compulsão à repetição

Compulsão à repetição: por que repetimos os mesmos erros?

Posted on Posted in Comportamento

Segundo a psicanálise a compulsão à repetição é um processo inconsciente, no qual a pessoa se coloca em situações desastrosas, repetindo experiências negativas e antigas, seria uma busca por satisfação que ficou em suspenso. “O paciente não se lembra de nada do que ele esqueceu e reprimiu, mas ele o atua. Ele reproduz não como memória, mas como uma ação, ele repete, sem saber, é claro, que está repetindo. (FREUD,SE, v.12, p.150) “

Entendendo a compulsão à repetição

Em partes toda essa repetição possui um ganho , um ganho inconsciente que muitas vezes traz uma satisfação interna , mesmo sendo com algo que lhe traz sofrimento …nós podemos nos satisfazer com situações patológicas, pois todos nós somos divididos uma parte de nós se adapta a cultura, ao meio social, porém outra parte é primitiva que é nosso inconsciente, e essa parte sempre irá permanecer em uma busca por satisfação, só que impedimos que essa satisfação venha , porque nós internalizamos as normas culturais, isso faz com que esses impulsos internos/animalescos , impulsos primitivos que habitam em nós , eles busquem outros caminhos , para obterem satisfação.

Desta forma , dependendo do modo que vc se relaciona com esses impulsos, eles então podem buscar satisfação pela via da doença, foi exatamente o que Freud descobriu , que por trás desses comportamentos repetitivos por trás dessa compulsão a repetição, o que acontece é que esses impulsos primitivos que ainda habitam em nós, estejam encontrando satisfação.

Um exemplo seria de uma pessoa que sempre teve um impulso de agressividade dentro dela, reprimido, e no decorrer da vida busca satisfação, e uma das formas que o impulso busca essa satisfação é tomando a pessoa mesma como objeto, ou seja, ao invés de agredir o outro, dominar o outro, a pessoa irá se machucar , irá se deixar abusar, talvez deixando o OUTRO lhe dominar, se deixar abusar PELO OUTRO. Então talvez, deixando o outro machucar ela está satisfazendo o impulso agressivo que tem dentro dela e que está reprimido, mesmo sendo através deste comportamento doentio.

Por que a compulsão à repetição dos mesmos erros?

Portanto, a primeira razão pela qual as pessoas insistem em repetir comportamentos patológicos que as fazem sofrer, a primeira razão pela qual repetimos situações de sofrimento , é exatamente essa: podemos estar gozando , satisfazendo determinados impulsos por meio destas repetições patológicas. O nosso Eu está sofrendo, está sendo machucado , em contrapartida o inconsciente está em “festa” sendo suprido , por meio da repetição.

E como uma segunda opção, pode ser que a pessoa esteja encontrando ali em meio ao sofrimento, algum GANHO, que compensa o tal sofrimento, um exemplo seria : uma pessoa que tem crises explosivas, crises de fúria repetitivas, quando era criança quiz muito receber atenção e um olhar de reconhecimento dos seus pais, e acha que não foi muito amada por eles, e então na fase adulta, através do ato compulsivo de de fúria, fica querendo chamar a atenção do outro, atenção do marido ou da esposa, dos irmãos… através do excesso de fúria , a pessoa acredita estar obtendo um ganho, uma espera por reconhecimento.

Uma das principais razões que mantém as pessoas na compulsão a repetição, é uma espécie de esperança , de obter alguma coisa com aquele comportamento , que na maioria das vezes nunca vem, ou vem de uma maneira insatisfatória.

Conclusão

Concluindo, as duas principais razões pelas quais as pessoas repetem situações patológicas, de sofrimento, em primeiro lugar podendo estar se satisfazendo por meio da doença, há um gozo presente . E também estar obtendo um ganhos com um tal comportamento.

Até que a pessoa procure uma ajuda, por meio da psicanálise e comece a perceber por que faz o que faz, porque aqueles tais relacionamentos sempre se repetem, porque não consegue atingir tais metas, e volta sempre pro mesmo lugar, ao verbalizar ao psicanalista a pessoa vai percebendo os ganhos que obtém com tais situações , das eventuais satisfações, e a partir daí , deste reconhecimento , quando a pessoa consegue se apropriar disso que está dentro dela, mas ainda não tinha tomado a devida consciência, aí sim terá condições de naturalmente ir saindo do processo de compulsão a repetição, será sempre através do processo de elaboração, fala, verbalização que acontece no contexto da terapia psicanalítica.

Este texto sobre a compulsão à repetição e a tendência de repetir os mesmos erros foi escrito por Sheila Ghiasson, colunista mensal do Blog da IBPC, blog pessoal para mais informações e textos: lifebysheila.com

2 thoughts on “Compulsão à repetição: por que repetimos os mesmos erros?

  1. Há dois “opostos” no Ser Humano: o poder presente na atividade que exerce e sentir uma certa “distância” em por exemplo ser “notado” por quem deseja se relacionar ou “complexo de inferioridade”! Em agosto uma atendente buscou claramente eu Não ser atendido por um médico que depois percebi ser reservado ao conversar! Na sexta, ao me informar por mensagem que o mesmo médico me atenderia (agora não seria exame mas consulta, que poderia ser por outro médico) como eu gostei de ser com ele porque demonstrou conhecimento ao emitir o Laudo, ai a mesma atendente, de outrora, quis “causar” me pedindo informar dados que a Clínica tem por eu ser cliente! Refletindo, pensei como ele é de comportamento reservado, um homem de presença, como se diz, ela pode achar ele “convencido” e, busca deixar agenda dele, por último!!!! Infelizmente há, muitas vezes, nos relacionamentos, muita subjetividade e “achismo” sobre o “concluir” sobre as pessoas!!!!

  2. Bom texto! Na medida do possível temos que ajudar essa pessoa a encontrar ajuda. Isso se ela quiser ser ajudada.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.