ablutofobia significado

Ablutofobia: entenda o medo de tomar banho

Posted on Posted in Fobias

Ter medo de tomar banho parece somente um aspecto de higiene, mas não funciona bem assim. A ablutofobia é a fobia, o medo intenso e contínuo de executar tarefas cotidianas de limpeza. Como, por exemplo, lavar seu corpo.

Existem situações em que é uma escolha da pessoa tomar ou não banho. Porém, quando se é diagnosticado como sendo ablutofobia, há um bloqueio mental e a pessoa não consegue tomar banho irracionalmente.

Embora rara, esse tipo de fobia é evidência de problemas psicológicos graves. Então, se você sofre com esse medo profundo, saiba que precisa de tratamento adequado. Ou seja, não é somente por um desleixo qualquer que não consegue tomar banho.

Qual significado de ablutofobia?

No sentido etimológico da palavra, ablutofobia vem do inglês ablutophobia, do latim ablutio, –onis, ablução, lavagem.

Em suma, é a aversão patológica ao banho ou lavagem corporal. Ou seja, indica um medo irracional e incontrolável de tomar banho, se lavar. Em casos extremos, a pessoa não consegue nem sequer lavar as mãos.

Neste sentido, este medo incomum de se banhar, é um distúrbio que desenvolve o medo intenso de lavar o corpo, cabelo e até lavar as mãos.

O que é ablutofobia?

Conforme introduzimos, a ablutofobia é o medo de tomar banho, que, embora pareça irrelevante, se refere a uma patologia psicológica e deve ser tratada.

Nesse sentido, é identificada como um transtorno de ansiedade, caracterizada pelo medo irracional a algo. Ainda, pode ser manifesta em homens, mulheres e também em crianças.

Desse modo, se trata de uma patologia incapacitante que pode acarretar sérias consequências. Devido ao constrangimento causado pelo fedor corporal, em razão ausência de higiene, o indivíduo não consegue viver socialmente. Com seu isolamento, pode chegar a ter depressão.

Fobias; ablutofobia é medo de que?

Primeiramente, se você está com medo intenso e infundado, de maneira persistente, sobre algo ou situação, procure ajuda. Pois, possivelmente, está sofrendo de algum tipo de fobia e precisa de tratamento urgente.

Nesse sentido, a ablutofobia é a doença da mente em que a pessoa tem um medo intenso e inexplicável de tomar banho. Ainda mais, pode também ter medo de qualquer situação que envolva o ato de lavagem.

Acima de tudo, esta fobia não deve ser confundia com o medo de água. Ou seja, a ablutofobia é o medo do ato de se lavar, há um pavor de tomar banho.

Quais são as causas e os sintomas da ablutofobia?

Comumente a ablutofobia se desenvolve devido a eventos traumáticos do passado, como, por exemplo, ter sofrido abuso sexual no banho. Porém, muitas vezes, advém da mente inconsciente e a pessoa não consegue, de pronto, entender a causa desta fobia.

Nesse sentido, os sintomas devem ser identificados e tratamentos corretamente. Entenda que a pessoa não é somente um porcalhão, mas sim que pode estar sofrendo de uma patologia mental grave. Neste ínterim, diversos são os sintomas, porém são de fácil percepção.

Portanto, este transtorno da mente, desenvolvido pela fobia de atos ou situações relacionados ao banho, tem como principais sintomas:

  • ansiedade
  • ataque de pânico;
  • tontura e náusea;
  • taquicardia;
  • medo de desmaios;
  • falta de ar;
  • tremores;
  • desespero;
  • suor intenso;
  • calafrios;
  • pensamentos de morte.

Complicações na mente de quem tem medo de tomar banho

Além do isolamento social, a ablutofobia pode causar baixa da autoestima, podendo até mesmo desenvolver dependência do uso de drogas e álcool. Pois, o indivíduo pode buscar em entorpecentes fugir de sua condição, causando dependência química.

Em resultado, quem sofre com o medo de tomar banho, ao decorrer do tempo, pode ter depressão e transtornos de ansiedade.

    NÓS RETORNAMOS PARA VOCÊ



    Quero informações para me inscrever na Formação EAD em Psicanálise.

    Sobretudo, além das consequências psicológicas, vale destacar as doenças físicas que podem desencadear a sujeira acumulada pelo corpo. Devido à ausência da limpeza durante longos períodos, há enorme risco de acúmulo de bactérias que resultam em doenças.

    Qual tratamento para ablutofobia?

    Antes de tudo, procure um médico para diagnóstico de possíveis doenças em razão da sujeira corporal. Então, excluída essa hipótese, e em sendo um transtorno de ansiedade, em geral, haverá recomendação de tratamento por um profissional da saúde mental.

    Leia Também:  Medo de falar em público: 4 dicas para vencer

    Contudo, o tratamento desta fobia pretende diminuir, ou até mesmo eliminar o medo e ansiedade provocados pelo medo da ablutofobia. Tanto através de seu aspecto físico quanto psicológico.

    Neste ínterim, o profissional especializado na mente, buscará em seu íntimo todos os aspectos individuais ou sociais que resultaram nesta condição. Assim, através de técnicas sobre a psique humana, buscará soluções eficazes para combater a ablutofobia.

    Como a psicanálise poderá curar minha fobia de banho?

    Diante de tudo, não há dúvidas de que a ablutofobia é uma doença mental incapacitante. OU seja, quando o doente acredita, irracionalmente, que o ato de se banhar é aterrorizante e poderá lhe prejudicar.

    Então, a psicanálise poderá ser a solução desse distúrbio mental. Então, o psicanalista, através de técnicas específicas, encontrará na mente inconsciente, a causa e encontrará a solução efetiva para a cura.

    Dessa maneira, conforme destacamos neste artigo, as consequências da ablutofobia são muito sérias, como:

    • psicológicas;
    • físicas;
    • sociais;
    • profissionais.

    Portanto, não sinta vergonha deste medo aterrorizante, pois você está doente mentalmente e precisa de um profissional para lhe ajudar. Dessa maneira, não deixe esta fobia lhe destruir e impedir que usufrua dos prazeres da vida.

    Afinal, sabia que o medo de tomar banho era, de fato, uma doença? Então, se gostou deste assunto e quer saber mais sobre este tipo de fobia, possivelmente gostaria de estudar Psicanálise.

    O estudo psique humana irá aprimorar seu autoconhecimento, pois será capaz de ter visões sobre si mesmo que seria praticamente impossível conseguir sozinho.

    Além disso, melhorará seu relacionamento interpessoal, pois entenderá pensamentos, sentimentos, emoções, dores, desejos e motivações de outras pessoas.

    Esperamos que você tenha gostado do conteúdo. Nos incentive a continuar escrevendo conteúdos de qualidade, curta e compartilhe em suas redes sociais.

    Você já passou por este problema? Compartilhe conosco sua experiência e deixe seu comentário abaixo. Conte também o que você acha sobre o tema e o que mais quer saber.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.