Como terminar um relacionamento

Posted on Posted in Uncategorized

Terminar um relacionamento talvez seja um dos maiores tabus da sociedade. E, além disso, não existe a forma certa em como terminar um relacionamento. Essa, na verdade, é a última coisa que passa pela nossa cabeça quando nos apaixonamos!

É por isso que quando terminamos um relacionamento, parece haver uma sensação de culpa muito forte. E essa reação independe dos motivos que nos levaram a terminar o relacionamento, ele tendo sido muito bom ou destrutivo.

Porém, terminar um relacionamento em alguns casos é mais do que necessário. E estou falando do relacionamento que não acrescenta nada bom na sua vida e apenas te consome de uma forma ruim. Te machuca, te mantém triste e te destrói.

Como identificar um relacionamento tóxico ou destrutivo

A princípio, não é fácil. Porque a pessoa destrutiva parece perfeita. E entramos nessa ilusão de que ela nos ama muito e suas ações justificam qualquer coisa. E aí, a ilusão se transforma em um ciclo de desculpas e mentiras. Há, também, a constante sensação de culpa.

Outra ilusão é acreditar que você tem capacidade de decisão nesse relacionamento. Na verdade, você não tem. Tudo vai convergir para que o outro esteja sempre certo e sua opinião nunca terá valor ou será importante. Você acaba fazendo muitas coisas que não quer ou não gosta.

É um relacionamento que te afasta de amigos e familiares. E, pior: te afasta de você mesmo. Você acaba sendo privado de fazer coisas que gosta, de ir a lugares e de visitar pessoas. A justificativa é sempre o ciúme ou que você não dá a devida atenção ao parceiro.

Principais características do relacionamento destrutivo

A pessoa que age como tóxica em um relacionamento, o faz por insegurança. E por se sentir extremamente insegura, ela tem a necessidade de controlar em excesso o seu parceiro. Assim, um relacionamento tóxico pode ser identificado por algumas características:

  • seu parceiro te humilha e te coloca para baixo quando estão entre amigos e familiares.
  • suas opiniões frequentemente não são aceitas e você é controlado em todos os aspectos da sua vida. Comportamento, roupas, pensamentos.
  • sua autoestima é destruída e o parceiro frequentemente aponta seus defeitos. O outro é capaz de fazer você desistir dos seus sonhos e perder perspectivas e esperanças.
  • a pessoa que abusa não aceita os próprios erros, e sempre tem desculpas para justificar seu comportamento.

E o ciúme?

Uma das desculpas mais usadas em um relacionamento tóxico ou destrutivo é o ciúme. Frequentemente, a pessoa em um relacionamento desses, é exposta a situações em que tudo se justifica pelo ciúme.

Isso é um perigoso jogo psicológico. Porque a desculpa do ciúme nos leva à ilusão do “age assim porque tem ciúme e se tem ciúme é porque me ama”. Não caia nesse truque. Em um relacionamento destrutivo, o ciúme nunca é algo saudável.

Aprenda a discernir o ciúme saudável do ciúme tóxico. O ciúme tóxico frequentemente vem acompanhado por te colocar em uma posição onde você é culpado pelas ações do companheiro.

Sinais de que você deve sair do relacionamento

Achar que tudo vai se resolver na conversa, é ilusão. Em um relacionamento destrutivo, conversar, aliás, é a maior das ilusões. Isso porque sempre serão feitas promessas de que tudo irá melhorar e será diferente ou melhor do que antes. E nada muda.

Leia Também:  Vamos conversar? Escutar é a essência da Psicanálise

O relacionamento destrutivo vai acabar com sua autoestima, sua autoconfiança e sua capacidade de tomar decisões. Em alguns casos, chega ao ponto de você questionar sua existência e de não achar que é importante ou merecedor de amor.

E, um dos sinais mais fortes para você sair do relacionamento: abuso físico. O abuso físico é caracterizado por algum tipo de agressão física. E é tristemente comunicado como um tipo de “acidente”.

Acabar com um relacionamento

Quando estamos apaixonados, terminar um relacionamento é algo em que não pensamos. E, principalmente há o medo de ficarmos sozinhos. E esse medo nos faz suportar as piores coisas em um relacionamento. Desde a dor psicológica, até a dor física.

Acabar com um relacionamento destrutivo não é fácil pois pensamos que tudo o que a pessoa faz, é porque ela nos ama. E esse amor é justificado pela forma difícil que a pessoa nos trata. Então aguentamos todo o tipo de situação porque não conseguimos sair disso.

    NÓS RETORNAMOS PARA VOCÊ



    Quero informações para me inscrever na Formação EAD em Psicanálise.

    O ciclo que é estar em um relacionamento destrutivo parece tirar nossas forças e capacidade de decisão. E, por isso, não conseguimos pensar em nenhuma maneira em como terminar um relacionamento desgastante.

    Escute seus amigos e familiares

    Quem vive um relacionamento destrutivo não consegue enxergar ou aceitar. Por isso, escute as pessoas ao seu redor. Lembre-se que seus familiares e amigos próximos te conhecem e provavelmente estão na sua vida antes do relacionamento.

    Dessa forma, saberão identificar quando algo não vai bem. E saberão perceber mudanças de comportamento que você não perceberá. Poderão identificar padrões incomuns e serão as primeiras pessoas a prestar auxílio.

    Além disso, podem ajudar em como terminar um relacionamento. Não só ajudar, como ser o apoio emocional.

    Terminar relacionamento

    Como terminar um relacionamento é muito difícil, e não tem caminho certo. Mas é extremamente necessário quando coloca nossa vida em risco. Então, relacionamentos destrutivos devem ter o seu ponto final.

    A decisão deve partir de quem sofre o abuso, buscando o apoio de familiares e amigos. É muito importante ter o apoio de pessoas que amamos. Peça ajuda! E não se cale!

    Ponto final no relacionamento

    Colocar um ponto final em um relacionamento requer muita energia e determinação. Temos que descontruir todo o “mar de rosas” que criamos pela pessoa. E, justamente, como terminar um relacionamento destrutivo requer mais do que conversas. É necessário força e coragem.

    Assim que o relacionamento for identificado como destrutivo, deve-se agir para que ele termine. Quanto mais o relacionamento durar, mais difícil é se libertar.

    Considerações finais

    “Coragem” deve ser a palavra que melhor descreve a forma de como terminar um relacionamento. Independente de se terminar um relacionamento maravilhoso ou tóxico.

    Contar com as pessoas que amamos é fundamental. Tanto para o processo de libertação como para a cura de toda a dor causada pelo relacionamento. Colocar um ponto final em um relacionamento tóxico, é um processo de retomar a vida.

    É bom lembrar que não só mulheres, mas também homens podem estar em relacionamentos abusivos. Não se deixe intimidar pelo medo de ficar só ou pelo que as pessoas vão pensar se você terminar. Não deixe sua vida ser posta em risco por um relacionamento destrutivo!

    Leia Também:  Dia do Inventor: a criação de Freud

    Conheça nosso curso de Psicanálise Clinica

    Gostou de saber como terminar uma relacionamento destrutivo?? Então que tal acessar nosso site e conhecer nosso curso de Psicanálise Clinica para aprofundar a questão de como terminar um relacionamento? Nosso curso é 100% e com certificado, o que te permite aprender algo novo sem sair de casa e clinicar! Por isso, corra e aproveite essa oportunidade.

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *