Sonhar com aranha segundo a Psicanálise e a cultura popular

Posted on Posted in Psicanálise, Psicanálise e Cultura

Os sonhos com aranhas possuem uma infinidade de significados. Entretanto, entre a teoria da psicanálise e popular existe uma intersecção que pode nos direcionar a interpretações mais precisas se você passar por um episódio de sonhar com aranha.

Esse tipo de sonho, em princípio, pode desencadear temores devido à sua natureza nociva. Para muitas pessoas, apenas a imagem do animal já lhes parece repugnante, um corpo assimétrico sobre oito patas. Este temor físico também se acentua pela variação de peçonha que a espécie possa apresentar.

Entretanto, os animais estão em nossos sonhos para nos dizer algo a respeito de nossa realidade. Simbolizam os instintos primitivos e impulsos de nossa natureza primordial. Por isso, a presença destes seres em nossas experiências oníricas precisa ser vista de forma mais consciente.

Afinal, o ser humano não prova nada de mais predatório que seu subconsciente reprimido pelos condicionamentos limitantes. Sendo assim, o sonho com aranhas deve ter seu sentido investigado de forma a fornecer elementos vantajosos ao sonhador. Assim sendo, promove autoconhecimento e evolução.

Sonhar com aranha segundo a psicanálise

Segundo a psicanálise de Jung o sonho com a aranha representaria o mundo psíquico primitivo, alheio à consciência. A tomada do livre árbitro sem as presunções da ilusão do mundo fenomenal, existindo assim apenas a dualidade. Ao mesmo tempo inteligência criativa e predatismo numa mesma simbologia.

A aranha em muitas culturas está ligada à criação do mundo. Isto se deve à forma com a qual se dedica à tecelagem de sua teia. Fio a fio ela molda as espirais que representam o destino dos homens. Porém, têm eles a liberdade de tecê-lo ou entregar-se ao que lhes esteja reservado.

Sendo assim, sonhar com aranha pode simbolizar uma luta que esteja travando entre aceitar ou criar seu destino.

Sonhar com a fuga de uma aranha

Sonhos em que há fuga de uma aranha revelam que o indivíduo se desvia de algo em seu destino. Porém, não consegue enxergar, algo que deve ser trabalhado e vivido. É preciso rever o modo como encara o livre arbítrio diante de situações conflitantes.

Entretanto, se existe a representação de repulsa pela visão da aranha vamos ao outro extremo. Ou seja, existe a consciência de que algo está presente e seu destino, mas se nega a aceitar. Estas são as coisas imutáveis, de natureza permanente ou momentânea.

Ainda assim, não podemos esquecer do princípio dual da imagem da aranha. A beleza e o perigo convivem harmoniosamente neste cenário onírico. A simetria das formas da teia e sua atratividade para a morte aqui é apenas simbólica. A aranha pode se encerrar aqui como a mãe possesiva ou devoradora de parceiros.

Sonhar com aranha segundo o simbolismo popular

Sonhar com aranha no imaginário comum está ligado invariavelmente a armadilhas montadas. Assim, o sonho com a aranha pode simbolizar traição pessoal, má aposta de negócios ou encantos diversos que levam à perdição.

Isso se baseia na concepção lógica do dinamismo da aranha. Ela tece delicadamente e pacientemente a teia por meio da qual captura seu alimento. Num mecanismo dos mais elaborados e já decifrados pela ciência. A teia de uma aranha se adequa em conformação para atrair e manter a presa fixada.

Estariam ali representados os ardis de pessoas mal-intencionadas que iludem para levar alguém ao seu fim. Portanto, sonhar com aranha também estaria ligado ao sentido de morte, dada a natureza perigosa do animal. O tamanho do animal no sonho simbolizaria a proporção da ameaça que se anuncia.

No cotidiano, as aranhas são prontamente repelidas e enxotadas dos cantos onde se fixem. Isso denota a repulsividade e o temor a esses animais. A presença de aranhas e suas teias simbolizam o ambiente velho, descuidado e abandonado. Tanto assim que teias são decoração em comemorações típicas de Halloween.

O temor ligado às aranhas também se traduz pelo seu silêncio. Afinal, as aranhas são seres que não vocalizam nem provocam ruídos em seu deslocamento. Assim, sua aproximação jamais pode ser ouvida, o que nos remete novamente ao contexto de armadilhas.

Outras interpretações da simbologia das aranhas

A aranha tece diligentemente sua teia de forma centralizada, a partir de um centro se criam os raios de sua teia. No simbolismo, isso estaria ligado à natureza narcisista, obsessiva pelo centro do “eu”. Portanto, retornando à abordagem da psicanálise, o centro da teia revelaria a introspecção do narcisista.

Em muitas civilizações como a africana e a oriental a aranha tem uma predominância forte no mundo espiritual. Ela representaria inclusive deuses criadores do universo, representado no tecer da teia. Essa atribuição cósmica a eleva a um animal símbolo de sorte, contrariando a crença ocidental.

Leia Também:  20 frases de amizade para enaltecer grandes amigos

Sendo assim, a simbologia de sonhar com aranha difere abruptamente em decorrência da distinção cultural. Contudo, está sempre associado à questão da construção dos caminhos do destino. Isso sendo o homem seu principal coadjuvante na construção de cada jornada.

O sonho claro com uma aranha tecendo uma teia também pode simbolizar o reconhecimento por um trabalho executado. Sua diligência e dedicação a algo que constrói e do qual espera frutos pode estar aí representado.



Na cultura gótica, a aranha é usada como símbolo de poder e perigo, podendo além disso, representar a eternidade. Afinal, seu número de patas corresponde a oito, que é o número tido como símbolo do infinito. Um ciclo que não se desfaz, ininterrupto em sua condução.

Comentários finais: sonhar com aranha

Nossos sonhos são as representações mais intimistas que podemos ter de nós mesmos. Contudo, essas mensagens chegam até nós carregadas de simbolismos e elementos desconhecidos. Com isso, impedem nossa interpretação clara e precisa e então vagueamos entre as diversas fontes possíveis de esclarecimento.

A psicanálise com toda a certeza nos trouxe à luz possíveis leituras, isto é, nos mostrou que sonhamos mais do que podemos imaginar. Somos seres complexos submersos em nossa própria escuridão: nosso subconsciente. Uma força amorfa que rege todas as nossas experiências.

Tudo o que sabemos, todas as repostas estão lá, porém, esse acesso não é tão simples. Afinal, evoca nossos medos, traumas e conflitos internos. Por isso, os sonhos são uma porta voluntária por onde podemos enxergar passagem. Devemos nos atentar e valorizar cada revelação que nos seja feita por meio deles.

Sonhar com aranha, por exemplo, dependendo da sua cultura, talvez lhe pareça algo aterrador. Porém, pare, respire, se volte para o seu íntimo, para o seu momento. É importante avaliar outros elementos e composição do sonho. Todo o cenário do sonho tem um motivo e razão de ser, nada é posto ali de forma aleatória.

Sonhos são a linguagem da alma, do seu eu interior dizendo: Olhe para isso! Preste atenção aqui. Precisamos estar abertos a ouvir e reconhecer nisto um exercício de autoconhecimento, indispensável à plenitude do ser. Pense nisso caso venha a sonhar com aranha. Por fim, para saber mais sobre sonhos e inconsciente, matricule-se em nosso curso de Psicanálise Clínica online!

Foi útil para você? Curta, Comente e Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

19 − 18 =