Psicologia na USP

Psicologia na USP: vale a pena fazer a graduação?

Posted on Posted in Formação em Psicanálise, Psicanálise

Sendo uma das universidades mais concorridas do país, a USP é exemplo de pluralidade quanto à variedade de cursos. Entretanto, muitos ainda se questionam se a universidade é realmente a melhor opção considerando alguns cursos, incluindo o de Psicologia. Com base nessa dúvida por parte de tantos jovens, com esse texto você entenderá se vale a pena fazer Psicologia na USP e o que pode esperar nela.

Vale a pena fazer a graduação de Psicologia na USP?

Em linhas gerais, o curso de Psicologia da USP recebe a nota de 5 estrelas em rankings preciosos para quem está decidindo sua carreira. Um exemplo é o do Guia do estudante GE. Esse reconhecimento é um indicador da altíssima excelência do curso, algo que dá segurança aos 70 alunos que ingressam no curso anualmente. A partir daqui, a busca nos processos mentais e comportamentais podem ser iniciadas e virar itens de estudo dos alunos.

A entrada na universidade de prestígio se dá através do por meio da Fuvest, o processo seletivo da USP, ou do Enem. É apenas por meio dessas opções que uma pessoa tem acesso livre ao curso 5 anos de duração. Logo após completar oito semestres, o estudante receberá o seu diploma de bacharel do curso, podendo escolher ingressar na carreira acadêmica ou não. Entretanto, para ser um psicólogo de fato, deve continuar os seus estudos por mais dois semestres.

Cabe ressaltar que a USP oferta o curso em alguns de seus campi. Assim, vale verificar qual unidade fica mais próxima a você, tornando o deslocamento até a universidade mais vantajoso.

Composição

A graduação de Psicologia na USP é composta por um grande número de matérias teóricas logo nos primeiros anos. Alguns exemplos de disciplinas são:

  • Análise experimental do comportamento,
  • Psicologia Social,
  • Introdução À Psicopatologia.

Isso sem contar as diversas disciplinas que são de origem psicanalítica para ampliar suas perspectivas.

Formação Ampla

Algo que chama atenção é que o curso de Psicologia USP acaba abrangendo diversas áreas de conhecimento, tornando a formação ampla. Nisso, as disciplinas teóricas do curso acabam ingressando e se incorporando em outras unidades. Caso seja curioso e tenha vontade de aprender a respeito das ciências sobre saúde, o curso é um ambiente propício para isso.

Tome como exemplo áreas como:

  • Neurociências no Instituto de Ciências Biológicas,
  • Genética e Evolução no Instituto de Biologia,
  • Sociologia, Antropologia e Filosofia na Faculdade de Filosofia… Etc.

Ademais, se contarmos a área Letras e Ciências Humanas, um psicólogo profissional pode se aprofundar ainda mais em temas não convencionais. Você sabia que há professores no curso de Letras que analisam obras literárias de acordo com um viés psicanalista?

USP Psicologia: Práticas e caminhos

No estudo com a USP, o estudante de Psicologia vai se envolvendo com a parte prática da profissão de maneira gradual, mas envolvente. De início, os alunos farão visitas, participando de estágios em hospitais e escolas, especialmente ao fim do curso. É a partir daqui que começam a atender no centro-escola do Instituto de Psicologia da USP.

Além disso, 30% da graduação de Psicologia se constitui de matérias optativas aos alunos. Assim, eles devem escolher quais são os temas que querem estudar de modo a personalizar o seu aprendizado. É assim que esses jovens profissionais vão conduzir sua formação aos meios de conhecimento com os quais mais se identificam e gostam.

Leia Também:  Sonhar com traição: os 9 significados para a Psicanálise

Alguns exemplos de especialização são:

  • Psicanálise,
  • Gestalt terapia,
  • Psicologia comportamental,
  • Psicologia junguiana,
  • abordagem centrada na pessoa… Etc.

No decorrer da sua construção profissional, os alunos seguirão as linhas terapêuticas de maneira democrática e inclusiva.

Por que fazer Psicologia na USP?

São diversos os pilares de apoio que podemos usar para justificar o seu ingresso no curso de Psicologia na USP. As aulas servem como um caminho próspero a quem buscar resolver dúvidas e como algumas coisas funcionam. Consequentemente, isso acaba ampliando sua atenção e disposição para solucionar demandas e fazer descobertas.

O curso de Psicologia USP possibilita uma reformulação interna que certamente será projetada para o exterior. Em outras palavras, essa formação tão completa municia você a encontrar respostas e entendimento, inclusive para iniciar pesquisas. Se ainda restam dúvidas, basta encontrar os depoimentos de alunos e ex-alunos cobre a experiência enriquecedora do lugar.

NÓS RETORNAMOS PARA VOCÊ



Quero informações para me inscrever na Formação EAD em Psicanálise.

Um dos grandes diferenciais da USP é que o estudante se aproxima com facilidade dos professores, laboratórios e pós-graduação. Dessa forma, pode se envolver mais facilmente no ambiente e mergulhar em temas que lhe interessam sem restrições. Já que o conhecimento aqui não é rígido, poderá aprender a expandir seu pensamento e ampliar suas perspectivas de aprendizado.

O diferencial

O curso de Psicologia na USP acaba por direcionar o aluno ao caminho da carreira acadêmica. Isso acontece graças ao envolvimento conquistado no início e que motiva o estudante a buscar sempre mais a ele. Consequentemente, quem recebe a atenção do estudante consegue observar os resultados obtidos ao longo de 4 ou 5 anos de estudo.

O melhor do curso é que o estudante pode experimentar de tudo a fim de que possa se encontrar sem problemas. Por exemplo, pode atuar em áreas mais políticas e sociais ou mesmo experimentais e imersivas. Isso dá uma diversidade satisfatória a quem tem gostos e chamados específicos, ampliando o público a ser atendido.

Quebra de esteriótipos

O curso de Psicologia na USP cumpre até um papel funcional para a quebra de alguns esteriótipos limitantes. Não se trata apenas de sentar imóvel diante do paciente, mas se dispor a compreender por completo sua demanda. Nisso:

Aprende-se aqui a ouvir

Desenvolvendo uma sensibilidade refinada, os alunos aprendem a ouvir de fato para atender o público. É algo ativo, de modo que o preparo teórico ajude a fazer do exercício algo recompensador aos dois. Além de descobrir os elementos que definem a vida do paciente, é encontrar o caminho e a solução necessária através daí.

Além de si

Ao mesmo tempo em que estuda modelos para entender como as pessoas são, descobrirá muito de si mesmo. Isso não é fácil, pois as suas investigações podem chegar a um ponto sensível em que afetarão você. Nisso, é preciso estar bem física e mentalmente, deixando de lado a si mesmo no momento para ajudar os outros.

Onde aplicar seus conhecimentos?

Após concluir o curso de Psicologia na USP, o direcionamento sobre a profissão costuma ser bastante variado. Felizmente, isso acaba abrindo margem para que a atuação não se limite a apenas um consultório ou RH de empresas. Você pode trabalhar em:

  • Pesquisas;
  • Escolas e universidades
  • Fóruns;
  • Tribunais;
  • ONGs;
  • Planejamento de políticas públicas… Etc.

Considerações finais sobre Psicologia na USP

Sim, vale muito a pena ingressar no curso de Psicologia na USP e propagar suas ações como psicólogo. Embora seja um curso concorrido, o esforço empregado aqui vale muito a pena, graças o retorno que traz a médio e longo prazo.

Leia Também:  Fotofobia: significado, sintomas e tratamentos

Se ainda restar dúvidas, encontre ex-alunos e profissionais que começaram a sua trajetória ali. Ou mesmo pesquise sobre as atividades direcionadas ao público para saber da eficácia do ensino na instituição. Acredite, é um retorno sem volta numa estrada de aprimoramento, transformação e evolução.

Além dele, você pode se direcionar a um caminho complementar em nosso curso online de Psicanálise Clínica. Trabalhando sua postura interna e construindo autoconhecimento, entende o seu potencial e poder de mudança no ambiente externo, além de ajudar outras pessoas também. Sem contar que o curso de Psicanálise se torna um plus valioso nas aulas de Psicologia na USP. Confira!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 + 19 =