educação emocional

Educação emocional: o que é, qual sua importância?

Posted on Posted in Conceitos e Significados

A educação emocional tem grande importância para a compreensão dos sentimentos e o envolvimento com diversos estudos sobre formas de melhor desenvolver a saúde psicológica. Desenvolver a percepção emocional possibilita visualizar melhorias para a vida sentimental e também para a forma de viver na sociedade.

Tal forma de análise também amplia o conhecimento sobre a solitude, ou seja, o desenvolvimento de realizações pessoais enquanto sozinhos para que haja fluidez no desenvolvimento em grupos ou mesmo com pessoas alheias em passagens da vida.

Entendendo a educação emocional

Um grande exemplo do quão significativo é aprofundar estudos sobre o lado emocional é o reflexo desse aprendizado para as tomadas de decisões, com mais clareza e tranquilidade, que por sua vez é uma atividade cotidiana e necessária. Essas decisões são mais claras quando conseguimos entender o que estamos sentindo, quais esperanças temos e o quanto desejamos realizar nossos planos. Quanto mais estudamos educação emocional, maior nossa capacidade de entender nossos desejos e necessidades.

Há até mesmo estudos sobre as necessidades humanas que envolvem a estima, aceitação em grupos, aproximação física e diversas formas de relacionamento. Todas as necessidades humanas tendem a ser despertadas por impulsos e pulsões e ficam no inconsciente até um momento em que são elevadas ao pré-consciente para que todos consigam levar ao nível consciente e estudar os próprios desejos e necessidades, ou seja, se autoanalisar. Assim é que surge e possibilidade de realização com o entendimento e aprofundamento nas preferências psicológicas de cada pessoa.

Uma boa forma de ampliar o acesso e aprofundamento da educação emocional seria disponibilizá-la na rede de ensino, assim, seria possível desenvolver com mais amparo e mais estrutura a análise das próprias emoções e também o ritmo de desenvolvimento pessoal de quem se interessa por se conhecer melhor. Apesar de ser a melhor alternativa de desenvolvimento, não pode ser a única ferramenta.

A educação emocional e desenvolvimento pessoal

É necessário que as pessoas tenham a iniciativa de buscar o amor próprio e o desenvolvimento pessoal para se permitir a avançar em relacionamentos com as pessoas, principalmente no ambiente familiar e profissional sem ter uma dependência unicamente do sistema de ensino.

Quanto maior a percepção de si mesmo, melhor. Mas, se houver uma falta de educação emocional, fica difícil equilibrar um comportamento no ambiente em que se vive e isso acarreta problemas de socialização que afetam a vida particular das pessoas.

Ultimamente há muitos casos de suicídio ou mesmo violência como resultados da falta de envolvimento com a própria saúde mental. Trabalhar a saúde mental envolve uma prática de observação de sentimentos, valores e atitudes. O maior resultado de um bom investimento de tempo em saúde mental é a forma esperançosa de visualizar os próximos passos de vida.

Uma bagagem de conhecimento

O acompanhamento educativo sobre as emoções vividas possibilita uma visualização de superação de conflitos e uma ação produtiva em todas as áreas da vida. Todo o aprofundamento em conhecimento é somado à bagagem de conhecimento já existente na vida das pessoas e se enriquece a cada nova informação analisada diante de novas ideias que são acrescentadas ao que já é cotidiano.

O resultado de um bom acompanhamento psicológico possivelmente será maior interação com os próprios problemas e um visível fortalecimento de personalidade a cada problema resolvido na vida. A cada acréscimo de autonomia como resultado da capacidade de solucionar os próprios embates da vida, há uma nova visão das próprias capacidades.

Leia Também:  Mitologia Tupi Guarani: mitos, deuses e lendas

A visualização das realizações anteriores de vida torna mais clara a análise do perfil de solucionadores de problemas e a cada nova superação há um crescimento pessoal de grande importância. Ter a noção de tudo isso e a percepção da evolução vivida torna a educação emocional uma forma de criar um vínculo com a análise pessoal e o desenvolvimento de vida. Isso permite visualizar o passado sem sentir uma dor e planejar o futuro sem fugir dos objetivos de vida.

Conclusão

É importante aprender a visualizar os obstáculos como uma oportunidade de melhorar-se em algum aspecto da vida, pois cada obstáculo é um novo aprendizado, é preciso achar uma saída para o problema e essa prática vai se tornando rotina e até mesmo automática.

Este artigo sobre educação emocional, seu significado e sua importância foi escrito por Ivia, formada em letras e admiradora da área psicológica ([email protected])

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.