o que é procrastinar

O que é Procrastinação: definição, exemplos e como lidar

Posted on Posted in Comportamentos e Relacionamentos

Ao entender o que é procrastinação você verá que é mais comum do que imaginamos, um comportamento que embora pareça natural em certos momentos, ele precisa ser diminuído. Caso contrário, poderá desencadear em diversos prejuízos, até mesmo em transtornos mentais, por se tornar um procrastinador crônico.

Nesse sentido, se você quer entender o que é procrastinação e como lidar com ela, traremos neste artigo o conceito do termo, exemplos práticos e dicas de como você pode lidar em sua rotina. Com certeza isso mudará sua percepção em diversos aspectos de sua vida diária, tornando-se mais motivado e produtivo.

O que significa procrastinar?

A palavra procrastina significa, no dicionário, o ato de deixar algo para outro dia ou para depois. Adiar, delongar, postergar. Na etimologia da palavra, vem do latim procrastinare ou procrastinatus, que significa adiar, protelar e, em tradução literal, significa “à frente de amanhã”. Dentre os sinônimos da palavra, estão: protelar, atrasar, demorar, prolongar, delongar, retardar.

Em suma, procrastinar significa o ato de postergar ou atrasar algo, uma atividade ou compromisso. Para tanto, a pessoa acaba escolhendo se dedicar a outras tarefas, sobremaneira menos importantes, mas que possam lhe trazer maior satisfações naquele momento.

Defina procrastinação

Em síntese, procrastinação é o ato de adiamento de suas tarefa, no sentido de negligenciar ações que importantes que precisam ser feitas, mas que, frequentemente, são postergadas. Como bem descrito pelo Psicólogo Tim Pychyl, da Universidade Carleton:

Você sabe o que deve fazer e não é capaz de fazer. É uma lacuna entre intenção e ação.

Desde já, não se sinta culpado por ter procrastinado uma vez ou outra, isso é extremamente natural no comportamento humano. O problema está quando isso torna-se uma rotina, passando a atrapalhar diversos aspectos da vida, tanto pessoal quanto profissional.

O que é procrastinação esquema

Causas da procrastinação

Ao contrário do que muito se diz, procrastinação, na maioria das vezes, não está relacionada com sentimentos de preguiça. Tendo em vista que pode ter relação com problemas de ordem psicológica ou fisiológica. Nesse sentido, dentre as causas da procrastinação, podemos destacar:

  • transtornos mentais, como depressão e transtorno de ansiedade;
  • problemas relacionados à baixa autoestima;
  • distúrbios físicos cerebrais, por exemplo, causados por uma lesão cerebral que o leva a diminuição de sua determinação, foco e concentração.

Saiba que o assunto procrastinação não passou a ser destaque somente na era moderna, pois já era realidade nas civilizações mais antigas. Como, por exemplo, em um dos escritos de Hesíodo, cerca de 800 a.C.: “Deixar seu trabalho até amanhã e no dia seguinte.”

No geral, nosso cérebro sempre busca recompensas mais rápidas, por isso, tende a ser relutante acerca de tarefas que somente trarão uma recompensa futura. Assim, busca satisfação em tarefas com recompensa rápidas, deixando as de maior complexidade e mais importantes, sempre para depois. Principalmente quando esta atividade for morosa e entediante.

Portanto, procrastinação é o ato de postergar ou retardar a execução de tarefas, normalmente aquelas que são mais importantes e necessitam de maior atenção a curto prazo.

Consequências da procrastinação

A prática constante da procrastinação afetará diversos fatores na vida do indivíduo. Levando, assim, a riscos como acúmulo de tarefas, criando um círculo vicioso de adiamento de atividades e grande desorganização.

Assim, para saber o que é procrastinação, importante analisar as suas consequências, pois não se trata somente de um comportamento comum. Pois, com o tempo, ela torna a vida disfuncional, prejudicando carreira, relacionamentos e o emocional.

Nesses aspectos, por exemplo, o procrastinador não consegue mais organizar sua agenda, ficando sem tempo até mesmo para amigos e familiares. Além disso, em sua relação profissional, acaba por denegrir sua imagem, pois é visto como alguém que não cumpre com seus prazos e acaba prejudicando toda equipe de trabalho.

Em conclusão, podemos enfatizar que a procrastinação tem relação direta com a saúde mental, pois muitas vezes o procrastinador atrasa tarefas para obter bem-estar, mas não consegue experimentá-lo por muito tempo. Quando as demandas não são atendidas, o indivíduo se sente incapaz de lidar com a situação, gerando sentimentos de insatisfação, frustração, insegurança e ansiedade.

QUERO INFORMAÇÕES PARA ME INSCREVER NA FORMAÇÃO EM PSICANÁLISE

    NÓS RETORNAMOS PARA VOCÊ




    Tipos de procrastinação

    Isso mesmo, existem vários tipos de procrastinadores, com sentimentos e consequências diferentes. Nesse sentido, conforme pesquisas realizadas, separamos quais são os principais tipos de procrastinadores para lhe ajudar a entender o que é procrastinação:

    Procrastinador Perfeccionista

    São aquelas pessoas minuciosas, que passam muito tempo nos detalhes de sua tarefa, sobremaneira pelo medo do julgamento dos outros. Assim, seus projetos acabam demorando mais tempo do que o esperado e acabam sendo finalizados sempre de última hora ou com atraso. E o pior, ao invés de finalizarem sem erros, acabam ficando mais suscetíveis a ele, justamente por essa insegurança.

    Procrastinador ocupado / sobrecarregado

    Neste caso é o procrastinador que possui inúmeras tarefas em seu cotidiano, de forma que não consegue se organizar. E, até mesmo, tem um bloqueio mental que o impede até de iniciar suas atividades.

    Ou seja, no caso do procrastinador ocupado, há uma sobrecarga de tarefas, que pode ser oriunda da própria pessoa ou advinda de alguém com autoridade sobre ela, como um líder. Seja de quem for, esse excesso é extremamente prejudicial, pois impede o progresso.

    Estes procrastinadores são os mais rigorosos com eles mesmos. Dessa forma, eles têm dificuldades em classificar suas tarefas e procrastinam a tomada de qualquer decisão. Tendo em vista que não conseguem definir qual a tarefa que melhor atende aos seus interesses ou porque se recusam a executar tarefas que julgam de menor valor.

    Procrastinador feliz

    Conforme o psicólogo e autor de livros, Neil Fiore, este é aquele procrastinador que vive no limite, que prefere sempre trabalhar sob pressão, entendendo que esta é a melhor maneira para desempenhar suas funções.

    Quando os resultados são satisfatórios, é comum que as pessoas repitam a postura de deixar as tarefas para serem feitas de última hora. Isso lhes permite aproveitar a descarga de adrenalina produzida pela ansiedade no momento do pico, o que, por vezes, pode ser um fator decisivo para o sucesso. Contudo, nem sempre o resultado é o esperado com esta estratégia.

    Dicas para parar de procrastinar

    O que é procrastinação Dicas

    Se você está lutando para parar de procrastinar, você não está sozinho. A procrastinação é um hábito muito comum e pode ser difícil de desencorajar. No entanto, há algumas coisas que você pode fazer para ajudar a se manter no caminho certo.

    Agora, iremos compartilhar algumas dicas úteis que podem ajudar você a parar de procrastinar. Estas dicas irão ajudá-lo a criar uma rotina eficaz, a desenvolver hábitos saudáveis e a motivar-se para alcançar seus objetivos:

    • identifique a causa da procrastinação: Pode ser que você esteja procrastinando porque não sabe como começar a tarefa, acha que não é capaz de completar a tarefa ou simplesmente está cansado. Identificando a causa, você pode começar a trabalhar para superar seus desafios;
    • estabeleça metas realistas: escolha metas que sejam realistas e possam ser alcançadas. Tente estabelecer uma meta pequena para começar, como terminar uma tarefa em um tempo específico.
    • elimine as distrações: não deixe que as distrações o desviem do seu objetivo. Desligue o celular ou desative as notificações de redes sociais enquanto trabalha;
    • comprometa-se: se comprometa com o seu objetivo e se mantenha focado nele. Comprometa-se com prazos, recompensas e punições para atingir seus objetivos;
    • planeje: planejar é uma forma eficaz de diminuir a procrastinação. Crie um plano para organizar as tarefas e priorizar as mais importantes;
    • peça ajuda: se você estiver procrastinando devido ao medo de fracassar, peça ajuda a alguém que possa te ajudar a superar seus medos.

    Portanto, o que é procrastinação tem relação com comportamento que pode afetar negativamente o desempenho acadêmico, profissional e pessoal. Assim, é importante entender os motivos por trás da procrastinação para que possa lidar com ela de maneira eficaz. Existem diversas formas de lidar com a procrastinação, desde autoajuda e psicoterapia até a adoção de ferramentas de organização e gestão do tempo.

    Aprenda mais sobre o comportamento humano

    Ao abordar a procrastinação com conhecimento, persistência e ferramentas apropriadas, é possível superar o hábito e alcançar o sucesso. Diante disso, por oportuno, convidamos você a conhecer nosso Curso de Formação em Psicanálise, 100% EAD. Onde você entenderá mais como funciona a mente e o comportamento humano, sob a visão da psicanálise. Assim, você aprimorará seu autoconhecimento e melhorará suas relações interpessoais.

    Por fim, se você gostou do nosso artigo sobre o que é procrastinação, curta e compartilhe em suas redes sociais. Dessa forma, nos incentivará a permanecer pesquisando e criando conteúdos de qualidade para todos os nossos leitores.

    3 thoughts on “O que é Procrastinação: definição, exemplos e como lidar

    1. Maria+Teresinha+Gaspar+Lopes disse:

      Protelar decisões e ações, alem de atrasarem a propria vida, a colocam em risco, quando de tratam de problemas de Saúde.

    2. Saudações equipe. Excelente artigo sobre procrastinação. Continuem trabalhando em outros artigos tão relevantes quanto este.

      1. Psicanálise Clínica disse:

        Obrigado pela mensagem, Marco!

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *