fases do sono

Sono REM e as fases do sono

Posted on Posted in Conceitos e Significados

O sono é vital para nossa saúde, tanto física quanto mental e ele é formado por ciclos, classificadas como Sono REM e não REM. Desse modo, dormir bem é fundamental para se ter uma vida saudável, influenciando em todo sistema corporal.

Nesse sentido, o corpo humano possui de quatro fases no ciclo de sono, sendo cada uma delas diferenças, acerca de suas funções no corpo e duração. Estas fases do sono são descritas pela sigla REM, do inglês Rapid Eue Movement, que significa, literalmente, “Movimento Rápido dos Olhos”. Dentre as fases, a última é chamada de sono REM e as outras três de sono não REM.

Portanto, todos devem ter horas de sono o suficiente, para que o ciclo do sono esteja equilibrado e, em resultado, contribuem para manter uma boa saúde. Ou seja, os estágios do sono possuem papel importante no desenvolvimento cognitivo, bem como para saúde física e mental.

Fases do ciclo do sono

De antemão, cada fase do ciclo do sono tem sua função para revigorar seu corpo e sua mente. Nesse sentido, traremos neste artigo as informações das fases, principalmente acerca da fase do sono REM.

Fase 1 (sono não REM):

Esta é a fase mais leve do sono, chamada de latência do sono, caracterizada pelo tempo para que a transição da vigília para o sono aconteça. É o que chamamos de cochilo, ou sono leve, quando você tem mais facilidade de acordar, pois o corpo e a mente ainda não reconheceram que o sono se iniciou.

Assim, essa primeira fase de sono dura pouco tempo, cerca de 10 minutos. É o momento em que os batimentos cardíacos e seus músculos começam a relaxar, com eventuais espasmos e, ainda, seus olhos começam a ficar mais lentos.

Fase 2 (sono não REM):

Neste ponto o sono ainda continua leve, mas o corpo encontra-se mais relaxado, porém, a mente ainda está agitada, e, por isso, ainda pode facilmente acordar. Basicamente, esta fase é a intermediária, antes do sono profundo.

Com duração de 10 a 25 minutos, nesta fase os batimentos cardíacos e a respiração já estão mais lentos. Bem como, os músculos estão relaxados, a temperatura corporal diminui e o movimento dos olhos se encerra. As fases 1 e 2 correspondem a até 50% do sono total.

Depois do estágio 1 do sono não REM, vem o estágio 2 do sono não REM, que é uma fase intermediária antes de um sono mais profundo. Isto é, o batimento cardíaco e a respiração diminuem, e os músculos relaxam mais. Dessa maneira, a temperatura corporal cai, e o movimento dos olhos se encerra.

Fase 3 (sono não REM):

É a transição entre o sono leve e o profundo, quando a pessoa está com o corpo mais relaxado e os estímulos externos não mais fazem com que acorde facilmente. A qualidade desta fase do sono fará a diferença na disposição do corpo ao acordar.

Na fase 3 a mente se desligou e, diante disso, não acontecem os sonhos. Este é o momento em que o corpo está trabalhando na recuperação dos danos sofridos no dia.

Nesta fase a mente está desligada e, por isso, também não existem sonhos. No entanto, esta fase é muito importante para a reparação corporal, pois o corpo vai tentando recuperar de pequenas lesões que foram surgindo durante o dia.

Fase 4 (sono REM):

O sono REM é a fase mais difícil de se chegar durante o sono, é o estágio mais profundo, quando o corpo realmente relaxa e descansa. Esta fase difere das demais, pois há paralisação temporária dos músculos, porém se aumenta as funções cerebrais, quando então acontecem os sonhos.

Nesta fase o batimento cardíaco aumenta, pois o cérebro bloqueia os neurônios responsáveis pelas funções motoras para que, assim, o corpo não reproduza o que acontece nos sonhos.

Além disso, acontece atividade intensa dos músculos respiratórios e, ainda, movimentação intensa dos olhos. Como o próprio nome já diz, sono REM é a sigla de “Rapid Eye Movement”, que significa “Movimento Rápido dos Olhos“. Em suma, as características principais do sono REM são:

  • movimentos rápidos dos olhos;
  • sonhos mais vívidos;
  • batimentos cardíacos acelerados;
  • respiração intensa;
  • aumento das atividades cerebrais.

Qual importância do sono REM?

Antecipadamente, o sono REM é de extrema importância para que corpo e mente descansem e ocorra o equilíbrio de todo organismo. Assim, ajudará na prevenção de doenças cardíacas, mentais e psicológicas. Como, por exemplo, transtorno de ansiedade e depressão.

Leia Também:  Uma Garota de Muita Sorte (2022): resumo e análise do filme

Vale ressaltar que o corpo e a mente necessitam do sono para recuperar as energias das pessoas. Ainda mais, serve para organizar todos os pensamentos e informações que recebemos durante o dia. Dessa forma, o sono REM é fundamental para aumentar a qualidade de vida e ter disposição para realizar nossas atividades.

    NÓS RETORNAMOS PARA VOCÊ



    Quero informações para me inscrever na Formação EAD em Psicanálise.

    Sobretudo, quem possui problemas relacionados ao sono se sente indispostos, com estafa mental e frequentes dores de cabeça. Então, você deve garantir a qualidade de seus sonos, englobando todo ciclo do sono, para, assim, ter mais vitabilidade e bem-estar.

    Principais benefícios do sono REM

    Assim, diante da importância do sono REM, conheça os principais benefícios que o sono REM proporciona à saúde:

    • produz hormônios fundamentais do organismo;
    • ajuda nas funções cognitivas;
    • nele que são processadas as memórias;
    • consolida o conhecimento adquirido;
    • proporciona bem-estar.

    Portanto, a fase do sono REM é vital para que o corpo restaure sua energia e músculos, auxiliando na imunidade. Em resultado, a pessoa tem um corpo saudável e disposto para o próximo dia.

    Nesse sentido, fundamental que as fases do não sejam interrompidas. Pois, senão a pessoa sempre voltará a etapa inicial. Consequentemente, não terá os benefícios do sono profundo.

    Contudo, se você não consegue atingir todas as fases do ciclo do sono, é necessário que mude seus hábitos, para melhorar a qualidade de vida. Como, por exemplo, ter um bom lugar de descanso, temperatura corporal, alimentação saudável e prática de exercícios físicos.

    Agora nos conte se você gostou do artigo e quais são as suas dúvidas, teremos o maior prazer de conversar sobre o assunto. Ainda mais, curta e compartilhe com seus amigos em suas redes sociais, isso nos incentivará a continuar produzindo conteúdos de qualidade para nossos leitores.

    2 thoughts on “Sono REM e as fases do sono

    1. Interessante o artigo, porém, eu ainda não sei lidar com a minha hiperatividade cerebral. Meus sonhos me trazem sofrimento e luta constante. Acordo sempre cansado. Quero entender o por quê!
      Faço tratamento a mais de 15 anos de transtorno do sono causado pela depressão, agora sob controle, a medicação está suspensa, mas eu não consigo obter qualidade de vida compensatória. Mesmo comendo melhor, me exercitando e dormindo de 7 a 8 horas por dia.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.