definição de sociedade

Conceito de Sociedade e Socialização

Posted on Posted in Conceitos e Significados

O conceito de sociedade não está ligado unicamente por várias pessoas vivendo em grupo.

Mas sim, por regras de conduta entre pessoas que convivem em um mesmo território, onde valores e princípios regem a sua organização.

Além disso, viver em sociedade é uma condição inata aos seres, onde nós nos destacamos como humanidade.

Vê-se nossa capacidade de evolução e adaptação ao ambiente que vivemos, diante de suas tradições e regras, tornando possível a socialização entre as pessoas.

Definição de sociedade

Sociedade é um grupo de indivíduos que compartilham uma cultura, valores, normas e interações sociais dentro de um determinado espaço geográfico ou contexto social.

Ela envolve a organização e cooperação entre pessoas para alcançar objetivos comuns, como a sobrevivência, o bem-estar e o desenvolvimento social, econômico e cultural.

A palavra sociedade vem do latim societas, significando associação amistosa com outros. Porém, o significado e conceito de sociedade vai além.

Vivemos em sociedade deste os primórdios da humanidade. Pois, por uma necessidade biológica, para sua sobrevivência, o ser humano tem predisposição a viver em grupos.

Por conseguinte, faz-se necessário estruturar essas relações, tendo em vista que, embora semelhantes, as pessoas são peculiarmente diferentes em emoções e comportamentos.

Sendo assim, para evitar conflitos, necessária definição de leis, estabelecendo regras de conduta, para que, desse modo, o conceito de sociedade se faça valer.

Como surgiu o conceito de sociedade?

Quando você passou a entender o que é viver em sociedade? Possivelmente em seu meio familiar, diante da cultura e educação repassadas por seus pais.

Entretanto, a depender da parte do mundo que estiver, o conceito de viver em sociedade pode alterar-se, conforme sua organização social.

Então, o conceito de sociedade advém de diversos fatores, como, por exemplo:

  • território;
  • cultura;
  • política;
  • história;
  • educação;
  • língua;
  • religião;
  • leis;
  • governos.

Assim, a sociologia traz teorias para entendermos essa relação, sendo Max Weber (1864-1920) um dos seus fundadores.

Este destaca a importância dos indivíduos para estabelecer as construções sociais, para que, assim, se desenvolva conceitos éticos e morais, a partir de cada pessoa.

Vale destacar também a teoria de Émile Durkheim, que determina que o conceito de sociedade advém de uma coerção social.

QUERO INFORMAÇÕES PARA ME INSCREVER NA FORMAÇÃO EM PSICANÁLISE

    NÓS RETORNAMOS PARA VOCÊ




    O que quer dizer que os indivíduos vivem conforme os ditames da sociedade em que vive, pois, caso contrário, seriam punidos por não se comportarem como a sociedade determina.

    Tipos de sociedades

    Durante a história da humanidade desenvolveram-se um conceito de sociedade para cada espaço territorial, resultando, assim, em seus mais diversos tipos.

    Por isso não se existe um único conceito que determine as relações, tudo vai depender de que parte do mundo estamos falando.

    Falando de história, o conceito de sociedade, durante à época pré-capitalista, a sociologia indicada a existência de duas sociedades: feudal e burguesa.

    Portanto, conheça um pouco da história de cada um desse conceito, que se diferenciavam, principalmente, por fatos como:

    • meios de produção;
    • relações interpessoais;
    • características individuais;
    • estruturação de sua sociedade;
    • atividade econômica.

    Sociedade Feudal

    Na sociedade feudal, a agricultura era a atividade principal para o desenvolvimento econômico.

    As terras, chamadas de feudos, eram distribuídas pelo rei aos servos, que as cultivavam para sustentar a economia local.

    Cada grupo tinha uma função específica, sem a liberdade de escolha que temos hoje.

    Sociedade Burguesa

    A burguesia surge de movimentos como o Iluminismo e as Revoluções Industrial e Francesa, quando a indústria cria um novo grupo social e político entre os burgueses. A igreja perde poder para as regras estatais.

    Com avanços em ciência e tecnologia, há grandes mudanças culturais e políticas, estabelecendo regras de conduta mais racionais.

    Direitos e deveres são definidos para cada indivíduo, gradualmente eliminando o feudalismo que estava ligado à ideia de sociedade.

    Conceito de socialização

    Após estabelecer regras de conduta que definem a sociedade, critérios são criados para as pessoas se socializarem, ou seja, desenvolverem uma identidade cultural baseada em crenças e costumes locais.

    A identidade cultural varia de acordo com costumes familiares e locais, incluindo símbolos, valores morais e éticos, e até questões profissionais e políticas, que influenciam como vivemos em sociedade.

    Por exemplo, a poligamia é permitida em alguns países, como nos Emirados Árabes.

    Assim, o conceito de socialização refere-se ao processo pelo qual as pessoas se adaptam biológica e moralmente à cultura de seu território.

    O que pode ser estranho em uma cultura pode ser normal em outra, e isso é fundamental para viver em sociedade, não sendo necessariamente negativo.

    Socialização e a identidade cultural

    A socialização é essencial para desenvolver a identidade cultural de uma sociedade e seus membros. Através de questões culturais e crenças, são determinados os comportamentos aceitos para interações sociais.

    Esse processo começa na infância, influenciado pelos pais, estabelecendo conceitos de certo e errado e normas para convívio social.

    Embora cada pessoa tenha liberdade para desenvolver sua personalidade, desde que respeite normas básicas de convivência, como não cometer crimes, a identidade cultural não é fixa.

    Ao longo da história, o conceito de sociedade evoluiu, mas as regras de conduta estabelecidas são essenciais para a convivência pacífica entre as pessoas, mesmo que comportamentos variem entre positivos e negativos.

    Gostou do artigo? Comente abaixo, tire dúvidas e compartilhe em suas redes sociais para promover discussões e enriquecer o conhecimento sobre comportamento humano!

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *