o que significa ideologia de gênero

Ideologia de gênero: o que é, será que existe?

Posted on Posted in Comportamento

Antes de falarmos sobre para você o que é a ideologia de gênero, vamos falar o que é uma ideologia. A palavra ideologia é um sistema de crenças e valores que formam a base de um tipo de pensamento. Ela pode ser político, econômico, social ou outro.

Para continuar sabendo mais sobre esse assunto tão importante, te convidamos para ler o nosso post!

O que é ideologia de gênero

A ideologia de gênero nega que as diferenças entre homens e mulheres vem de características naturais e biológicos.

Em vez disso, esse pensamento propõe que essas diferenças são fruto de uma construção social e cultural. Dessa forma, alega que a sociedade e a cultura impõem aos homens e mulheres seus respectivos papéis, nenhum dos quais corresponde às diferenças naturais entre os sexos.

A partir desse início, seus adeptos afirmam que o sexo em si é biológico, mas a identidade de gênero é o que uma pessoa decide adotar. Portanto, pode ter uma série de “gêneros” diferentes, a lista é tão extensa quanto o número de pessoas que vivem no planeta.

Origens

A ideologia de gênero surgiu no século passado devido a ataques à relação entre sexo biológico e identidade de gênero.

Agora, para saber mais sobre a origem, vamos falar sobre quem teve um papel importante nisso.

Alfred Kinsey

Um fator que deu origem a essa desconstrução antropológica de maneira indireta, na verdade foi a ideologia sexual de Alfred. Ele era um doutor em zoologia e entomologia.

Alfred é muito citado de forma errada como o pai da educação sexual nos Estados Unidos e no resto do mundo. Ele e seus colegas fizeram experimentos sexuais antiéticos em:

  • adultos (entrevistados sobre seus comportamentos sexuais);
  • crianças (sexualmente manipuladas e registradas).

Como resultado desses “estudos”, ele ajudou no descobrimento de muitas “explosões sexuais” que iam da heterossexualidade à bissexualidade e à homossexualidade. Além disso, ajudou com outras perversões, incluindo a pedofilia.

Ideologia não é o mesmo que perspectiva de gênero

A linguagem é importante, porque com ela comunicamos e definimos, ou mesmo criamos realidades que depois transmitimos aos outros. Nesse sentido, os avanços da sociedade incluem e excluem termos e, no trânsito, ocorre muita confusão.

Embora muitos rejeitem o termo ‘perspectiva de gênero’, a verdade é que está sendo usado pela sociedade. Muito pelo contrário do termo “ideologia de gênero”, cujo conteúdo é muito debatido em instituições e grupos bem estabelecidos.

No entanto, muitas pessoas associam um e outro conceito e rejeitam o primeiro, acreditando que está incluído no segundo. Ambos são, em sua base, opostos. Embora os dois partam dos conceitos: sexo e gênero. E, além disso, busquem a eliminação da discriminação contra as mulheres, a relação entre eles é diferente.

Entenda

A ideologia de gênero é rejeitar a diferença entre homem e mulher, conforme imposta pela física ou genética e gênero. E também, conforme a sociedade impõem. Dessa forma, o sexo seria uma escolha pessoal.

Essa ideologia critica as instituições sociais com base na diferença entre homens e mulheres. Que são impostas pela sociedade a sexos que, na realidade, não tem como tais. Essa abordagem tem pouco a ver com a perspectiva de gênero, para a qual as orientações sexuais são indiferentes. Exceto que criam discriminação entre homens e mulheres.

    NÓS RETORNAMOS PARA VOCÊ



    Quero informações para me inscrever na Formação EAD em Psicanálise.

    O nosso post está com muitas informações. Por isso, continue lendo para saber mais!

    Leia Também:  Obrigado: significado da palavra e o papel da gratidão

    Perspectiva de gênero

    A perspectiva de gênero fala sobre o fato de ter homens e mulheres geneticamente falantes. Sendo que a sociedade deu papéis distintos. Nesse cenário tem estereótipos e as mulheres sofrem muita discriminação. Olhar com uma perspectiva de gênero, é olhar com ‘óculos’ em que vemos essas diferenças. Além disso, o sexo determina a maior parte da vida de uma pessoa.

    Até os últimos tempos não tinha esse ‘óculos’. Quando analisamos uma situação, partimos do fato de que não havia diferenças no seu impacto entre homens e mulheres. E adotaram medidas válidas para todos. Mas que na verdade foram tomadas a partir de que tem especificidades das mulheres não eram vistas.

    Está gostando do nosso texto? Por isso, comente abaixo o que você está achando! Agora, vamos saber mais  sobre o machismo. Continue lendo!

    Machismo

    A nossa sociedade melhorou bastante nos últimos tempos. Mas as mulheres continuam fazendo parte dessa sociedade que, por sua cultura de gênero, sempre a livrou de uma situação de desigualdade.

    Machismo na sociedade

    Machismo é um aspecto do preconceito sexual, que se expressa quase sempre, de forma inconsciente, na maioria das sociedades humanas. Este sistema de crenças ou ideologia classifica os seres humanos em graus de superioridade e inferioridade, de acordo com o grau em que agem.

    Esta classificação é feita de acordo com as expectativas “essenciais”, “naturais” ou “biológicas”. E que significa ser um “verdadeiro homem” ou uma “verdadeira mulher”.  As pessoas são vistas e julgadas a partir das características do grupo sexual a que pertencem. E isso sem levar em conta as diferenças que podem ocorrer entre elas e dentro delas.

    Agora que sabemos mais sobre o machismo, precisamos saber como surgiu isso. Continue lendo! para saber mais.

    Como surge o machismo?

    Desde crianças, os homens são levados à consciência de seu comportamento que pode fazer os outros suspeitarem que eles não são “homens de verdade”. Essa conscientização acontece quase de forma paranoica com adolescentes que não cumprem as regras. Essa consciência é resultado de um processo para criar um homem dominante.

    Os pais tem muito medo que seus filhos possam, em algum momento, ter características consideradas femininas. Por esse motivo, a mãe tenta evitar que isso aconteça e que não tenha  qualquer dúvidas sobre a masculinidade do pai. Desta forma, os homens  são criados em um lugar muito restrito e com muitas proibições.

    Gostou do nosso texto? Leia as nossas considerações, pois temos um convite especial para você!

    Conclusão

    Para construir uma sociedade melhor precisamos aceitar que tem diferenças entre mulheres e homens. Além disso, tem outras diferenças de gênero que não devem fazer qualquer diferença. Em especial, sobre os direitos e as responsabilidades de cada um.

    Saiba mais sobre assuntos iguais a ideologia de gênero para que possamos de alguma forma contribuir para um mundo melhor. Se inscreva em nosso curso de psicanálise clínica e melhore o seu conhecimento! Nele você terá ótimos professores para te ajudar nessa jornada. Então, não perca essa chance!.

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *