depressão oculta

Depressão oculta: 10 sinais de quem esconde a depressão

Posted on Posted in Psicanálise, Transtornos e Doenças

Em geral, a depressão costuma agir de forma silenciosa, de modo a ser confundida com sentimentos comuns de tristeza. Contudo, a doença já está enraizada e provoca sérias alterações e consequências na vida de uma pessoa. Vamos observar 10 sinais que mostram como um indivíduo guarda a depressão oculta.

Perfeccionismo crítico

Indivíduos com depressão oculta costumam se repreenderem constantemente por conta de suas falhas. Isso porque possuem uma autoestima muito baixa e tentam de todo modo compensar esse vazio. Dessa forma, trabalham continuamente, exigindo muito de si mesmos, para que não cometam erros.

Em geral, a parte psicológica desse grupo é bastante sensível e machucada pela sua condição. A exaustão das cobranças pessoais faz com não relaxem na sua busca por perfeição. Tudo precisa ser extremamente significativo e bem feito, já que trará paz a ele, embora o caminho o machuque.

Dificuldade em demonstrar sentimentos pesados

É constatado que indivíduos depressivos são mais inertes às tragédias, de modo a esboçarem poucas reações em momentos bem delicados. Um depressivo oculto costuma se esconder emocionalmente a fim de não demonstrar sentimentos. Não que ele pare de sentir, nada disso, mas se torna imparcial quanto suas emoções mais fortes.

Assim, pode acabar evitando a raiva, acumulando ela dentro de si. Além disso, a tristeza pode acabar sendo escondida também. Quando necessário, ele pode não encontrar palavras para que expresse essas emoções adequadamente. Alguns, quando chegam em casos mais graves, se tornam incapazes de fazer isso com qualquer emoção.

Sensação de responsabilidade esmagadora

Indivíduos com depressão oculta carregam uma consciência de dever muito grande. Isso porque são os primeiros a enxergarem que as coisas estão caminhando ao lado errado. A sua lealdade e obrigação faz com que se responsabilizem, assumindo para si um fardo enorme. Ainda que sejam bons líderes, não possuem habilidade em delegar.

Entretanto, cabe ressaltar que tal postura pode fazer bastante mal a esse grupo quando se torna permanente. A cobrança pode assumir uma aparência esmagadora caso algo não saia como o esperado em seu plano. Com isso, o indivíduo acaba sofrendo bastante, sem contar que é perseguido por um sentimento de culpa.

Controle excessivo

A depressão oculta acaba forçando um indivíduo a controlar excessivamente a própria vida. Por causa disso, ele pode acabar pensando em demasia sobre o futuro e imaginar com frequência situações cuja probabilidade de ocorrência é pequena. Para quem olha mais de perto, é possível perceber uma aparente ansiedade frequente.

Contudo, já que se fala em sentimentos ocultos, tudo pode ficar despercebido para quem olha de longe. Ainda que um depressivo esteja preocupado, suas ações podem indicar que leva a vida sem esforço e com facilidade. Erroneamente, pode acabar sendo louvado por eu estilo de vida avassalador.

Preocupação alheia

Para quem possui depressão, cuidar dos outros acaba fazendo bem a ele mesmo. Contudo, esse indivíduo não costuma deixar que essas pessoas abrigadas por ele mesmo sintam o quanto está vulnerável. Dessa forma, a pessoa não demonstra suas dores.

Tal postura pode ser grave quando se pensa na tendência suicida de um doente. Já que ninguém sabe de sua condição, não é possível se mobilizar para ajudar e evitar o pior.

Focalização excessiva em atividades

Como cada atividade concluída acaba por dar um sentimento de importância para a maioria das pessoas, um depressivo oculto focará bastante no que está fazendo. Dessa forma, torna-se possível canalizar esse valor recebido sobre suas próprias inseguranças. Entretanto, o extremismo pode ultrapassar a linha do seguro, fazendo com que se desenvolva:

Leia Também:  Sonhar com gravidez: O que pode significar?

Autoestima cega

Já que foca exclusivamente nas tarefas para se sentir bem, essa pessoa esquece do que gosta em si mesma. Toda a sua compensação emocional advém de trabalhos e projetos.

Dependência

Receber as recompensas emocionais por cada trabalho feito pode fazer com que essa pessoa se vicie. Isso porque é a única forma que ela conhece de se sentir bem.

Descarte de mágoas e abusos

A depressão oculta faz com que uma pessoa acabe acumulando experiências negativas para si mesma. Assim, a dor passa a ser represada, de modo que esse indivíduo não a canaliza. Isso impede que seus impactos sejam assistidos e, consequentemente, uma solução seja conquistada.

NÓS RETORNAMOS PARA VOCÊ



Quero informações para me inscrever na Formação EAD em Psicanálise.

Vergonha e culpa

Um indivíduo depressivo se culpa e se envergonha. O mesmo acredita que sentir pena de si é algo ao qual não combina com um padrão aceitável. Desse modo, a pessoa acaba se conformando com o fato de que boa parte de sua vida não é tão boa assim. Gradativamente, passa a aceitar que se sentir mal é comum.

Adicções e distúrbios

A depressão acaba criando um vazio no depressivo que precisa ser preenchido de alguma forma. Sua dor não é externada, mas isso não impede que ele a sinta. A mesma pode vir na forma de:

Transtornos alimentares

Depressivos, comumente, acabam afetando suas relações com a comida. Se não se afastam dela, acabam se aproximando em demasia. Dessa forma, podem apresentar quadros de anorexia ou até sobrepeso.

Vícios

Se não a comida, qualquer objeto que sirva de compensação é transformado em vício. Assim, remédios, álcool e drogas se tornam os mais recorrentes.

Sucesso profissional em detrimento das relações

À medida em que uma pessoa se esforça para crescer profissionalmente, um depressivo oculto negligencia suas relações involuntariamente. Tudo acontece porque o indivíduo doente não consegue se expor emocionalmente como deveria. Isso faz com que as pessoas o vejam como insensível ou distante.

A depressão em si não é uma doença chamativa e foge bastante do esteriótipo de alguém visualmente triste. Nesse caminho, a depressão oculta faz com que um indivíduo continue a viver sua vida enquanto está sofrendo. Ele pode estar sentindo suas dores ao nosso lado, mas uma desatenção impede que enxerguemos sua situação.

Para que você consiga olhar para problemas como a depressão oculta adequadamente, se inscreva em nosso curso 100% EAD de Psicanálise Clínica. Com a ajuda dele, você poderá compreender o que alimenta o comportamento humano, o que pode vir a ser útil tanto para sua vida pessoal quanto para trabalhar como psicanalista. O certificado do curso possibilita com que você venha a clinicar em consultório, empresas ou escolas. Assim, matricule-se!

One thought on “Depressão oculta: 10 sinais de quem esconde a depressão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

7 + 8 =