vulnerabilidade significado

Vulnerabilidade: significado no dicionário e psicologia

Posted on Posted in Conceitos e Significados

Vulnerabilidade muitas vezes é associada fraqueza e fragilidade. Mas você tem a coragem de assumir ser uma pessoa vulnerável? Que está entregue a um relacionamento amoroso que talvez possa lhe decepcionar? Que vai mudar de emprego sem saber como será aceito em outro? Ser vulnerável é mesmo ser fraco?

Então, a vulnerabilidade está intimamente ligada à coragem, de estar sempre pronto para luta, enfrentar situações ameaçadoras e se superar diariamente. É não protelar seus problemas e ser forte para encará-los e encontrar uma solução, mesmo ao seu modo imperfeito de ser.

Portanto, vulnerabilidade sobrepõem-se ao que está descrito no dicionário. Ser vulnerável é a coragem de estar aberto sempre a novas experiências e ter aquela satisfação pessoal de dever cumprido.

Vulnerabilidade no dicionário

Não é por acaso que se entende ser a vulnerabilidade como algo negativo, pois no dicionário a palavra vulnerável é o adjetivo daquele que “tende a ser magoado, danificado ou derrotado; frágil; que pode ser ferido”.

Etimologicamente, vulnerabilidade vem do latim “vulneratio”, que é aquilo que pode ser ferido. Desse modo, está relacionado diretamente à ser suscetível a lesões físicas ou emocionais.

Para você, o que é ser vulnerável?

Antes de tudo, o mais difícil é assumir-se ser como vulnerável, não é mesmo? “O que vão pensar sobre mim se demonstrar minha fraqueza?” Ou, ainda, “Não posso trocar o certo pelo duvidoso”. E, quando menos percebemos, passamos a vida em um círculo vicioso, tentando tornar certo tudo que, na verdade, é incerto.

Isso tudo lhe parece familiar? Repense sobre tudo que já se privou pelo simples medo de estar vulnerável, de sentir vergonha de si mesmo. Em resultado, não consegue ter uma vida e plena e feliz, pelo simples medo de tentar.

Qual significado de vulnerabilidade emocional na psicologia?

Vulnerabilidade emocional, para psicologia, é um estado em que a pessoa se sente exposta em situações que lhe causam dor e sofrimento. Neste sentido, se sentem incapazes de superar, em sua maioria, pelo medo de ser rotulado como fraco.

Desta maneira, a pessoa que se identifica com o estado de estar e ser vulnerável, acaba se fechando em seu “mundinho”. Entrando, assim, em um processo doloroso de vitimização e reclusão, se desconectando da vida pelo receio de não se encaixar.

O que a vulnerabilidade emocional pode causar?

As primeiras consequências da vulnerabilidade são sensações de perigo, angústia e vergonha de ser você mesmo, alguém imperfeito. Não conseguindo, então, resiliência para lidar com situações cotidianas.

Em resultado, se vê infinitamente buscando o perfeito, a certeza de que algo irá acontecer. Porém, tudo se resume a pessoas e situações incertas e imperfeitas. E, então, verificará que, primeiro, a mudança deve partir do trabalho sobre seu autoconhecimento.

A lista de consequências sobre a vulnerabilidade emocional pode ser extensa. Porém, para você entender que não é uma simples fragilidade, veja alguns exemplos que ela pode causar:

  • solidão;
  • frustração;
  • ansiedade;
  • depressão;
  • negativismo;
  • tédio;
  • aprovação;
  • perfeccionismo;
  • estresse;
  • raiva;
  • preconceitos.

Transtorno de ansiedade e vulnerabilidade; causas e consequências

A falta de aceitação das adversidades da vida e do seu próprio eu interior, podem trazer consequências desastrosas a saúde emocional, como o transtorno de ansiedade. Que possui uma ligação direta com desvios atrelados a incapacidade de lidar com a vulnerabilidade.

Transtornos de ansiedade é considerado como uma enfermidade grave, a ansiedade é primordialmente percebida quando ultrapassa os níveis do aceitável. Ou seja, vai muito além daquele friozinho na barriga no encontro de namorados.

Resumidamente, este transtorno apresenta os primeiros sinais quando é perceptível que a pessoa sente uma angústia desmedida, sempre se antecipando que algo irá acontecer. E, na maioria das vezes, que será alguma coisa negativa.

Relação entre vulnerabilidade e coragem

Ser vulnerável, independentemente da circunstância, não deve ser visto como algo doloroso e desconfortável, mas sim como necessário para vida, símbolo de coragem. Afinal, nada está garantido e cabe a você a disposição de encarar de frente novas experiências, boas ou ruins.

Exemplos disso é a disposição de investir em um relacionamento amoroso, ainda que saiba da possibilidade de dar errado. Coragem de mudar de cidade, sem ter a certeza que irá se adaptar.

    NÓS RETORNAMOS PARA VOCÊ



    Quero informações para me inscrever na Formação EAD em Psicanálise.

    Tudo se resume a você parar de controlar e tentar prever cada situação, e, ao invés disso, deixar-se levar pelos acontecimentos e viver plenamente. Embora a vulnerabilidade possa ocasionar medo e frustrações, ela também é a causa da criatividade, da alegria e do amor, enfim, de todos os prazeres que a vida pode lhe proporcionar.

    Leia Também:  Efeito Manada em psicologia: o que é, como é usado?

    Exposição emocional e vulnerabilidade

    Se expor está emocionalmente atrelado a estar diante de fracassos, decepções, fraquezas e, o que é pode ser pior, críticas. Porém, não aceitar a vulnerabilidade e deixar o medo da exposição lhe dominar, irá lhe impedir de:

    • novas conquistas;
    • realizações pessoais;
    • sonhos;
    • amor.

    Não há um caminho certo a se trilhar, obstáculos existem para serem superados. Encarar desafios e estar em situações vulneráveis, é ter a coragem de ser imperfeito. Mas ao final saber que está lidando com sua própria verdade, em busca do que lhe faz feliz.

    Afinal, quem nunca sofreu por não ter iniciava em relações amorosas pelo simples medo de ser rejeitado? Ou se angustiou na espera da ligação do hospital quando está esperando por um disgnóstico? A diferença é saber lidar com estas vulnerabilidades, pois, afinal, vivemos em um mundo vulnerável.

    Portanto, chegou a hora de pararmos de tentar encobrir nossas vulnerabilidades e encará-las, sem mais jogar tudo para debaixo do tapete. Enquanto não aceitarmos quem somos, seres errantes e inseguros, será impossível ter plenitude e felicidade ao longo da vida.

    Então, descobrir que a vulnerabilidade dentre de você pode ocorrer, mas cabe a você ter a coragem para encontrar a coragem de ser imperfeito. Assim, entender a vulnerabilidade e encará-la, deve partir, primeiro, para o seu autoconhecimento.

    Porém, aprimorar o autoconhecimento pode não ser uma tarefa fácil, mas a experiência da constelação familiar pode ser essencial. A experiência de uma constelação familiar é capaz de proporcionar ao aluno e ao paciente/cliente visões sobre si mesmo que seria praticamente impossível obter sozinho.

    Contudo, conheça nosso curso de formação em Constelação Familiar e Sistêmica, 100% on-line (www.constelacaoclinica.com). Logo, você conseguirá aprimorar seu autoconhecimento e também melhorar os relacionamentos interpessoais.

    One thought on “Vulnerabilidade: significado no dicionário e psicologia

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.