esse gesto revela, que é a reflexão. Ou seja, ao olhar para baixo depois de ouvir uma ideia ou argumento, você indica que está refletindo seriamente sobre aquilo que ouviu.

    3 – Morder os lábios

    Você já deve saber que o ato de morder os seus lábios indica nervosismo, ansiedade, preocupação e receio. Inclusive, pessoas ansiosas são notadamente conhecidas por morderem os lábios com frequência.

    4 – Mãos na cintura 

    Uma outra forma de expressão corporal é colocar as mãos na cintura ao se comunicar. Ainda que você não exalte a sua voz, esse é um gesto que será interpretado como impaciência, agressividade e a necessidade de receber atenção imediata.

    5 – Esfregar a orelha 

    Esfregar a orelha enquanto você escuta uma ideia ou argumento indica a indecisão ou ceticismo quanto ao que se está ouvindo. Ou seja, ainda que você diga que concorda com o seu interlocutor, ao esfregar as orelhas, seu corpo mostra o que você realmente pensa.

    6 – Coçar a cabeça 

    Ainda falando sobre indecisão, outra expressão corporal que costuma comunicá-la é o ato de esfregar a cabeça. Contudo, além de indicar dúvida e indecisão, esse gesto também pode comunicar incerteza, inquietação e confusão. 

    7 – Estalar os dedos 

    Alguém já estalou os dedos em sua direção em uma comunicação branda?

    Normalmente, quando não há exaltação de ânimos, esse é um gesto que não aparece na interação entre duas pessoas. Ele geralmente indica ansiedade, impaciência, frustração e agressividade.

    Ademais, trata-se de um gesto de extrema falta de educação.

    8 – Apoiar a cabeça entre as mãos 

    Sabe quando estamos assistindo uma aula ou palestra depois de uma noite sem conseguirmos dormir direito? É normal que, para acompanhar o que o comunicador está dizendo, apoiemos a nossa cabeça nas mãos. 

    No entanto, esse gesto sugere desinteresse, ociosidade, tristeza e, principalmente, muito tédio.

    9 – Mexer nos cabelos 

    Para encerrarmos a nossa lista de tipos de expressão corporal e seus significados, gostaríamos de citar a prática de mexer nos cabelos, seja enrolando os fios entre os seus dedos ou acariciando as madeixas.

    Seja como for, mexer nos cabelos sugere insegurança, hesitação, nervosismo e timidez.

    Considerações finais sobre as formas de expressão corporal 

    Esperamos que esse conteúdo sobre o que é expressão corporal e seus diferentes tipos tenha ajudado você a se tornar mais atento aos sinais que o seu corpo emite, mesmo quando não está falando. Em muitas ocasiões, o que o corpo diz fala muito mais alto do que a nossa voz.

    Dessa forma, poderá se observar e se esforçar para regular os próprios comportamentos nas situações em que for necessário controlar os seus gestos. São exemplos desses contextos entrevistas de trabalho, discussões, reuniões e apresentações em público.

    Por fim, se você gostou do nosso artigo sobre expressão corporal, te convidamos a ler outros conteúdos sobre o tema. Deixamos ainda o convite para que você conheça a grade de conteúdos do nosso curso de psicanálise clínica completamente EAD, no qual você pode conseguir o certificado de psicanalista para clinicar. Confira!

    One thought on “Expressão Corporal: como o corpo se comunica?

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.