filmes sobre psicanálise na Netflix

10 filmes sobre Psicanálise na Netflix

Posted on Posted in Psicanálise e Cultura

Ao se mencionar ao leitor que cinema é a vida da gente, basta prestar atenção nos personagens deste artigo e nas observações sob a ótica da personalidade com filmes sobre psicanálise na Netflix.

O cinema é uma fonte inesgotável de informações sobre o infinito caminho que o consciente e subconsciente realiza em nossas vidas. Nesse artigo procurei abordar casos sobre ideologias, comportamentos, crenças, gênero, sexualidade, adolescência, traumas e conflitos diferentes para despertar o caro leitor que possa agregar valor á sua própria vida.

Os filmes sobre psicanálise na Netflix

Sabemos que os afetos , podem mudar nosso comportamento e influenciar como vivemos e nos relacionamos no meio em que vivemos . O afeto também constroem sentimentos e emoções ; seja o afeto por uma pessoa, por um lugar e até por uma lembrança . Se fossemos capazes de entender como os afetos são evocados , como são conduzidos em cada um de nós seria de grande valia para o analista.

O Quarto de Jack: Quando comecei assistir o filme , pensei somente em Joy , me envolvi com Joy . Imaginei quão forte uma criança precisa ser para suportar tal agressão num mundo interior ainda em construção. Conforme os dias se passavam percebi a maravilhosa capacidade que o ser humano tem de adaptação. Joy encontrou numa pequenina janela por onde ela podia ver o dia e ver a noite. Joy tem contato com um único ser humano o sequestrador / estuprador , velho Nick .

Joy sem nenhum entendimento dá a luz a Jack , filho biológico do velho Nick. Joy é abusada sexualmente naquele pequeno quarto constantemente , enquanto esteve em cativeiro. Joy mesmo imatura manifesta seu amor materno por Jack , transforma o cubículo num mundo , o mundo de Jack . Joy que conhece o mundo como ele realmente é fora do quartinho e cria formas saudáveis para desenvolvimento de seu filho ;mesmo sem nenhum estímulo social . Então aqui , meus olhos se voltaram para Jack :observamos segundo a psicanalise como Jack se sentia , como Jack se sentia um ser no mundo cujo mundo de Jack era então , a televisão, o céu, o pequeno espaço da janela, as árvores que avistava e os desenhos na parede.

O Quarto de Jack nos filmes sobre psicanálise na Netflix

Jack viveu cinco anos em cativeiro. Joy elabora um plano de fulga e com ajuda do filho escapa do velho Nick. A partir desse momento o mundo de Jack mudou radicalmente , eu me atrevo a dizer que ele foi submetido a um choque emocional e a um trauma e recalque: de um instante para outro Jack passa a outras pessoas, avôs, médicos, crianças com sua idade cronológica e com as com as quais deverá conviver . Nessa etapa a relação de bebê, seu objeto de amor , muda onde tudo é maior, melhor.

Jack mesmo com tudo de melhor ao seu alcance sente falta do seu quartinho , demonstrando aqui que todas as crianças precisam de um tempo para construir seu mundo social , Jack não teve esse tempo por falta de referências e ao sair do cativeiro ambos, mãe e filha vão se adaptando através de modos impostos pela sociedade e não espontaneamente ( hora de acordar , de comer , de brincar, de ir à escola, de dormir, etc,). Aqui eu identifico outro choque e outro trauma .Nesse momento se manifesta uma defesa através de seu comportamento revoltado. Seguindo a trajetória do novo mundo de Jack posso citar o espaço, o espaço antes limitado agora era infinito como o céu e pela primeira vez Jack vê o horizonte , na psicanalise se denomina “espacializar” .

Como a noção de espaço também muda radicalmente para Jack, uma adaptação prematura lhe é imposta, o que Jack conhecia era algo que promovia sensações de clausura. Jack é um menino vivendo a infância e já é capaz de escolher ;porém no quartinho poucas escolhas ele tinha; fora do quartinho e livre , agora são tantas escolhas ao seu dispor que leva sua mãe a tentar impor limites. Com o trauma sofrido por viver recluso ; Jack encontra dificuldade em fazer escolhas gerando frustações impactantes na criança, que aos cinco anos deveria estar em pleno desenvolvimento. O filme nos faz refletir sobre a ideia da criança de existir perante um enorme contraste entre o quartinho e o mundo que vive , bem como os exageros de opções. Por fim, o filme “O QUARTO DE JACK “ é um excelente filme sobre desenvolvimento infantil, traumas e relação parental.

“O Discurso do Rei” nos filmes sobre psicanálise na Netflix

O Discurso do Rei é uma homenagem a quem busca superar suas limitações , sejam elas quais forem. Propõe o filme demonstrar que é possível cada um de nós contribuirmos para um mundo mais amoroso e solidário tanto para os que vivem aqui quanto para as gerações futuras. Dentro dos filmes sobre psicanálise na Netflix, o filme citado conta a história de George, um homem que pertencia à realeza britânica e que fazia discursos frequentemente. Porém, George desde seus quatro anos é gago. Desde os 4 anos, George (Colin Firth) é gago. Então o filme transmite a trajetória em busca de cura para sua deficiência sem obter anos a fio , nenhum resultado.

Já adulto , sua esposa o leva até um terapeuta de fala , que usa até então métodos não tradicionais e conhecidos. O Terapeuta se coloca como a psicanálise nos ensina; num trabalho conjunto com George de ser humano para ser humano , de igual para igual e inicia seu trabalho de análise .O terapeuta então conquista sua confiança sem que George precise recorrer aos seus mecanismos de defesa. Como resultado George adquire autoconfiança e assume o seu maior desafio que foi assumir a Coroa após seu irmão abdicar .

O ápice do filme foi quando o rei, George faz seu primeiro discurso à nação ; demonstrando a capacidade que temos ao usarmos a perseverança, a determinação , a coragem e a superação. O filme é uma contribuição para a psicanalise pois demonstra como os mecanismos de defesa são limitantes

Precisamos Falar Sobre Kevin

Nos filmes sobre psicanálise na Netflix, o filme nos transmite inicialmente a rotina de uma família comum, com ênfase ao papel a mulher como chefe de família . A mãe de Kevin, Eva, mora sozinha , maltratada nas ruas, tentando recomeçar a vida com um novo emprego . Porém, os traumas estão no seu subconsciente e seu mecanismo de defesa é o isolamento social. O trauma de Eva , seu recalque e mecanismos de defesa surgem na que era casada com Franklin e com ele gerou dois filhos : Kevin e Lucy. Sendo Kevin , menino e não se desenvolvendo bem na fase da transição pelo édipo ,desenvolve então relacionamento complicado com sua mãe, desde bebê.

O tempo foi passando e Kevin apenas foi acumulando conflitos atrás de conflitos e a situação no que tange a relação parental se agravou .A psicanalise tem a ótica sobre Eva: uma mãe que tenta repetidamente reparar os erros de seu filho se afogando em culpa e continua no circulo de repetição buscando resultados diferentes perante as manifestações de crueldade de seu filho Kevin. Kevin se torna um jovem desprovido de consciência, arrependimento ou empatia. Kevin, não demonstra nenhuma empatia por sua mãe , por seus colegas de escola e por criaturas vivas.

Leia Também:  15 pensamentos budistas que mudarão sua vida

O pai de Kevin, concordava com tudo que Kevin fazia e o incentivava a praticar o esporte arco e flecha. Aqui segundo a ótica da psicanalise ; é um exemplo de ambivalência anal . A ambivalência anal se manifesta quando a criança ao mesmo tempo em que exige amor e atenção da mãe , a agride e quer controla-la. Em uma ocasião extrema quando Kevin ainda criança demonstra transtorno de conduta como mentir e não tolerar frustações ; maltratar colegas , irmãos e animais e quando foi pego no ato não demonstrou nenhum remorso ; Kevin não denuncia a mãe para o pai, mas passa a chantageá-la.

A agressividade de Kevin

A agressividade e atitude destrutiva de Kevin aparecem apenas com a mãe e não com o pai, que, por esse motivo, não consegue acompanhar as preocupações de Eva. Kevin não trata sua irmã mais nova com afeto , pelo contrário lhe causa dois acidentes graves: causa-lhe cegueira em um dos olhos e tritura o animal de estimação da irmãzinha na pia. Seu comportamento só piora e agora chega ao estágio de planejar a morte de seu pai , irmã , colegas e funcionários da sua escola .

Observamos que Kevin faz usa do arco e flecha em suas matanças , esta particularidade vem , segundo a psicanalise; da aproximação da mãe que lia histórias sobre Robin Hood e suas aventuras com arco e flecha. Nesse momento de um potencial relacionamento amoroso com sua mãe , desencadeia um sentimento contrario de destruição.

Com apenas quinze anos de idade, Kevin mata onze pessoas , o que se segue é a prisão de Kevin e a amargura da mãe perante a perversidade de seu filho. ;

    NÓS RETORNAMOS PARA VOCÊ



    Quero informações para me inscrever na Formação EAD em Psicanálise.

    13 Reasons Why em: filmes sobre psicanálise na Netflix

    Na série é muito importante quanto às informações que os jovens despejam uns nos outros e a aniquilação invisível que os rótulos promovem. Em cada episodio temos contato e informações sobre o comportamento da juventude contemporânea inclusive o que leva tantos jovens a se suicidarem . Nessa série observamos comportamentos agressivos, racistas, violentos, homofóbicos; uso de esteroides, drogas e alcoolismo; podemos quase que vivenciar através do personagem a questão do aborto na adolescência, agressão sexual , bullyng , estupros ; abuso do poder da policia dentre outras questões sociais.

    A série abalou muitos espectadores e a opinião publica que hoje ao se assistir a série existe um cartão de aviso e um site de apoio aos jovens que possam precisar de ajuda ; no site de ajuda é divulgado número de adolescentes afetados pela depressão , ansiedade e outros problemas de saúde mental e/ou transtornos inconscientes. Pará quem não assistiu a série posso resumir de modo simples que se trata do suicídio de uma jovem e as treze razões que a levou a desistir da sua vida.

    Cada pessoa que a afetou recebe as fitas com o relato dos treze motivos e a orientação de passar o conteúdo para o próximo . Cada fita se dirige claramente ao jovem que lhe causou motivos para se suicidar. Na orientação também existe o aviso de que não se pode quebrar o envio do conteúdo pois outro conjunto de fitas.

    O mistério das mortes de Burari

    Esta serie documental aborda os limites da religião sobre a vida de uma pessoa. A tragédia ocorreu na Índia em 2018 e retrata a morte de onze pessoas de uma mesma família . Todos os onze membros da família Chundawat foram encontrados sem vida ; todos foram enforcados e somente o membro mais velho, a avó, foi estrangulada. A família era formada por quatro gerações e viviam juntos sob o mesmo teto. Ao se debruçar sobre a historia do patriarca que havia falecido há onze anos foi então descoberto que a família , que era fervorosamente religiosa , criou um ritual para trazer de volta dos mortos o patriarca ( todos eram filhos e netos do patriarca ).

    O ritual não aconteceu conforme os planos e sim uma tragédia . A primeira intenção da policia foi encerrar a investigação e considerar o fato um suicídio em massa. Porem a população quer mais respostas, precisam expressar os momentos mais sombrios da humanidade e trazer para a investigação informações relevantes acerca do patriarca daquela família. Durante a investigação foi descoberto um caderno onde uma das noras do patriarca registrou por onze anos ; onze manuais com todas as instruções para a família.

    No dia da tragédia havia um registro de como todos deveriam proceder, o manual instruía á família da seguinte forma: uma hora da manhã daquele dia, as roupas molhadas de toda família deveria ser enfiadas na boca de cada um, suas orelhas deveriam ser fechadas com cotonete , olhos vendados com fita e as mãos amarradas atrás do corpo. Os corpos deveriam ficar pendurados em uma tela de ferro previamente instalada no teto da casa. Tudo deveria parecer normal , uma jovem dentre os onze da família, se casaria na próxima semana e festejou seu noivado , a mesma era culta e terminaria a faculdade naquele ano.

    O fanatismo religioso

    As mensagens do patriarca falecido eram recebidas por seu filho Lalite que ocupou seu lugar de patriarca após sua morte. Todos confiavam que Lalite foi o escolhido para assumir o lugar do patriarca ;recebia instruções do falecido . Porém Lalite teve uma vida com eventos traumáticos: ficou sem audição após um acidente e voltou a ouvir dez anos depois atribuindo ao seu pai o “milagre” e seu mensageiro. Lalite passa a escutar as ordens do pai falecido e transmite suas ordens . Outro comportamento que denota transtorno foi a mudança dos hábitos quanto aos alimentos da família; os hindus são vegetarianos e a família começou a se alimentar com carne e outros alimentos proibidos pela religião.

    Foi dito pelo patriarca do além , no dia da tragédia, que quando a cor da água de uma bacia mudasse de cor , o patriarca os salvaria da morte. Observando a ocorrência segundo a psicanálise podemos mencionar que aqui se encontra o fanatismo religioso, que se manifesta por uma crença e um comportamento que não admite desaprovação ou censura. Apesar de não ser uma doença ou um transtorno mental é uma disfunção de comportamento. Porém, se não houver intervenção poderá evoluir para um distúrbio psiquiátrico.

    Observamos que o fanatismo é um assunto complexo em várias partes do mundo que tem em comum a intolerância, a inflexibilidade e atos violentos; pois alguns fanáticos não controlam seus impulsos e excessos. Há ainda um prejuízo para o funcionamento interpessoal pois uma pessoa em fanatismo delirante não escuta a família , pessoas próximas ou qualquer pessoa que queira ajudar .

    O Fanático em delírio

    O Fanático em delírio afasta todas as pessoas contrarias à sua crença. Se avançarmos e olharmos para a sociedade, podemos considerar o fanatismo ( religioso ou politico ) perigoso. Isto porque o comportamento fanático extrapola o individuo e atinge todos a sua volta , de um jeito ou de outro se tornam grupos determinados a combater o outro lado que pensa diferente; o que nos leva a genocídios por exemplo.

    Leia Também:  Linguagem Silenciosa: o que é, como falar e escutar

    E se formos mais além na analise do fanatismo podemos dizer que dois ou três comportamentos acompanhados do fanatismo podem ser fatais : a intensidade da crença e a intolerância da crença,por exemplo. Não é raro observarmos a incoerência quando um pensamento qualquer gera uma reação contraria as normas culturais do local e como consequência surge a radicalização , os crimes de ódio e o terrorismo

    Millennium: os homens que não amavam as mulheres

    Nos filmes sobre psicanálise na Netflix, a trilogia nos reporta à violência sexual, ao estupro, a falta de credibilidade frente às denuncias ;a usurpação do poder dentre outros temas polêmicos. A protagonista se chama Lisbeth Salander que concorda em se mudar para um chalé e trabalhar como hacker , para um sueco Henrik Vanger, em uma investigação especial de interesse dele. O contratante possui um caderno indecifrável que poderia localizar um parente desaparecido há anos. Outro personagem da trilogia é o estuprador; Nils Bjurman . Salander, tutor jurídico de Lisbeth por ter sido diagnosticada pelo estado ,como incompetente mental.

    Nils Bjurman; sempre abusava de sua autoridade bem como abusava sexualmente de Lisbeth. Em um de seus ataques a hacker grava o crime e reconquista o controle de sua vida .Durante a investigação , Lisbeth descobre uma conexão com uma série de assassinatos de jovens judias e coloca o seu contratante , o sueco Vanger num cenário de crime racial e antissemita. A obra propõe a todas as mulheres contemporâneas a se inventar num feminismo atual e sempre conceber uma saída, a partir da psicanálise, para retirar-se da condição de vítima numa sociedade prioritariamente desigual e machista.

    O autor demonstra através da personagem Lisbeth que a mulher independe de como se veste ou o que usa para ser respeitada : Lisbeth é uma hacker extraordinária, seu corpo é todo preenchido por piercings e tatoos e sua maneira de agir incomum , se aproxima ao conceito da sociedade do que é um marginal . Há nessa obra casos de psicopatia, sociopatia, em especial, Lisbeth demonstra traumas da infância , recalques e acúmulos de conflitos até sua vida adulta. Como mecanismo de defesa Lisbeth se isola e é violenta.

    Filmes sobre psicanálise na Netflix: MAID

    Mãe jovem e vítima de um relacionamento abusivo. Alex (Margaret Qualley), personagem principal da série Maid, é baseada em uma história real, que mostra todo sofrimento , angustia humilhação, abandono e trauma pelos quais uma mãe passa ao sair de uma relação marcada pela violência psicológica. Quem assistiu Maid, sabe que não se trata de ficção muito embora a obra se intitule ficção. Há cenas vivenciadas por Alex se aproximam da realidade de milhares de mulheres por todo o mundo.

    Nos filmes sobre psicanálise na Netflix, a obra impactou a opinião publica de tal modo que foi sancionada uma lei que transforma em crime, qualquer violência , inclusive a psicologia contra a mulher. A agressão psicológica é tão letal e danosa como a violência física, porem , admitir e reconhecer esse tipo de agressão, quando se é uma mulher nessa condição ainda é um desafio para as mulheres em geral. Há uma explicação para isso; as pessoas que convivem com a vitima e que deveriam apoiar, dar suporte , se omitem.

    A mulher vitima de violência precisa provar … Como provar que você é vítima de violência psicológica? A violência psicológica, não deixa marcas físicas e a vitima tem dificuldade de compreender que está num relacionamento abusivo. sofrendo A Lei Maria da Penha que completa que existe há 15 anos: sofreu alterações com o objetivo de combater essa violência contra a mulher. Existem casos de violência psicológica que acabam por causar doenças físicas como as autoimunes, alergias, obesidade, anorexia.

    Filmes sobre psicanálise na Netflix e a agressão psicológica

    A agressão psicológica desqualifica a mulher; coloca em dúvida sua sanidade , inferiosa sua autoestima de tal modo que a faça desenvolver uma crença: a crença que ela não pode fazer escolhas. Nesse estágio a mulher desenvolve a dependência emocional pelo seu torturador. Quando se conversa com mulheres vitimas , algumas classificam as violências que sofrem como “ suportáveis” , pelo simples fato do descredito dos próprios amigos e familiares. Por exemplo, num trecho da obra Mais, Alex depois de sair de casa no meio da madrugada, busca um serviço social atrás de algum benefício que garanta a ela e a pequena Mais um teto e alimentação; ao contar para assistente social que fugiu por medo do companheiro a funcionária que deveria acolher a jovem mãe, exige que a mesma faça um boletim de ocorrência. Alex se nega dizendo que não sofreu agressão física.

    E aqui fica bem nítido como se comporta uma vitimam de violência psicológica, muitas sentem vergonha, muitas dizem que nunca apanhou . Outro momento da obra dentro dos filmes sobre psicanálise na Netflix é como o agressor exerce controle sobre a vítima através das questões financeiras por exemplo através da violência patrimonial. Vemos um abuso que leva a outro e outro sucessivamente. Ocorrem nessa violência a subtração de bens, como carro, ou outros meios que a mulher tem para sobreviver. Na obra, a psicanálise explica o comportamento do de Alex, pois teve um memoria da infância onde se escondia para não ver o seu pai agredir sua mãe. A criança Alex , como criança pensa que se viu sua mãe sofrendo humilhações causadas pelo seu pai , entende que aquilo é permitido, que é natural.

    Por outro lado, as mães não conseguem romper o ciclo , ver e apoiar. E o pai não ajuda porque era ele o abusador. Então fica a pergunta : como podemos neutralizar essa violência? Não podemos perder de vista a violência de gênero contra a mulher, afinal a sociedade ainda é muito machista e vê o homem como o forte, superior e ao sexo feminino se atribui fraqueza, submissão e fragilidade. Muitas crianças crescem entendendo que é normal homem gritar, ficar irritado, dar soco na parede, quebrar coisas etc. Então para neutralizar , além da denuncia se faz necessário uma rede de apoio, rede essa formada por pessoas próximas e de confiança. E não se pode deixar de lado a psicanálise para que essa mulher “ quebrada “ em “ pedacinhos” precisam se fortalecer para sustentar um embate junto ao sistema judiciário.

    Filmes sobre psicanálise na Netflix: a garota Dinamarqueza

    A obra é abundante de temas segundo a teoria de Freud, ela demonstra pelo seu comportamento, os conflitos acumulados , traumas, consciente e inconsciente de um indivíduo transgênero , numa época que pouco ou quase nada se sabia sobre o assunto. Einar , o personagem da Garota Dinamarquesa é biologicamente do sexo masculino , limitado e preso em si mesmo . Einar , demonstra de acordo com a teoria de Freud que não se identifica a sua natureza biológica (sexo masculino) , isto é , não se identifica com seu órgão genital ( porém se casa com uma linda jovem ) . O transgênico acumula angustias e dores daqueles que não se sentem pertencente ao meio social, ao ambiente e as normas existentes com as quais convive.

    Segundo a psicanalise, Einar , A Garota Dinamarquesa , na infância se identificou com sua mãe por vezes sucessivas desencadeando o mecanismo de defesa de um modo geral e a fantasia num nível inconsciente. Durante a obra, Einar, casado cede a insistência de sua esposa a usar seus vestidos, meias, joias , batom e saltos do universo feminino .Nessa etapa Einar compreende que é mulher liberara toda sua feminilidade . Como se entende que isso causaria um impacto interno ele reprime seus impulsos, conceitos e ideais, A Obra ensina como a sociedade trava um embate com o individuo fora das normas regidas por ela , bem como todos os danos causados ao transgênico , danos estes bem conhecidos pela psicanalise ( o conflito interno entre o ID e SUPEREGO com mediação direta do Ego .

    Leia Também:  Caio Prado Júnior: biografia, livros e ideias

    Segundo Freud Einars enfrenta uma realidade e o pensamento se separa da mesma se liberando por meio da subordinação ao principio do prazer. Lentamente a realidade vence as resistências e penetra no nível consciente do individuo . Nesse momento todo conteúdo antes reprimido e internalizado através do consciente estabelecem contato com o mundo externo e deixa lutar com as pulsões femininas que tanto lutava contra. Provavelmente no que tange ao complexo de Édipo, Einar na sua primeira infância adotara a mãe e seu corpo enquanto objetos de identificação proeminente, ao chegar à fase fálica adotou o pai ou a figura substitutiva deste. Adotou então a mãe como objeto de adoração e amor .

    A bissexualidade

    É aqui que se explica a bissexualidade; uma vez que Einar mantinha relações sexuais com a esposa, cujo personagem se chamava Gerda . Também podemos presumir que a mãe foi objeto de adoração do pai e assim, sendo igual ela, seria possível obter o objeto paterno. Na aclamada obra , A GAROTA DINAMARQUEZA os mecanismo de defesa observados foram: negação, repressão, projeção, divisão dentre outros. Nessa história , o órgão sexual feminino assume desenvolvimento psíquico pois o relacionamento com o objeto de adoração ( a mãe) assume importante papel no desenvolvimento psíquico; deve-se voltar a atenção para as relações do individuo na primeira infância e aos primeiros instantes da existência de vida do transgênico.

    O transgênico da Obra , Einar é bissexual ; são duas particularidades que não são obrigatoriamente coincidentes . No filme, Einar se relaciona com homens e mantem relações com sua esposa, sem sofre por isso. A explicação é bem simples pois apesar da identidade de gênero outro é o objeto alvo elegido pela pulsão sexual ( na obra sua esposa ). E conforme o filme avança e com ele os sentimentos de Einar, finalmente numa cena onde ele se despe e percebe sua genitália , Einar a esconde e a rejeita por se aflorar sua verdadeira identidade que recebeu nome de Lili. (Rejeitar a Genitália , segundo Freud, significa uma negação ou seja se distanciar do seu gênero de origem até sua ruptura ).

    Assim, aos poucos Lili que estava isolada no inconsciente , estabelece contato com o mundo externo que a cerca , é levada ao consciente , junto com sua feminilidade total e todas as pulsões associadas a ela. O que a psicanalise contemporânea espera mediante tanta informação disponível é que a humanidade e a ciência se aprofundem sobre o tema com o objetivo de permitir a todo individuo a liberdade de existir por inteiro .

    A menina que nasceu esquizofrênica

    Esse especial examina o mundo de crianças que sofrem de esquizofrenia, por meio de January Schofield, que com apenas sete anos já teve a doença diagnosticada. Apesar de seu elevado QI e de seu modo suave de falar, Jani (como é conhecida por todos), luta contra alucinações extremamente vivas, ilusões e ataques de raiva incontroláveis. O documentário traz um olhar aprofundado sobre o dia-a-dia da família Schofield enquanto enfrentam o desafio de criar uma filha esquizofrênica. Essa doença causa a desorganização dos processos mentais apresentando sintomas na área do pensamento, percepção e emoções.

    Normalmente a patologia é diagnosticada a partir do final da adolescência até antes dos 40 anos. O documentário traz um olhar aprofundado sobre o dia-a-dia da família Schofield enquanto enfrentam o desafio de criar uma filha esquizofrênica. Essa doença causa a desorganização dos processos mentais apresentando sintomas na área do pensamento, percepção e emoções. Jani Schofield: um caso surpreendente de esquizofrenia infantil. Jani Schofield nasceu na Califórnia, e seu caso foi ao redor do mundo por ser a garota mais jovem diagnosticada com esquizofrenia infantil grave.

    Na tenra idade de seis anos, ele já parecia ter alucinações nas quais viu mais de 200 criaturas diferentes. Ele até criou seu próprio mundo, um espaço misterioso que ele chamou de “Calanini”. A esquizofrenia infantil é uma questão complexa, sobre a qual existem inúmeras incógnitas. É especialmente controverso porque é confundido com outros distúrbios, como autismo ou transtorno bipolar. A esquizofrenia infantil é caracterizada por apresentar os mesmos sintomas da esquizofrenia em adultos. Por exemplo, eles sofrem alucinações (ouvir vozes, conversar com pessoas que não existem ou ver pessoas ou objetos irreais, ou idéias conspiratórias).

    Ainda sobre filmes sobre psicanálise na Netflix: A menina que nasceu esquizofrênica

    Eles também experimentam desordens e ilusões de pensamento (crenças irracionais ou falsas que mantêm firmemente, pois acreditam que podem se comunicar com o futuro). Por outro lado, há alterações na atenção e concentração, além de distúrbios afetivos (depressão ou mania). Essas crianças estão desconectadas da realidade, vivendo em um mundo “construído” por elas mesmas. Isso afeta o seu dia a dia e as pessoas ao seu redor, especialmente se elas começarem a magoar os outros e a si mesmas.

    O cuidado e o tratamento dessas crianças são um grande desafio para suas famílias e profissionais dentro desses filmes sobre psicanálise na Netflix, pois é difícil encontrar a intervenção correta. Um ano depois, os professores ficaram alarmados com o modo de ser da menininha. Ele gostava de brincar sozinho, longe das outras crianças. Além disso, ela começou a conduzir comportamentos autodestrutivos, ou seja, se machucou e tentou se estrangular. Paralelamente, Michael e Susan decidiram ter outro filho, a quem chamaram Bodhi. Jani parecia não suportar essa mudança.

    Toda vez que ela era mais violenta e tentava machucar seu irmãozinho. Ela disse aos pais que realmente não queria se comportar assim com a pequena, mas que não podia evitar. É difícil encontrar um bom tratamento para a esquizofrenia. Os profissionais concentram seus esforços na melhoria da qualidade de vida do paciente e de sua família através de diferentes terapias. Geralmente, são necessários medicamentos, mas estes não são muito eficazes em crianças.

    Conclusão

    O caso de Jani foi amplamente divulgado devido ao ativismo de seus pais, que buscaram a visibilidade de sua doença. Em 2008, eles criaram um grupo de apoio on-line para famílias de crianças afetadas por esquizofrenia e outras doenças mentais (autismo, transtorno bipolar, psicose). Esse grupo ajudou a conectar todas essas pessoas, organizando reuniões para se conhecer. As famílias podem trocar opiniões e experiências, o que é muito benéfico para elas; uma vez que os faz sentirem-se menos sozinhos na luta contra essas doenças complicadas.

    Bibliografia

    Maria Odete Duque Bertasi -Violência Doméstica (2021)-Ref: LIV-IMP-VDOM-21; 3096 dias, Natasha Kampusch (Autor), Ana Resende (Tradutor)-3096 dias; http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-34372015000100011;Psicanálise.Transgênero.Gênero.http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-31062017000200015;PsicoFAE, Curitiba, v. 4, n. 1, p. 11-18, 2015;http://www.difranmelo.com/2020/12/notas-psicanaliticas-sobre-garota.html;https://ca-freitasm.medium.com/o-quarto-de-jack-e-a-vis%C3%A3o-fenomenol%C3%B3gica-sobre-o-sujeito f6178e9a881c; Livro: As horas que separam duas mortes: da melancolia ao impulso suicidaAutora: Elisa de Santa Cecília Massa,Editora CRV; https://www.ufmg.br/boletim/bol1945/8.shtml; http://seer.unirio.br/revistam/article/view/8976;https://www.uol.com.br/vivabem/noticias/redacao/2021/03/12/fanatismo-nao-e-uma-doenca-mas-pode-comprometer-a-saudemental.htm;linkdofilmeprecisamosfalarsobrekevin: https://www.youtube.com/watch?v=-Vgddooqk4I

    O presente artigo foi escrito por Gladis Matteo([email protected]), nascida em Campinas década de 60. Se dedicou a arte de instrumento musical , teatro e dança . Cursou Engenharia e se dedicou ao ensino técnico por 12 anos. Autodidata desde 1985 , no estudo da mente, religiões, crenças, psicologia . Atualmente aluna do curso de psicanalise clinica .

    One thought on “10 filmes sobre Psicanálise na Netflix

    1. Maid não é uma obra de ficção. Além de ser a história de várias mulheres pelo mundo, foi baseada em um livro que relata a história real da protagonista.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.