o que é falta de empatia

O que é Falta de Empatia e como não deixar isso prejudicar suas relações

Posted on Posted in Conceitos e Significados

O que é Falta de Empatia ? Muito se fala em empatia, algumas vezes o conceito fica limitado a “se colocar no lugar do outro” mas exercer a empatia vai muito além disso, se eu apenas me coloco no lugar do outro, mas com meus valores, meus pontos de vista, estarei analisando a situação sob minha perspectiva.

O conceito e o que é falta de empatia

Para ser empático eu preciso me colocar no lugar do outro sentindo e pensando como ele, para que eu realmente consiga compreender seus sentimentos, escolhas e emoções.

O que é falta de empatia e por que é tão difícil exercitar a empatia?

Para que possamos de fato ser empáticos, temos muitas vezes que descer do nosso “pedestal”, deixar o egocentrismo de lado para que possamos de fato perceber o outro de verdade. Algumas situações podem interferir no desenvolvimento dessa habilidade. Indivíduos que receberam pouco acolhimento ao longo da vida ou foram alvo de muitas críticas podem ter dificuldade em demonstrar empatia em suas relações.

O egoísmo também prejudica o olhar empático, indivíduos muito centrados em si mesmos, que querem ser ouvidos, mas não dedicam tempo e atenção as outras pessoas, levam em consideração apenas suas necessidades e interesses dificilmente conseguirão voltar o olhar para os sentimentos do outro pois apenas suas necessidades importam.

Pessoas pouco empáticas muitas vezes apresentam dificuldades em seus relacionamentos, estabelecem vínculos apenas superficiais para não terem que lidar com os desafios presentes nos relacionamentos. O excesso de julgamento também é uma característica de pessoas pouco empáticas, são pessoas que tem muita dificuldade em aceitar pontos de vista diferentes dos seus.

Como a falta de empatia afeta nossos relacionamentos?

Tanto em nossas relações pessoais como profissionais é muito importante desenvolver a empatia.

A todo momento estamos interagindo com pessoas de diferentes origens, culturas, vivências e pontos de vista, para cultivarmos relações cada vez mais saudáveis precisamos nos abrir para o outro, compreender o que o leva a pensar dessa ou daquela maneira, questionar nossas verdades absolutas, sem nos sentirmos ofendidos ou contrariados.

Além disso não podemos ser indiferentes aos sentimentos e dores do outro, não temos o poder de tirar o sofrimento do outro, mas com certeza nossa compaixão e tolerância proporcionará o acolhimento necessário para que o outro atravesse as adversidades com muito mais tranquilidade.

O que é falta de empatia e dicas para desenvolvê-la

Trabalhe seu autoconhecimento

Isso significa que primeiro você precisa ser capaz de reconhecer seus sentimentos e emoções para que depois possa voltar seu olhar para o outro, analise seus pontos fortes e aquilo que precisa melhorar. Práticas como a meditação e sessões de psicoterapia podem auxiliar no desenvolvimento do autoconhecimento. Pratique a escuta ativa!

Muitas vezes nós não escutamos, apenas esperamos nossa vez de falar, esteja atento ao que o outro tem a dizer sem ficar formulando uma resposta mental enquanto o outro fala, domine sua ansiedade, entenda que quanto maior for o seu entendimento do que o outro está dizendo mais fácil será desenvolver uma comunicação eficaz.

Leia Também:  Consciência Pesada: o que é, o que fazer?

Demonstre interesse pelo outro, faça perguntas, troque ideias, estabeleça uma conexão verdadeira.

Pratique a generosidade

Diariamente faça algo por alguém sem esperar nada em troca, pequenos gestos como segurar a porta do elevador para o outro já nos faz olhar para fora e não apenas para nós mesmos. Mantenha a menta aberta!

Converse com pessoas que pensem diferente de você e exercite a prática do não julgamento, não queira sempre ter razão, se permita mudar de ideia, analise a mesma situação por vários ângulos, dessa forma você exercita seu cérebro a buscar novas maneiras de pensar não ficando restrito aquilo que já e conhecido e, portanto, mais confortável.

Acolha com carinho

Quando conversar com alguém que está passando por um momento difícil, tenha um olhar compreensivo, um toque nas mãos ou um abraço pode falar mais do que muitas palavras.

A menos que seja solicitado, não de palpites ou fique querendo resolver o problema, muitas vezes o outro quer apenas falar sem ser julgado ou pressionado a tomar alguma atitude.

    NÓS RETORNAMOS PARA VOCÊ



    Quero informações para me inscrever na Formação EAD em Psicanálise.

    Trabalhe o equilíbrio emocional

    Mantenha suas emoções sob controle, em uma discussão se perceber que está saindo do controle, respire fundo e faça uma pausa.

    Não enxergue a situação como se um adversário o estivesse desafiando, reflita sobre o assunto com calma, evite levar para o lado pessoal, coloque a situação sob perspectiva e avalie todos os cenários, não tenha receio de mudar de ideia se assim desejar.

    Aceite as diferenças

    Entenda que cada ser humano é único, ainda que tenhamos afinidades com algumas pessoas ninguém é igual a ninguém, aceite e respeite as diferenças, são essas diferenças que enriquecem nossos relacionamentos, aumentam nossa capacidade de raciocínio nos tornando capazes de buscar soluções para os mais variados desafios.

    E você, como exercita a empatia em seus relacionamentos?

    O presente artigo foi escrito por Vera Rocha, coach, atua na área de Gestão de Pessoas. Contato: [email protected]

    2 thoughts on “O que é Falta de Empatia e como não deixar isso prejudicar suas relações

    1. Sempre tive dificuldade com a empatia, pelo menos é o que dizem os que percebem, e creio que estudar psicanálise deva resolver isso em mim, já que, é isso que quero ser.

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *