livro Fernão Capelo Gaivota

Fernão Capelo Gaivota: resumo do livro de Richard Bach

Posted on Posted in Psicanálise e Cultura

Fernão Capelo Gaivota é obra que se tornou um best seller, uma história com ensinamentos atemporais sobre autoconhecimento e espiritualidade. Em síntese, é um livro místico, que, por meio de parábolas e ficção, se tornou uma poderosa obra iniciática, que repercutiu na vida de milhões de pessoas.

Assim, por uma leitura simples, porém profunda, o livro, de Richard Bach, tornou-se um fenômeno mundial na década de 1970. O autor, ainda vivo, em 2017 trouxe um novo capítulo ao livro, que, também de forma mística, teve a necessidade de publicá-lo.

Fernão Capelo Gaivota, de Richard Bach

Mesmo diante de um livro tão famoso, poucas pessoas sabem da história do seu autor, Richard Bach. Nascido em 1936 e, desde criança, desenvolveu amor por céu e voo. Ele gostava de ficar escondido atrás de pedras e observar como as gaivotas voavam. Assim, descobriu sua aptidão para a aviação, tornando-se Piloto de Caça na Força Aérea Americana.

Logo após sua carreira militar, tornou-se escritor, para que, assim, pudesse compartilhar todas as suas experiências místicas que teve em seus voos. Mas não deixou a aviação de lado, continuou voando como piloto particular.

A obra Fernão Capelo Gaivota foi a de maior sucesso do autor, porém, ele também escreveu muitos outros. Sendo que todos possuem relação voos com a filosofia cósmica que representa a liberdade do ser e suas projetos interiores. Seguem algumas obras publicadas por Richard Bach:

  • “O fim das ilusões”;
  • “Ilusões”;
  • “Um”;
  • “Longe é um lugar que não existe”;
  • “Hipnotizando Maria”;
  • “O paraíso é uma questão pessoal”;
  • “Ponte para o sempre”;
  • “Um voo solitário”.

Resumo do livro Fernão Capelo Gaivota

Como a história surgiu para o autor?

De antemão, o autor conta que todo enredo do livro veio, talvez de uma forma sobrenatural, enquanto caminhava sozinho por ruas americanas. Enquanto refletia sobre suas preocupações financeiras, ouviu alguém falar em voz alta: “Jonathan Livingston Seagull”.

Ao retornar à sua casa, vivenciou algo fascinante e surpreendente. Quando sentou perante sua máquina de escrever, passou a ver um firme na parece à sua frente, como se fosse um cinema. O então “filme” contava a história de “Jonathan Livingston Seagull”, ou seja, o mesmo nome que ouvira anteriormente.

Após toda história ser contada, como em um passe de mágica, repentinamente a reprodução sumiu da parede. Diante dessa experiência extraordinária, surgiu o livro Fernão Capelo Gaivota. O autor entendeu esta vivência como um propósito especial, encarando que deveria ser o seu mensageiro.

Resumo do livro Fernão Capelo Gaivota

Entretanto, somente após sete anos desse episódio que o livro foi publicado, em 1970, quando sentiu, enfim, que a história deveria ser contada ao mundo. Ou seja, que essa filosofia de vida deveria ser propagada.

A trama é por meio de parábolas, possuindo como seus atores gaivotas, que viviam em bandos, onde a vida se resumia a sobreviver. Ou seja, a rotina diária das gaivotas era caçar e comer, sempre atrás de navios pesqueiros, que descartavam peixes podres, que, então, serviam-lhes de alimento.

Então, existia uma pequena gaivota que não gostava dessa rotina e que passou a se separar do seu bando. Pois entendia que se possuía asas e deveria as utilizr para desenvolver voos, não ficar em um ciclo infinito de caçar e comer. Essa gaivota se chama Fernão Capelo Gaivota.

A gaivota Fernão Capelo Gaivota

Diante de suas atitudes, ele acabou sendo expulso de seu bando. E então, passou a viver sozinho, desenvolvendo técnicas surpreendentes de voo, desbravando terras desconhecidas, em uma busca desenfreada pelo aprimoramento de suas habilidades.

Porém, chegou o momento que acabou exaurido e sem maiores expectativas. Neste ínterim, encontrou uma gaivota, chamada Chiang, com suas mesmas aspirações, que liderava um bando totalmente diferente do qual anteriormente pertencia.

Agora, Fernão Capelo Gaivota passou para outra dimensão de sua existência, quando, então, pôde entender haver algo a mais dentro de si. Ou seja, que a vida pode ser mágica, que não era somente sobre viver e morrer, indo muito mais além do sobreviver instintivamente.

Leia Também:  Sonhar com dente e sonhar com dente caindo

O despertar para a vida

Com outra percepção sobre a vida, Fernão Capelo Gaivota, descobriu que a vida não é somente matéria, que não há um paraíso fixo e, assim, há um ciclo infinito de aprendizado. Então, trazendo para realidade humana, foi um despertar espiritual, pois entendeu que a vida vai além de acordar, trabalhar, comer e dormir.

Desse modo, enxergando a sua missão, a Gaivota, descobre sua missão espiritual e seus poderes interiores. Logo, sentiu ser iluminado e deveria retornar à Terra como instrutor. Definitivamente, o livro remete às pessoas a desenvolver poderes interiores, trazendo uma sabedoria que, em suma, mostrar ser o homem semelhante de Deus.

Filme sobre o livro Fernão Capelo Gaivota

Contudo, o sucesso do livro foi tão grande que, em 1973, se transformou em um filme, indicado a 2 Oscars. Com cenas inesquecíveis e poderosas, traz a mensagem da obra, contando com a assessoria do próprio autor Richard Bach.

    NÓS RETORNAMOS PARA VOCÊ



    Quero informações para me inscrever na Formação EAD em Psicanálise.

    O cineastra americano Hall Bartlett, transformou a história de Fernão Capelo Gaivota em um lindo filme, que trouxe vida aos ensinamentos trazidos pelo livro. Além disso, o filme traz uma trilha sonora composta por Neil Diamond, com letras que nos remetem a momentos de reflexão sobre a vida.

    Frases de Fernão Capelo Gaivota e mensagem do autor

    Diante dos grandes aprendizados do livro, vala a pena transcrever algumas mensagens:

    • “Fazer o que amamos nos leva automaticamente a descobrir mais sobre quem realmente somos.”;
    • “O mais importante na vida é olhar em frente e alcançar a perfeição naquilo que mais gosta de fazer.”;
    • “Só a lei que conduz à liberdade verdadeira.”;
    • “Quanto mais nos elevamos, menores parecemos aos olhos daqueles que não sabem voar.”;
    • “A verdade perfeita é simplesmente ser.”.

    Em suma, a mensagem principal do autor é que cada pessoa deve descobrir, dentre de si, as coisas que ama na vida e realmente fazê-las. Pois cada pessoa tem a sua missão e deve cumprir, ou seja, todos devem descobrir seus propósitos de vida e atingi-los.

    Então, nos conte o que achou sobre a mensagem trazida pelo livro Fernão Capelo Gaivota, deixando seu comentário logo abaixo. Além disse, se gosta deste tipo de conteúdo, curta e compartilhe em suas redes sociais, nos estimulará a sempre continuar produzindo artigos de qualidade aos nossos leitores.

    2 thoughts on “Fernão Capelo Gaivota: resumo do livro de Richard Bach

    1. Como a automação ou tecnologia, retirou da Humanidade o verdadeiro sentido do viver! Na quarta feira, estava eu no elevador com casal de idosos e, depois entrou uma jovem, noutro andar e não saiu do WhatsApp! Quando comentei do dia “marcado”, geralmente, por chuva, 23/08, Santa Rosa de Lima, parecia ela não ter ouvido. Depois quando a senhora comentou das superstições de agosto, a jovem riu! Como se tivesse igualado crença com superstição! Parece um fato sem grande relevância, mas quando a gente coloca no mesmo “cesto” as informações acaba por Não desenvolver a avaliação sobre o que importa! O Globo Repórter mostrou noutra sexta, os trabalhos manuais que trazem criatividade e se tornaram tradição ou seja, existem em comunidades geralmente do interior. Quem veste uma blusa de tricô, pode não saber diferenciar da que foi confeccionada na Indústria ou manualmente! Além de que, em tempos de grande desemprego, as mãos podem e devem ser lembradas que vão além de fazer comida, fazem estampas em panos de prato e trilhos para mesas, por exemplo!

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.